Novidades

[News]Objetos em Redes - Em virtude do Decreto o horário foi alterado para 15h, de 18 a 21/03.

Governo Federal, Governo do Estado do Rio de Janeiro, Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa do Rio de Janeiro, através da Lei Aldir Blanc apresentam:

Objetos em Redes 

Performance de Giselda Fernandes, com oito bailarinos, estreia 18 de março, com transmissão ao vivo do Centro Coreográfico do Rio de Janeiro



Giselda Fernandes é bailarina e coreógrafa que há 20 anos investiga e busca sensibilizar o olhar humano para as questões ambientais. No espetáculo inédito, Objetos em Redes, que estreia no dia 18 de março, 5ªf, às 15 horas, com transmissão gratuita e ao vivo direto do Teatro Angel Vianna, via Facebook do Centro Coreográfico do Rio de Janeiro, a diretora convidou oito bailarinos como performers, moradores de diferentes pontos da cidade do Rio de Janeiro, com o desafio de utilizar resíduos plásticos encontrados no seu entorno como parceiros na criação coreográfica que fará parte da composição do cenário de Hilton Berredo, que assina a direção artística e Instalação Cênica.

Reunidos sob a direção de Giselda Fernandes, Casul0, Cayo Almeida, Diogo Nascimento, Luciana Barros, Marlúcia Ferreia, Samuel Castelo, Tais Almeida e Wagner Cria no projeto Objetos em Rede, os bailarinos usam os objetos plásticos como parceiros na criação e em busca de uma resposta artística para as questões sobre as mudanças climáticas: o estado de coisas em que cada indivíduo se vê transformado em seres plásticos que desequilibam o planeta.

“Objetos em Redes” não reconhece as fronteiras entre arte e natureza, entre corpo e objeto, entre cidade formal e informal, entre hoje e amanhã: presencialmente ou on-line nos afetamos e queremos afetar a todos com os desafios de cocriar o mundo das futuras gerações.”, reflete Giselda Fernandes

Governo Federal, Governo do Estado do Rio de Janeiro, Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa do Rio de Janeiro, através da Lei Aldir Blanc apresentam Objetos em Redes, que conta com o apoio da Prince Claus Fund e da Casa da Palmeira (Cabo Frio-RJ). Esta última, local onde a criadora e elenco se reuniram em imersão criativa, onde ocorreu o processo de pesquisa e ensaios presenciais do espetáculo – em conformidade com todos os protocolos de segurança do Covi-19 no local.

Além das apresentações ao vivo, Objetos em Redes conta ainda a exibição de cinco sessões gravadas nos dias 26, 27 e 28 de março, online e gratuitas. A sessão do dia 26 de março será seguida de bate-papo online com a equipe após a exibição. Também faz parte do projeto duas oficinas ministradas pela coreógrafa (abaixo, serviço completo).

Este projeto tem patrocínio da Lei Aldir Blanc do Estado do Rio de Janeiro - Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa do Rio de Janeiro, Lei Aldir Blanc da Prefeitura do Rio de Janeiro - Secretaria Municipal de Cultural e do Prince Claus Fund. Apoio do Centro Coreográfico da Cidade do Rio de Janeiro e da Casa das Palmeiras (Cabo Frio – RJ)

SINOPSE:

Para sensibilizar o olhar humano para as questões ambientais, oito bailarinos convidados como performers. moradores de diferentes pontos da cidade, com o desafio proposto pela coreógrafa de utilizar resíduos plásticos da região de cada um como matéria prima para as apresentações. 

SERVIÇO:

OBJETOS EM REDES | DANÇA PERFORMER

Data: 18, 19, 20 e 21 de março | 5af a domingo

Horário: Quinta a Sábado: 15h | Domingo:15h

Transmissão ao vivo do Centro Coreográfico do Rio de Janeiro | Teatro Angel Vianna
Online:
www.facebook.com/centrocoreografico

Classificação: Livre

Duração: 50 minutos

Ingresso: Gratuito

OBJETOS EM REDES | Versão Gravada

Data: 26, 27 e 28 de março

Onde: www.sympla.com.br/eventos/teatro-espetaculo

Sexta às 19h | com bate-papo online com a equipe criativa após a exibição do espetáculo
Sábado e Domingo: 17h e 20h

Classificação: Livre

Duração: 50 minutos
Ingresso Gratuito

OFICINAS ONLINE GRATUITAS (plataforma zoom)

22 e 24 de março de 2021 | 2ªf e 4ªf | 18h | Ique Moraes | Oficina de Dinâmica Muscular Método Ceme Jambay

23 e 25 de março de 2021 | 3ªf e 5ªf | 15h | Giselda Fernandes | Oficina Objeto Partner

Confirmação através do e-mail: osdois@osdois.com

MATERIAIS PARA IMPRENSA:

https://drive.google.com/drive/folders/1URl9B9LodKqFYGPhwaXDqVvmGDTK5OBH?usp=sharing


FICHA TÉCNICA

Concepção, direção geral, direção de movimento e Instalação coreográfica: GISELDA FERNANDES

Direção artística e Instalação Cênica: HILTON BERREDO

Direção de vídeo e edição: LUIZ GUILHERME GUERREIRO

Performer / Criadores

CASUL0

CAYO ALMEIDA

DIOGO NASCIMENTO

LUCIANA BARROS

MARLÚCIA FERREIRA

SAMUEL CASTELO

TAIS ALMEIDA

WAGNER CRIA

Trilha Sonora original: GABRIEL MATRICIANO e JOÃO MELLO

Iluminação: JOSÉ GERALDO

Coordenação Técnica: GIL SANTOS

Assessoria de Imprensa: SILVANA CARDOSO E. SANTO (PASSARIM COMUNICAÇÃO)    

Gestão da Página do projeto em redes sociais e design gráfico: RAQUEL OLIVEIRA

Produção Executiva e Coordenação Artística: MANA LOBATO

Assistente de Direção: IQUE MORAES

Assistente de Produção: EVELINE PEIXINHO e MONICA VARELLA

Direção de Produção: CACAU GONDOMAR

Realização: OS DOIS PRODUÇÕES ARTÍSITICAS 

MÍDIAS DIGITAIS CIA OS DOIS E GISELDA FERNANDES

Facebook: @osdoiscompanhia

Instagram: @osdoisciadedança

Youtube.com/osdoisciadedança

Site: www.osdois.com

Facebook: @giseldafernandesdm

Instagram: @giselda.fernandes

 

Giselda Fernandes Giselda Fernandes é uma artista da dança. Bailarina, coreógrafa, produtora e professora, graduou-se em Licenciatura Plena em Dança na Faculdade Angel Vianna em 2004, tendo especialização em ‘Estudos Avançados em Dança Contemporânea: Coreografia e Pesquisa’ (UniverCidade 2006). Em 1992, Giselda fundou Os Dois Cia de Dança, residente para ensaios desde 2004 no Centro Coreográfico da Cidade do Rio de Janeiro. Após longa carreira como bailarina, em 2000 passa a coreografar desenvolvendo o conceito de objeto-partner na criação de performances e obras para o palco. A Cia. recebeu o Prêmio Funarte Klauss Vianna em 2006, 2009 e 2015, e em 2003 e 2011 foi contemplada com subvenção da Prefeitura do Rio de Janeiro. Atualmente, em parceria com Prince Claus Fund e o Instituto Goethe, a Cia desenvolve o projeto Objetos em Redes.


Hilton Berredo é artista visual, professor universitário e performer. Graduou-se em arquitetura pela Universidade Gama Filho em 1978, é mestre em arquitetura pela UFRJ (2007) e doutor (2012) pela FAU/PROARQ/UFRJ. Com extensa carreira como professor universitário, atualmente leciona na PUC-Rio a disciplina Projeto de Arquitetura Teatral e Projeto do Espaço Residencial 1. Como performer e cenógrafo, desde 1986, Hilton Berredo vem desenvolvendo, com a bailarina Giselda Fernandes, uma linha de pesquisa que inclui dança, performance e intervenções plásticas. Diretor Artístico de Os Dois Companhia de Dança, colabora na conceituação dos espetáculos da companhia. Suas atividades na área de Dança incluem ainda cursos para bailarinos e coreógrafos.

Sobre OS DOIS COMPANHIA DE DANÇA

Fundada em 1992, Os Dois Produções Artísticas produz exposições, espetáculos e oficinas de arte contemporânea. A produtora tem a missão de produzir trabalhos de arte contemporânea de forma colaborativa com artistas que estejam disponíveis para projetos elaborados pontualmente ou que tenham continuidade dentro da pesquisa com o objeto-partner, objetos plásticos e sensibilizar o olhar para o uso de objetos que produzidos em série aumenta a poluição de nosso planeta. Tem como diretores Giselda Fernandes e Hilton Berredo. Desde 2001, Giselda Fernandes produz e dirige suas próprias criações coreográficas e performáticas a partir do conceito objeto-partner, desenvolvido por ela. 

PR/Silvana



Nenhum comentário