Books Brasil Books

Novidades

[News] “1999: A Conquista da América” estreia dia 31 de março nos cinemas

 


Foto de divulgação ‘1999: A Conquista da América’. Produção Canal Azul e distribuição Elo Company

                                                                         Trailer:


São Paulo, 21 de março de 2022: “1999 – A Conquista da América” representa a conclusão de uma saga de documentários palestrinos, sucedendo “12 de junho de 1993 – O dia da paixão palmeirense” e “Palmeiras - O Campeão do Século”, todos produzidos pela Canal Azul. O longa imerge o público no universo da Libertadores da América, remonta os esquadrões palmeirenses da Primeira e Segunda Academia, leva ao público palestrino e a todo amante do esporte bretão as decepções e lágrimas anteriores à glória eterna. 


Dirigido por Marcela Coelho, Mauro Beting, Ricardo Aidar e distribuído pela Elo Company, o longa será lançado no dia 31 de março no Espaço Itaú de Cinema Pompéia - Shopping Bourbon, em São Paulo, e terá sessões às 16h30 e 20h30.


Com depoimento de grandes nomes do esporte como Ademir da Guia, Dudu, César Maluco, Leivinha, Cafu, Felipão, Paulo Nunes, Evair, Marcos, Alex, assim como de ilustres torcedores como Thiago Ventura, Rincon Sapiência, Roberto Avallone e Domenico Gatto, o filme passa por importantes marcos na história do time: as derrotas de 1961 e 1968, frente ao Peñarol e Estudiantes de La Plata; A goleada no poderoso Boca Juniors, o embate contra o Grêmio das quartas de final em 1995 e a conquista da Copa Mercosul, em 1998; a preparação do elenco por Scolari, as contratações, a pressão da torcida, o pênalti para fora de Zapata no Estádio Palestra Italia e muito mais.


SINOPSE 


“1999 – A Conquista da América” tem como missão documentar não só a história de um campeão, mas do futebol sul-americano nos primeiros 40 anos de Libertadores da América. Não produzimos nas telas o tanto que fizemos nos campos da Terra. O Brasil é difundido e muitas vezes compreendido no mundo pelo que faz no futebol. As conquistas mundiais são conhecidas. Mas as duríssimas lutas no próprio continente ainda não são devidamente pesquisadas, estudadas, editadas, contextualizadas. 


Ainda mais as de um clube especial como o Palmeiras. Fruto do amor pelo futebol e da passione dos italianos que fizeram de São Paulo a mais italiana cidade do mundo. História que começou em 1914 e escalou num mesmo time os oriundi filhos e netos da Mamma Itália, os migrantes que fizeram a maior cidade do continente, e os cidadãos muitas vezes mais palestrinos-palmeirenses que paulistanos. Torcedores de uma das cinco maiores nações do país cinco vezes campeão mundial.


OS DIRETORES 

Marcela Coelho é jornalista, roteirista, diretora e produtora de conteúdo para TV, cinema e internet, entre outras plataformas. Estreou como diretora em circuito comercial com o filme documentário de longa metragem “A História de um Sonho – Todas as Casas do Timão”, distribuído pela Elo Company para 20 salas de cinema em 19 cidades, pelo programa “Projeta às 7” parceria entre a distribuidora e a Rede Cinemark. Atuou como diretora de produção dos títulos “Palmeiras – O Campeão do Século”, “1976 – O Ano da Invasão Corintiana”, “Libertados”, “Preto no Branco”, “Garrincha do Timão”, “Meninas de Ouro”, “Onde a Moeda Cai em Pé – A História do São Paulo Futebol Clube” e “Santos de Todos os Gols”. Ainda no campo esportivo, participou da produção da série “100 anos de Seleção Brasileira” exibida na Fox e Nat Geo e finalista do prêmio APCA. Compôs a equipe de produção do longa metragem “Travessia” adaptação da peça “Grande Sertão: Veredas”, ambos dirigidos por Bia Lessa. 

Na publicidade, dirigiu e roteirizou a peça “Vem pra Arena Corinthians”. Atualmente, lança o longa “1999 – A Conquista da América”, filme que assina direção com o jornalista esportivo Mauro Beting.


Mauro Beting, comentarista e blogueiro do SBT, TNT Sports e Jovem Pan. Blogueiro e fundador do Nosso Palestra. Editor da Revista Corner. Curador do FootMemo. Curador do Museu da Seleção Brasileira. Um dos curadores do Museu Pelé. Comentarista do videogame PES desde 2010. 22 livros publicados. Diretor de três documentários e uma série de TV sobre os 100 anos da Seleção. Segundo jornalista esportivo mais premiado da história, segundo levantamento do Portal dos Jornalistas, foi um dos embaixadores do centenário do Palmeiras.


RICARDO AIDAR

Formado em Administração de Empresas pela FGV é sócio-fundador da produtora Canal Azul, e fundador da Associação Brasileira das Produtoras Independentes de Televisão.

São mais de 30 obras como produtor executivo, com destaque para Rebelião de Tubarões exibido no Discovery Channel e vencedor do melhor documentário no Festival da Amazônia; Spinner Dolphins ganhador da Palma de Bronze no festival

de Antibes na França; Todas as manhãs do Mundo série em parceria com a produtora Bonne Pioche; Crianças Invisíveis longa em coprodução com a Gullane Filmes, além das séries O Continente Gelado de Amyr Klink, Pelos Caminhos de Che, e Across the Amazon, todos em coprodução com o Canal National Geographic.

Em 2010, dirigiu o longa Todo Poderoso: o filme – 100 anos de Timão com distribuição pela Fox Films do Brasil. Em 2013 fez a direção geral de 100 anos de Seleção Brasileira – série de 5 episódios exibidos na Fox e Nat Geo e finalista do prêmio APCA. Em 2014 dirigiu "Libertados'', documentário de 90 min em parceria com a Rede Globo de Televisão. Em 2016, dirigiu 1976 – O Ano da Invasão Corinthiana. Em 2019, dirigiu “A História de um Sonho – Todas as Casas do Timão”. Atualmente, lança o longa “1999 – A Conquista da América”


NOTAS DOS DEPOENTES 

“Minha mãe me ensinava a rezar, meu pai me ensinava a escalação do Palmeiras.”

Dona Cidinha


“Um sentimento de que: “Poxa vida, isso é Palmeiras.”

Alex Müller 


“Tinha 33, 34 mil pessoas dentro do estádio naquele dia, mas tinha aproximadamente uns 3 milhões de palmeirenses fora que estavam tão felizes, tanto quanto quem teve a oportunidade de estar lá dentro.”
Marcio Roberto


“Naquele momento eu voltei para casa, como aquele menino de Curitiba venceu no Palmeiras e hoje tem três títulos, sendo dois sul-americanos. São três títulos inéditos com a camisa do Palmeiras, é inegável que a gente está na história do clube.”

Alex


“E era questão de honra mesmo levantar uma conquista de maior expressão no continente por um clube do coração.” César Sampaio 


Canal Azul

A Canal Azul Filmes é especializada na criação e produção de conteúdo audiovisual para Cinema, TV e Internet. Fundada em 1995, consagrou-se por suas produções sobre meio ambiente, natureza, aventura, esportes, história e ciência. São mais de 100 obras, entre documentários, séries e programas realizados em parceria com os maiores grupos de comunicação do Brasil e do mundo, como ESPN, Band, Globo, Globosat, Record, TV Cultura, Discovery Channel, Nat Geo, ZDF, Bonne Pioche e Grupo Fox, veiculadas em mais de 130 países e em 35 línguas. A partir de 2009, a Canal Azul passou a produzir filmes que tratam da paixão nacional: o futebol. Desde então, lançou diversos projetos com protagonismo dos gigantes do futebol nacional, como Corinthians, Santos e Palmeiras. Em 2014, lançou a série oficial em comemoração aos 100 Anos da Seleção Brasileira, em coprodução com a Nat Geo.


Documentou também a saga da olimpíada de 68 no México e amplificou o currículo esportivo lançando “Meninas de Ouro”, longa que conta a história do primeiro título mundial conquistado pela seleção brasileira de handebol feminino na Sérvia, em 2013, ambos em coprodução com a ESPN. Recentemente, em 2018, o primeiro longa do São Paulo Futebol Clube foi lançado. Em 2019, levou às telas de cinema de todo o Brasil, os longas “A História de Um Sonho – Todas As Casas Do Timão” e “Santos de Todos os Gols”. A obra “Amanhã Chegou” (2018) e todo o “Pantanal Project” – série de projetos audiovisuais em parceria com o canal Smithsonian – também foram recentemente lançados para o público em geral, na telinha e na telona.


ELO COMPANY 

Fundada em 2005 pelos sócios Flavia Feffer, Ruben Feffer e Sabrina Nudeliman Wagon, a Elo Company desenvolve, produz e distribui conteúdo de qualidade com histórias únicas e poderosas. 

Com atuação no mercado audiovisual, nacional e internacional, desde sua criação, a ELO COMPANY dedicou-se à comercialização de mais de 500 filmes e séries brasileiras do cinema ao video on demand, incluindo conteúdos de alto potencial de bilheteria a filmes de grande premiação e distribuição global.


Como produtora, atua na curadoria de projetos, até o desenvolvimento e produção de conteúdos audiovisuais de forma independente e em conjunto com players do mercado.


A ELO COMPANY tem entre seus principais objetivos criar, produzir e divulgar as narrativas brasileiras em múltiplas plataformas e países, valorizando também a diversidade na frente e atrás das telas com projetos inovadores como o Selo ELAS, que ajuda a fomentar longas com direção feminina.


Em 2022/ 2023 a empresa tem mais de 100 títulos em seu line up, incluindo mais de 15 produções com filmagens confirmadas de enorme potencial comercial


FICHA TÉCNICA

Produzido por

Ricardo Aidar


Larissa Prado 



Roteiro 

Fernando Teshainer 


Marcela Coelho 


Mauro Beting 



Direção 

Marcela Coelho 


Mauro Beting


Ricardo Aidar 



Montagem e co-direção

Fernando Teshainer 





Arte

Tiago Fernandes 



Produção executiva

Liz Reis 


Jefferson Pedace 



Fotografia 

Alexandre Freitas 


Beto Albertin


Breno Turner 


Flávio Nurilo 


Humberto Bassaneli





Som direto 

Helder Filipe D2


Murilo Freitas 


Ricardo Fabiano do Nascimento (Ricardinho)



Edição de Som e Mixagem

YB 





Trilha Original 

Escritório Maestro



Realização



Distribuição  

Canal Azul 

Elo Company




Nenhum comentário