Books Brasil Books

Novidades

[Crítica] Licorice Pizza

 

Sinopse:

Alana Kane e Gary Valentine crescem e se apaixonam em San Fernando Valley, na Califórnia, em 1970.





  O quê eu achei?

Uma coisa eu tenho que reconhecer em relação à Academia:embora sempre tenham sido conhecidos por serem elitistas e "panelinha" ,eles tem se esforçado nos últimos anos para serem mais ecléticos.

O novo longa de Paul Thomas Anderson (conhecido por Magnólia,Sangue Negro e Trama Fantasma)conta a história de Alana Kane(Alana Haim)e Gary Valentine (Cooper Hoffmann,filho do finado Philip Seymour Hoffmann, que era um colaborador de longa data do diretor, fazendo sua estreia no cinema) que se conhecem quando ela está auxiliando os fotógrafos da escola no dia de tirar a foto anual na Califórnia no ano de 1973.

Gary é um jovem ator de 15 anos que já teve algumas experiências em teatro e em filmes de baixo orçamento e está engatinhando na carreira em Hollywood. Ele se apaixona por Alana,que tem 25, ou seja, é uma década mais velha do que ele. Eles flertam e acreditam que não seja possível ficarem juntos devido à diferença de idade.

Alana e Gary abrem juntos uma empresa de colchões d`água mas durante uma exposição,ele é confundido com um bandido e preso por assassinato;logo é libertado. Alana tenta começar a atuar e Gary consegue um teste para ela de um longa patrocinado pelo produtor Rex Blau (Bradley Cooper).

Gary nasceu em uma família judia mas se converteu ao ateísmo, o que rende problemas quando ele vai jantar na casa de Alana.Cada um acaba seguindo seu caminho, se apaixonam por outras pessoas mas é claro que seus destinos se cruzam novamente.

Embora não haja nada inovador,é um filme interessante sobre amadurecimento e uma bela homenagem à juventude.Não é o tipo de filme que eu esperaria que fosse ser indicado para a categoria principal mas mereceu a indicação à Melhor Roteiro Original.E Paul Thomas Anderson tem chance de ganhar Melhor Diretor.


                     Trailer:






Nenhum comentário