Novidades

[News]Renaud Capuçon lança interpretação do Concerto para violino de Elgar

CLIQUE AQUI E OUÇA AGORA O ÁLBUM!

https://www.warnerclassics.com/br/release/elgar 

 

RENAUD CAPUÇON LANÇA INTERPRETAÇÃO DO CONCERTO PARA VIOLINO DE ELGAR
 
Fenômeno francês se junta à ícones da música clássica para realizar um dos mais antigos sonhos

 

 

Aclamado violinista, há 30 anos Renaud Capuçon vem sendo constantemente reverenciado e premiado pelos trabalhos realizados e, em cada um deles, o artista parece surpreender ainda mais o público com a sutileza e classe dos arranjos e performances - e não seria diferente neste mais novo lançamento.

 

 

O “Concerto para Violino de Elgar” é uma obra incrível, distintamente apaixonada e nostálgica, que marca o fim do romantismo. “É uma peça enorme, tanto em termos de duração como de natureza romântica e nobre”, diz Capuçon, que sempre sonhou em gravar uma versão para esta obra.
 
Em parceria com a Orquestra Sinfônica de Londres (LSO), regida pelo Sir Simon Rattle, Capuçon traz à tona uma belíssima interpretação deste clássico do violino. Esta é a primeira gravação de Capuçon com Sir Simon Rattle, que já havia conduzido outras duas interpretações desta peça de Edwin Elgar.

 

Clique aqui e confira o registro:

 

Junto ao concerto deste álbum está a sonata para violino de Elgar, composta nos anos finais da Primeira Guerra Mundial e executada pela primeira vez em 1919. Para esta composição, Renaud Capuçon - que chama a sonata de “uma obra de nobreza e ternura” - junta-se a um dos maiores pianistas britânicos da atualidade, Stephen Hough.

 

 

Créditos da imagem: Paul Marc Mitchell

 

Confira a tracklist completa: 

  1. Elgar: Violin Concerto in B Minor, Op. 61: I. Allegro
  2. Elgar: Violin Concerto in B Minor, Op. 61:II. Andante
  3. Elgar: Violin Concerto in B Minor, Op. 61: III. Allegro Molto
  4. Elgar: Violin Sonata in E Minor, Op. 82: I. Allegro
  5. Elgar: Violin Sonata in E Minor, Op. 82: II. Romance. Andante
  6. Elgar: Violin Sonata in E Minor, Op. 82: II. Allegro non Troppo 

Edward Elgar, Renaud Capuçon, London Symphony Orchestra, Sir Simon rattle

 

Nenhum comentário