Novidades

[Programação] Filmes em Destaque no Canal Brasil – 02 a 08 de novembro

ISTO É PELÉ (1974) (75’)

Horário: Segunda, dia 02, às 18h

[Pelé 80 Anos]

Direção: Eduardo Escorel e Luiz Carlos Barreto
Classificação: 10 anos

Sinopse: Documentário que narra a vida de Edson Arantes do Nascimento, o Pelé, contando sua carreira de 17 anos de futebol. Ao lado do gênio Pelé, são focalizadas as grandes conquistas do futebol brasileiro, com ênfase nas Copas do Mundo de 1958 e 1970.

BLACK & WHITE (2020) (78’)

Horário: Terça, dia 03, às 20h

INÉDITO e EXCLUSIVO

Direção: Luís Nachbin
Classificação: 14 anos

Sinopse: O documentário dirigido e filmado pelo jornalista Luís Nachbin visita três cidades do sul dos Estados Unidos: Atlanta, Nova Orleans e Orlando e chega à grade do Canal Brasil no dia em que as eleições presidenciais acontecem na América do Norte. O filme discute, de forma ampla e profunda, a histórica questão do racismo na sociedade norte-americana. Nachbin acompanha vários momentos do movimento Black Lives Matter, um movimento ativista internacional, com origem na comunidade afro-americana, que campanha contra a violência direcionada às pessoas negras, de dia e à noite. As entrevistas com manifestantes e observadores são sempre conduzidas nas ruas. Os entrevistados, todos negros, trazem diferentes perspectivas em relação aos rumos da luta contra o racismo. Em comum, há a certeza de que o país passa por um processo de transformação estrutural sem precedentes, que ainda vai gerar uma série de desdobramentos históricos.

A MATA NEGRA (2018) (96’)

Horário: Quarta, dia 04, às 22:50

[Cine Terror]

Direção: Rodrigo Aragão
Classificação: 16 anos

Sinopse: Numa floresta do interior do Brasil, Clara (Carol Aragão) vê sua vida mudar quando encontra o livro Perdido de Cipriano, cuja magia sombria, além de dar poder e riqueza, liberta uma maldição sobre a Terra.

A HISTÓRIA DE UM SONHO – TODAS AS CASAS DO TIMÃO (2019) (80’)

Horário: Quinta, dia 05, às 19h

[Mostra Cinefoot]

Direção: Ricardo Aidar e Marcela Coelho
Classificação: Livre

Sinopse: Fundado por um grupo de operários no bairro de Bom Retiro, o Sport Club Corinthians Paulista hoje é considerado um dos times mais importantes da história do futebol brasileiro: mas nem sempre foi assim. Visto com repúdio, devido a seu sucesso entre classes menos favorecidas, foi necessário muita luta para que o clube chegasse ao patamar que possui hoje.

UM HOMEM SÓ (2016) (94’)


Horário:
Sexta, dia 06, às 18:05

Direção: Claudia Jouvin
Classificação: 14 anos

Sinopse: Arnaldo (Vladimir Brichta) é um homem infeliz com os cursos tomados pela própria vida. O casamento com Aline (Ingrid Guimarães) passa por uma crise grave e o casal acaba de saber que está à espera do primeiro filho. Seu trabalho em um escritório é tedioso e o único amigo no ofício é Mascarenhas (Otávio Müller). Após mais uma noite de bebedeiras, ele lembra ter ouvido algo sobre uma clínica clandestina capaz de clonar humanos. A ideia, inicialmente apontada com uma grande piada, transforma-se em uma potencial saída para o marasmo de seu cotidiano; sua cópia passaria a assumir os compromissos de sua vida real, enquanto o original teoricamente poderia começar a reescrever sua história e corrigir os erros do passado.

ASSALTO AO BANCO CENTRAL (2011) (101’)


Horário:
Sábado, dia 07, às 21:50

Direção: Marcos Paulo
lassificação: 14 anos

Sinopse: Barão (Milhem Cortaz) é o chefe de uma quadrilha que planeja cometer o crime perfeito para ganhar muito dinheiro em pouco tempo e com baixos riscos. Ele elabora um esquema tido como infalível para saquear o Banco Central da capital cearense. Sabendo tratar-se de um lugar de segurança máxima, Barão estuda a arquitetura do prédio e decide cavar um túnel subterrâneo de 78 metros de comprimento, ligando uma casa da região à sala do cofre. Recém-saído da prisão, Mineiro (Eriberto Leão) é solicitado para ser o braço-direito do chefão da operação. O engenheiro Doutor Bandeira (Tonico Pereira) atua como o cérebro do time, planejando a construção do túnel, executado pelo mestre de obras Tatu (Gero Camilo). O ex-policial corrupto Léo (Heitor Martinez) e os assaltantes Décio (Juliano Cazarré) e Caetano (Fábio Lago) participam da escavação e cuidam da segurança da empreitada.

VOU NADAR ATÉ VOCÊ (2020) (101’)

Horário: Domingo, dia 08, às 17:25

Direção: Klaus Mitteldorf
Classificação: 16 anos

Sinopse: Bruna Marquezine faz sua primeira protagonista no cinema neste drama dirigido por Klaus Mitteldorf também estrelado por Peter Ketnath, Ondina Clais e Fernando Alves Pinto. No filme, a atriz interpreta Ophelia, uma jovem apaixonada por fotografia que cresceu apenas ao lado da mãe, Talia (Ondina Clais), e sempre quis saber o paradeiro do pai. A jovem suspeita ser Tedesco (Peter Ketnath), um artista plástico alemão recluso e recém-chegado ao Brasil para inaugurar sua nova exposição. Obstinada a finalmente conhecê-lo, a protagonista lhe envia uma carta e o avisa que, como sugere o título, vai nadar até ele, partindo da ponte de Santos, até Ubatuba, no litoral norte do estado de São Paulo. Após receber a correspondência, no entanto, o intelectual pede a Smutter (Fernando Alves Pinto), um grande amigo, seguir os passos da moça e acompanhá-la de perto.


 

 

Nenhum comentário