Novidades

[News]Confira as novidades nacionais da Universal Music.

SANDY & JUNIOR DISPONIBILIZAM O VÍDEO DE “LIBERTAR”, GRAVADO AO VIVO DURANTE A TURNÊ “NOSSA HISTÓRIA”

 

 

Hoje, a dupla Sandy & Junior apresenta “Libertar”, mais um dos vídeos do álbum “Nossa História (Ao Vivo)”. Essa e outras 28 faixas fazem parte do disco que celebra o ciclo intenso e vitorioso de 30 anos da dupla. Assista aqui: https://youtu.be/fxJj-GqT5Nc  .

 

Em parceria com a Universal Music Brasil, o álbum traz todas as músicas do repertório dos shows ao vivo e já está disponível nas plataformas de streaming (Spotify, Deezer, Apple Music, entre outras). Ouça e baixe aqui: https://umusicbrazil.lnk.to/NossaHistoriaAoVivoPR .

 

Em julho, também foi apresentado no Globoplay o documentário “Sandy e Junior - Nossa História - Ao Vivo em São Paulo”. Com a direção de Raoni Carneiro, o conteúdo exclusivo foi produzido durante a apresentação apoteótica da dupla no Allianz Parque, em São Paulo, além de trazer imagens de outros shows da turnê.

 

Desde o primeiro reencontro nos palcos, em julho de 2019, os irmãos têm presenteado os fãs com projetos inéditos, que os levam a viajar no tempo, recordar momentos especiais da carreira e criarem, juntos, mais um capítulo inesquecível. Agora, um ano depois da estreia, o público pode matar a saudade ou assistir pela primeira vez esta mega produção, além de poder ouvir e cantar junto todos os maiores sucessos da dupla, onde e quando quiser.

 


 

DI FERRERO CONVIDA VITOR KLEY PARA O LANÇAMENTO DO EP “DI BOA SESSIONS 3”. O TRABALHO TRAZ A MÚSICA “HOJE O CÉU ABRIU”, UMA COLABORAÇÃO DOS ARTISTAS

 

 

Di Ferrero lança hoje o terceiro EP do projeto “Di Boa Sessions III”, com a participação de Vitor Kley, que chega em todas as plataformas digitais, com novas versões das canções “Hoje o céu abriu” e “Farol”. Ouça e baixe aqui: https://umusicbrazil.lnk.to/DiBoasSessionsVKPR . A regravação de “Hoje o céu abriu” também ganha vídeo, que mostra Di e Vitor em uma perfeita sintonia no estúdio. Assista agora: https://youtu.be/bUTK1qjL_kY .

 

O EP 3 do ‘Di Boa Sessions’ foi gravado com um cara que é um amigo muito querido. Antes de nos conhecermos, algumas pessoas que temos em comum sempre me falavam que eu ia me dar bem com ele. Eu fico feliz de ter coisas em comum com ele, porque ele é demais, alto astral, gente boa e muito talentoso. A gente foi pro estúdio já com as músicas pré-definidas. Ele gosta de ‘Hoje o céu abriu’, que é uma música lá de trás, que eu acho que tem tudo a ver com ele. E eu gosto de ‘Farol’, que eu vi um clipe dessa música, que me emocionou bastante, dele com o pai.  A gente passou um dia no estúdio curtindo, regravando. Foi demais e tá bem impresso nas músicas e nos vídeos que vão sair também”, conta Di.

 

O quarto e último EP do projeto “Di Boa Sessions” será lançado no próximo mês.

 


 

MANU GAVASSI CONVIDA GLORIA GROOVE PARA O LANÇAMENTO DE “DEVE SER HORRÍVEL DORMIR SEM MIM”, SUA NOVA MÚSICA E VIDEOCLIPE

 

 

Manu Gavassi, que já provou que gosta de sair do convencional, criou um plano de marketing invejado por grandes empresas onde gravou 130 vídeos antes de entrar em um programa de televisão, bateu o maior recorde de todos em um reality show, chamou a atenção da artista internacional Dua Lipa, ganhou seu primeiro Disco de Platina com “áudio de desculpas”, se prepara para mais um grande feito.

 

No último dia 12, a cantora, de 27 anos, sumiu após um blackout em suas redes sociais, onde todas as suas fotos desapareceram deixando os fãs desesperados. No dia seguinte, as redes foram ocupadas por Malu Gabatti, uma renomada cineasta que acaba de chegar ao Brasil depois de longa temporada em Nova York.

 

A ideia da personagem veio quando fechei uma campanha de cabelos, com a Redken. A partir daí eu pensei: ‘Como posso reverter a mídia que geralmente se ganha em uma transformação dessas pro meu trabalho?  Lançando um clipe e criando uma personagem que tem vida própria e que fica oito dias no meu Instagram sem ninguém entender nada (risos). Foi uma ideia ousada, mas funcionou. Gerou curiosidade, sem falar que eu e minha equipe rimos horrores dessa ideia maluca”, revela a cantora.

 

Foi dessa forma divertida e fora do convencional que Manu, em parceria com o TikTok, deixou seu alter ego assumir o recém criado perfil na plataforma, lançando, dias depois, um featuring com a cantora Gloria Groove, envolvendo seus seguidores em uma atmosfera de mistério e expectativa.  

 

Como parte da estratégia conjunta com o TikTok, foram produzidos oito vídeos exclusivos para o aplicativo, parte do curta-metragem e do clipe da música. A ação incluiu também uma collab com Mario Jr., um dos Tiktokers mais famosos do país, e com Rafa Uckmann, além de um vídeo de ligação com a própria Gloria Groove. Manu também entrou na onda das coreografias, tão populares na plataforma, e lançou a Dança do Tamborzinho.  

 

Fiquei muito feliz com a entrada no TikTok e em poder produzir conteúdo da minha maneira. Em uma semana, já são quase um milhão de pessoas que acompanham o perfil. Pude perceber que a plataforma é realmente democrática, para todas as idades e interesses, sem contar que durante o processo de criação, eu me diverti muito!", conta Manu.

 

A canção “Deve ser horrível dormir sem mim” é uma composição de Manu, que logo pensou em Gloria para dar o seu toque especial e criando a sua parte: “Eu achei uma anotação perdida no meu bloco de notas e era ‘deve ser horrível dormir sem mim’. Achei estranho e engraçado, então resolvi fazer uma música. Mandei pra Glória e ela se identificou. Somos duas capricornianas malucas e ela me mandou super rápido a parte dela. Na hora, já senti que a nossa vibe bateu e que seria muito legal levar essa parceria adiante. Sou muito movida a vibe, na verdade". Ouça e baixe aqui: https://umusicbrazil.lnk.to/DeveSerHorrivelDormirSemMimPR .

 

Eu tô muito, muito, MUITO feliz. Sou muito ‘gavassier’ e me identifico com a Manu em níveis assustadores. É um prazer gigante ter sido convidada por ela logo após o BBB, que catapultou o nome Manu Gavassi a novos lugares. Foi um presente acompanhar mais de perto o processo criativo desta jovem gênia brasileira, desde a produção da faixa - inclusive minha primeira vez trabalhando com o Lucas Silveira, de quem também me tornei ainda mais fã -, passando pela criação do roteiro brilhante escrito por ela e a gravação do curta + clipe. Fico estupefata com a entrega da Manu. Está o tempo todo atenta a absolutamente tudo, guiando o próprio trabalho com muita gentileza e coesão. É muito inspirador. Somos duas capricornianas megalomaníacas e excêntricas que se entendem. Incrível como quando existe identificação, as coisas simplesmente fluem!” – declara Glória Groove.

 

O videoclipe, que na verdade é um curta metragem com um pouco mais de 10 minutos de duração, foi dirigido e roteirizado por Manu, que pensou nos mínimos detalhes, escolhendo cada um dos personagens a dedo, inclusive a ideia de convidar o casal de atores Chay Suede e Laura Neiva foi uma forma de olhar com carinho para o passado. Assista aqui: https://youtu.be/TiW3LUTZR5E .

 

Sinto que dirigir esse projeto sozinha foi um marco pra mim. Descobri que eu realmente estou pronta para dar passos maiores do que imaginava, além de ser extremamente divertido. Eu me senti entre amigos e muito segura do que queria passar. Toda as pessoas que coloquei nesse projeto tem um porquê. E sou muito grata a todos”.

 

Entre mãos com luvas dançantes, coelho imaginário e muito conceito, Manu Gavassi mostra que está cada vez mais segura para se afirmar no mundo da música, moda e criação de arte.

 

 


 

PRISCILA TOSSAN ACABA DE LANÇAR “ICEBERG”, SEU ÁLBUM DE ESTREIA, ACOMPANHADO DO SINGLE “LIBÉLULAS”, EM PARCERIA COM CRIOLO E LUCCAS CARLOS

 

 

Iceberg”, o álbum de estreia da cantora e compositora Priscila Tossan, chega hoje às plataformas digitais pela Universal Music. O disco conta com 12 faixas, sendo cinco canções inéditas, as cinco faixas do EP mais recente de Tossan, “Cine Odeon”, além de uma versão de “Disfarça e chora”, samba do lendário Cartola, e a inédita “Não sabia”, composta por Luiz Melodia. O álbum, que tem produção de Alexandre Kassin, conta ainda com canções autorais e traz a colaboração de Danilo Dias e Feijão, parceiros de longa data da artista. Ouça e baixe aqui: https://umusicbrazil.lnk.to/Iceberg .

 

O primeiro single do álbum é a inédita “Libélulas”, resultado da colaboração entre a artista e os músicos Criolo e Luccas Carlos. Priscila Tossan conta que era uma vontade antiga dela trazer “uma coisa mais rap” para seu trabalho. A escolha dos artistas convidados para essa parceria nasceu da admiração da cantora pelo trabalho dos dois artistas. Junto com a faixa, o videoclipe de “Libélulas” também ganha estreia no YouTube. Assista aqui: https://youtu.be/4xnORegG0go  .

 

Priscila Tossan trouxe para seu novo álbum outras quatro canções inéditas: “Deixe os problemas pra lá” (Vinicius Feijão / Danilo Dias / Priscila Tossan), “Noite de luar” (Priscila Tossan / Priscila Marchon / William Bruno), “Céu azul” (Priscila Tossan) e “Pretinha” (João Amorim / Priscila Tossan / Tiago Caetano).

 

“Só sinto felicidade. É uma satisfação imensa para mim todo dia lembrar que o disco tá na pista, que eu consegui fazer o que eu queria de verdade, desde o início. Ainda mais tendo o Kassin, que só agregou. Ele conseguiu entender o que eu queria e somou muito ao projeto. O que eu não conseguia tecnicamente ele trouxe para mim, eu pensei; ‘É isso! Era isso que faltava’. Foi incrível fazer esse álbum, eu sinto só contentamento”, declarou Tossan sobre seu novo projeto.

 

O EP “Cine Odeon”, o segundo da carreira de Tossan, foi lançado em maio deste ano. Produzido por Alexandre Kassin, Tó Bradilione e Ale Siqueira, o projeto compila cinco faixas inéditas que marcaram o início de uma fase mais madura musicalmente para a artista, que apresentou as autorais “Iceberg” (ao lado de Danilo Dias, Marcos Serafim e William Bruno) e “Quanto tempo faz” (Priscila Tossan), além das canções “Vida” (Danilo Dias / Thalles Lima), “Veja só” (Danilo Dias e Feijão) e a faixa-título, composta por Aline Coutinho, Vitin e Eduardo Martins, que também ganhou um videoclipe. Confira aqui: https://youtu.be/80ftJ2UuWLI .

 

No início da carreira, a carioca se apresentava nas estações e vagões do metrô do Rio de Janeiro. “Com certeza foi um marco o metrô. Eu sempre fui muito tímida pra cantar em público e foi um desafio enorme. Me lembro de quando eu cantei pela primeira vez. Eu paguei a passagem, entrei e falei pra mim mesma: ‘Cara, eu não vou conseguir fazer essa parada aqui’. Aí eu saí e desisti. Dias depois, diante de muita necessidade, eu novamente falei pra mim: ‘Mano, eu tenho que voltar e fazer essa parada’. E aí eu encarei. Foi difícil, mas rolou. Eu ficava olhando pros ‘amiguinhos’ e pensando: ‘Pô, se os caras conseguem, eu também vou conseguir defender o meu’”, disse Priscila.

 

Deu certo. Depois das apresentações na rua, o trabalho de Priscila ganhou mais visibilidade. Em 2018, ela foi semifinalista da sétima edição do programa "The Voice Brasil", exibido em 2018, no qual ela teve o cantor Lulu Santos como técnico. Hoje, os dois são amigos e mantêm a relação de admiração mútua. Em 2019, a cantora fez uma participação no show de Lulu, no palco Sunset, do Rock in Rio.

 


 

CAROL BIAZIN LANÇA, AO LADO DE VITÃO, SEU NOVO SINGLE E CLIPE, “SEMPRE QUE DER”

 

 

O mundo do pop está em êxtase! De um lado, Vitão, dono de mais de 500 milhões de visualizações no YouTube e hits como “Sei Lá”, “Flores” e “Café”. Do outro, Carol Biazin, uma das vozes mais marcantes e únicas da nova geração da música brasileira, coautora de hits nacionais e colecionadora de prêmios. Resultado? Hoje, os dois lançam o single e clipe “Sempre que der” em todos os aplicativos de música. Ouça e baixe aqui: https://umusicbrazil.lnk.to/SempreQueDerPR . O videoclipe também já pode ser visto no YouTube. Acesse: https://youtu.be/zcr3xClaG_8 .

 


Composta por Carol Biazin, Vitão, DAY, Tiê Castro e Los Brasileiros durante um camping de composição, o single já está escalado para o novo álbum de Biazin, que deve ser lançado no final do ano. “A gente sempre realizava ‘campings’ para exercitar nossas composições, sair de nossas zonas de conforto e fazer músicas para nós e outros artistas. Inicialmente ela foi feita para um encontro da Ludmilla e do Ferrugem, mas eu gostei muito dela e resolvi gravar esse trabalho incrível ao lado desse amigo que amo muito”, conta Biazin.

 

Sobre a parceria com Vitão, Carol diz que surgiu de maneira muito natural. “Além de termos composto a música juntos, Vitão é um dos meus melhores amigos. Quando decidi que essa canção ficaria para meu novo álbum, cheguei nele e disse: ‘Migo, a música vai entrar no meu álbum! Vamos?’, aí ele me disse ‘Mentira?! Vamos nessa! Foi mega natural”.

 

Vitão se diz feliz em poder participar de “Sempre que der” e conta que a ligação musical e pessoal entre os dois faz com que consigam fazer muitas coisas lindas juntos. “É uma honra estar cantando na faixa de uma cantora tão talentosa e gigante assim. Fazer este trabalho com a Carol foi muito natural. A gente tem uma intimidade musical e pessoal muito grande, então conseguimos desenvolver coisas lindas juntos, de uma forma rápida e fácil. Há algum tempo já conversávamos sobre fazer algo juntos e chegou o momento! Tenho certeza de que as pessoas vão amar. Estou muito feliz”, conta.

 

Produzida pelo coletivo Los Brasileiros, responsáveis por sucessos de artistas como Anitta, Vitão e Jão, “Sempre que der” conta a história de um casal que está sendo destruído pela distância e tem influências de melodias de pagode com misturas de R&B e pop.

 

Com apenas 22 anos de idade, Carol mostra-se uma grata realidade da nova geração do pop brasileiro. A ruiva é coautora dos singles “Pouco de você”, do cantor Vitão, “Juntinho”, da Rouge, “Complicado”, de Vitão e Anitta.

 

Carol foi vencedora dos prêmios Pop Mais, na categoria “Artista revelação”, e “Aposta do Ano” do Prêmio Jovem Brasileiro, em 2019. Os números da ruiva também impressionam. No YouTube, a cantora já contabiliza 720 mil inscritos e 100 milhões de acessos totais. No Instagram, ela soma mais de 616 mil seguidores e tem hoje mais de 110 mil fãs no Twitter. Carol foi finalista da edição 2017 do reality musical The Voice Brasil, onde integrou o time da cantora Ivete Sangalo.

 


 

SURICATO LANÇA SEU NOVO ÁLBUM, “SURICATEANDO”, EM TODAS AS PLATAFORMAS DIGITAIS

 

 

Hoje, o multi-instrumentista Rodrigo Suricato lança “Suricateando”, seu quarto álbum, com sete faixas que ajudaram a moldar o artista enquanto jovem. Ouça e baixe aqui: https://umusicbrazil.lnk.to/Suricateando .

 

É um disco sobre minha memória afetiva. Esse repertório ficou ainda mais sensível com a impossibilidade de encontrar minha família e os amigos”, conta o artista. Em sua memória, tanto Roupa Nova quanto Jimi Hendrix têm lugar cativo na sua formação musical. “Todas essas canções são a trilha sonora das principais famílias que conheço, por isso levo-as muito a sério. É um presente para que meus amigos ouçam em casa”, complementa Rodrigo

Suricato cantou e tocou como faz em casa. Sem recurso de afinação de voz, sem obedecer a um andamento e foi produzido por ele e masterizado em fita analógica. Na foto da capa de “Suricateando” está o artista com sua primeira “guitarra”: uma raquete de plástico.

 

As faixas do álbum são sucessos nacionais nas vozes artistas como Fagner, “Deslizes” (Michael Sullivan/ P. Massadas); Leandro & Leonardo, em “Talismã” (Michael Sullivan/P. Massadas); Raça Negra, em “Cigana” (Raça Negra); Roupa Nova, em “Volta pra mim” (Cleberson Horsth/ Ricardo Feghali); Almir Guineto, em “Insensato destino” (Maurício Lins/ Chiquinho Virgula/Acyr Marques); Paralamas do Sucesso, em  “Um pequeno imprevisto” (Herbert Vianna/Theddy Correia) e “Faltando um pedaço”, de Djavan.

 

Michael Sulivan, autor de “Deslizes” adorou a versão que fiz, fiquei orgulhoso”. Ele disse “de modo suave você sacode o mundo”.

 


 

CONHEÇA “PRESENTINHO”, MÚSICA INÉDITA DE GUGA NANDES, QUE CHEGA ACOMPANHADA DO EP “PRA NÃO DESGRUDAR - PRESENTINHO

 

 

Já dizia o ditado “tudo dá certo no final”. E é com o encontro de seu verdadeiro amor que Guga Nandes encerra com a faixa “Presentinho” (https://umusicbrazil.lnk.to/PresentinhoPR), que chega hoje a todos os aplicativos de música, os lançamentos do primeiro DVD de carreira do cantor, “Pra Não Desgrudar”. O clipe exclusivo gravado ao vivo no Rio de Janeiro, também já pode ser visto. Assista agora: https://youtu.be/p3CFOtgcyII .

 

A canção encerra o EP “Pra Não Desgrudar - Presentinho” (hhttps://umusicbrazil.lnk.to/PraNaoDesgrudarPresentinhoPR) e ainda marca o lançamento do DVD completo de Guga, que começou a ser divulgado em março com o lançamento de “Pra Não Desgrudar Vol.1”. A primeira parte do projeto foi grande sucesso e trouxe oito canções inéditas e quatro parcerias com Suel, Vitão, Mumuzinho e Gabily. Além disso, “Reticências”, canção gravada em parceria com Suel, já conta com mais de 800 mil streams no Spotify, mais de 4 milhões de visualizações no YouTube e é hoje a mais tocada nas principais rádios do Rio de Janeiro.

 

Na segunda leva de lançamentos, Guga Nandes apresentou mais quatro músicas inéditas, que se complementam entre si e contam uma mesma história. “Pega” mostrou a paixão ardente e efusiva do casal que acaba de se conhecer. “Estátua” apresentou um cantor arrependido após alguns erros com a amada, à espera de seu perdão. “Fã de Erro” fala sobre aquela fase do relacionamento em que tudo é conturbado, muito bom ou muito ruim, mostrando uma pessoa que mesmo sem estar completamente feliz com o relacionamento não desiste do amor.

 

Por fim, “Presentinho” chega encerrando o ciclo com uma história que deu certo e o amor venceu. O refrão apaixonado “Eu pedi pra Deus um presentinho, e olha quem tá segurando a minha mão” com certeza irá embalar grandes histórias de amor.

 

“‘Presentinho’ é realmente um presente de Deus na minha vida. Em um momento emocionalmente conturbado na minha vida, muitas coisas acontecendo e eu senti de pegar o violão e começar a cantarolar uma melodia e as ideias começaram a vir. E essa música veio para selar essa mudança na minha vida. Eu tenho um carinho muito grande por ela, não só porque eu a compus, mas também porque é uma música que todo mundo se identifica. Pode ser cantada para um filho ou até mesmo para o seu amado. Acho que pra quem tá apaixonado essa é a música ideal”, explica Guga Nandes.

 

Dirigido por Júlio Loureiro - conhecido por trabalhar em DVDs de Dilsinho, Ludmilla, Matheus e kauan, Léo Santana, entre outros - e com produção musical de Lelê e Bruno Cardoso, do Sorriso Maroto, “Pra Não Desgrudar” conta com 12 faixas e está disponível em todos os aplicativos de música.

 


 

OUÇA “QUARENTENA EMBRASADA”, NOVA MÚSICA DA SENSAÇÃO DO BATIDÃO ROMÂNTICO ALDAIR PLAYBOY. ASSISTA TAMBÉM AO VIDEOCLIPE

 

 

Ícone do batidão romântico, Aldair Playboy apresenta hoje seu novo single, “Quarentena embrazada”, em todos os aplicativos de música. Ouça e baixe aqui: https://umusicbrazil.lnk.to/QuarentenaEmbrazadaPR . A música, uma composição de Vinicius Amaral, Elyab Lima, Aldair Brito e Léo Magno, chega acompanhada do vídeo oficial. Assista agora: https://youtu.be/RLKp_o856uU  .

 

Em julho, Aldair lançou a faixa “Minha ex voltou” (https://umusicbrazil.lnk.to/MinhaExVoltou), com as participações de Thiaguinho MT e JS O Mão de Ouro, uma composição de Eliab Pereira e George Souza. O videoclipe já foi visto mais de 1.7 milhão de vezes. Assista agora: https://youtu.be/vWcXy5lXAyw .

 

Aldair Playboy possui mais de 1 milhão de ouvintes mensais em seu perfil no Spotify. Em abril de 2018, o cantor paraibano divulgou seu hit “Amor Falso”, que alcançou os primeiros lugares entre as músicas mais executadas no Spotify. A canção foi a música mais tocada no Brasil, ficou em 12º lugar no ranking “Global Viral 50” da mesma plataforma e esteve entre as 50 na categoria “viral” no Japão, Paraguai, Portugal e Uruguai.

 


 

LUIZA CASÉ, EM PARCERIA COM O CANTOR PEDRO SÁ, LANÇA A FAIXA “PURPURINA” EM TODOS OS APLICATIVOS DE MÚSICA

 

Pessoas posando para foto

Descrição gerada automaticamente

 

“Purpurina” apareceu numa noite. Sem saber, promoveu encontros unindo sonho e realidade. Hoje, Luiza Casé e Pedro Sá trazem à luz a força inerente e essencial da canção brasileira, a sutileza dos detalhes, a modernidade em seu jeito mais puro de ser. Dois artistas que soam autenticamente complementares. Ouça e baixe aqui: https://umusicbrazil.lnk.to/PurpurinaPR .

 

Nessa noite, estava com Pedro Sá e Thiago Nassif gravando meu EP na casa do Jonas Sá. De repente, ficamos uma hora hipnotizados pelo Pedro tocando essa música no violão. Ele não tinha certeza da letra, mas cantou e só ficou mais linda. Dias depois, perguntei se ele animava tocar no meu show. Foi logo após o carnaval, as pessoas encantadas fizeram pedidos para que eu gravasse”, lembra Luiza.

 

E eles gravaram. Inicialmente uma ideia antiga do Pedro, de fazer uma música que contasse uma história de amor no carnaval de forma peculiar, a letra nunca estava satisfatória para ele. Trabalharam então a canção, que foi ganhando nova vida, na produção de Jonas Sá e Nassif, consultoria artística de Arto Lindsay e contando ainda com os músicos Moreno Veloso e Everson Moraes.

 

Eu tocava ‘Purpurina’ como número instrumental nos meus shows. Na voz da Luiza consigo entender muito mais a beleza da música. Luiza é uma potência artística, fiquei logo fã de suas canções, autenticidade, maneira de cantar, musicalidade, espontaneidade e inteligência. Ela ainda me ajudou a finalizar a letra com a palavra que faltava para a composição. Foi uma alegria infinita poder compartilhar essa canção com seu talento e sensibilidade. Ela, juntamente com Jonas, Nassif e Arto, fizeram uma atmosfera perfeita, profunda”, conta Pedro. 

 

“‘Purpurina’ são as possibilidades sucessivas e incessantes de momentos de inspiração, o ponto de vista do qual sonho e realidade coexistem apaixonados. Cantar com o Pedro, escutar suas canções e vê-lo gravando tem sido um desdobramento do meu mundo em aprendizados preciosos. Sua presença movimenta o espaço com toda delicadeza e inteligência. E só tenho a agradecer por sua generosidade”, diz Luiza.

 

A canção, um brilho na atual produção musical brasileira, estará no próximo EP de Luiza Casé, que será lançado em setembro.

 

As músicas do EP ‘Mão’ – este será o título – surgiram nos afetos e na realização da importância das relações na minha construção. A gravação de ‘Purpurina’ é também a mão estendida, a mão aberta no ar, a conexão - quase - invisível entre camadas inomináveis”, sugere Luiza Casé, que vem entregando ao mundo músicas cheias de vida, significados e emoções pulsantes.

 


 

JÁ ESTÁ DISPONÍVEL O VÍDEO DE “ESTONTEANTE / PRELIMINARES”, DE MUMUZINHO, EM SEU CANAL OFICIAL NO YOUTUBE

 

 

Referência no mundo do samba, Mumuzinho acaba de disponibilizar o vídeo de “Estonteante / Preliminares”, em seu canal no YouTube. Assista agora: https://youtu.be/DwDwl8r5V64 . A performance faz parte do repertório do EP intitulado “Live”. Ouça e baixe aqui: https://umusicbrazil.lnk.to/LiveDoMumu1PR .

 

O projeto consiste na divulgação semanal de videoclipes extraídos de sua primeira LiveShow, realizada ao longo dos meses de agosto e setembro. A estreia do projeto veio com a nova música de trabalho do cantor, “Guerra de almofada” (https://umusicbrazil.lnk.to/GuerraDeAlmofadaPR), cujo videoclipe já foi visto mais de 1.4 milhão de vezes. Assista aqui: https://youtu.be/ciYZMYi4M-E


 

Com mais de quatro milhões seguidores no Instagram e mais de um milhão de inscritos em seu canal no YouTube, o último material de trabalho do artista, lançado no início de 2020, foi o EP “Mantra” (https://umusicbrazil.lnk.to/MumuzinhoMantraPR). O projeto contou com seis faixas inéditas - desde baladas mais românticas a músicas em homenagem aos fãs - e conversa diretamente com o momento atual de muitos brasileiros que se encontram em situações adversas. Já em 2018, Mumuzinho apresentou o DVD “A Voz do Meu Samba”, gravado na Ilha do Itanhangá, na Barra da Tijuca, que trouxe o single “Eu mereço ser feliz”, que ecoa até hoje nas melhores playlists e rodas de samba do país. Assista aqui: https://youtu.be/QdCd6L0uhcc



 

Aos 36 anos e dono de um bom humor soberano, imitações hilárias e um carisma incomparável, Mumuzinho também se destaca por ser um artista multifacetado. Em seu currículo, ele carrega diversos hits, turnês internacionais, participações em filmes e novelas, além de ter comandado comandou brilhantemente o programa “Só Toca Top – Verão” ao lado de Ludmilla.

 


 

ASSISTA A QUATRO VÍDEOS DA TERCEIRA PARTE DO DVD “ENCONTRO DE FENÔMENOS”, PROJETO DE LÉO SANTANA COM HARMONIA DO SAMBA E PARANGOLÉ

 

 

Hoje, são apresentados quatro vídeos da terceira parte do DVD “Encontro de Fenômenos” (https://umusicbrazil.lnk.to/EncontroDeFenomenosParte3PR), sob o comando do cantor Léo Santana e das bandas Harmonia do Samba e Parangolé. Na mesma data, também são apresentados cinco vídeos do projeto, que traz oito músicas em seu repertório. Assista agora: https://www.youtube.com/encontrodefenomenos .

 

O show de estreia do projeto, que resultou na gravação do DVD, aconteceu no dia 1º de maio de 2019, na Arena Fonte Nova, em Salvador, onde reuniu milhares de pessoas.

 

O DVD era ansiosamente aguardado por fãs dos artistas envolvidos no projeto, como Xandy, Tony e Léo. Agora é hora de apertar o play, aproveitar a quarentena e curtir esse novo álbum, que certamente vai marcar a história do pagode da Bahia e do Brasil.

 


 

GABILY LANÇA SUA VERSÃO DE “DESSA VEZ”. ASSISTA TAMBÉM AO VIDEOCLIPE

 

 

Um clássico, além de ter o potencial de alcançar públicos e gerações distintas, é uma música que consegue romper com a ordem natural das coisas. MC Sabrina faz parte do movimento feminino do funk carioca que rompeu barreiras nos anos 2000. As mulheres tomaram os microfones para cantar as suas vivências nas comunidades e, desde então, abriram portas que nunca mais foram fechadas. Por isso, Gabily presta homenagem à MC Sabrina com a sua versão voz e violão de “Dessa vez”, que chega em todas as plataformas de música. Ouça e baixe aqui: https://umusicbrazil.lnk.to/DessaVezPR . O videoclipe também já pode ser conferido. Assista agora: https://youtu.be/uVPcXy7upTA .

 

“Baby, o que você quiser, eu quero / tudo o que você pedir, eu dou / faço tudo pelo seu carinho / deixa eu te mostrar quem sou”. Além de MC Sabrina ter quebrado preconceitos dentro do gênero, a cantora também teve uma tarefa árdua de explicar à sua mãe, uma mulher extremamente religiosa, que era o caminho do funk que queria seguir. A luta de Sabrina transborda na vivência de Gabily, que também começou cantando em igreja, mas teve total apoio da família para migrar de estilo.

 

Neste momento de quarentena, são nesses clássicos em que nos agarramos para respirar o ar fresco do rejuvenescimento. A releitura de uma obra eternizada traz sempre uma novidade, além de ser um gatilho para a nostalgia.

Depois de lançar “Putaria Clássica”, dois EPs acústicos de funks proibidões, a cantora Gabily agora apresenta o trabalho “Eternos Clássicos”, em que interpreta funks que ficaram gravados na história da nossa música popular brasileira. “Dessa vez” é o quarto single deste projeto, que vem depois da versão voz e violão de “Adultério”, “Tô tranquilão” e “Copo de vinho”.

 


 

O DUO MAR ABERTO APRESENTA SUA RELEITURA DE “SENTIMENTAL”. ASSISTA TAMBÉM AO VIDEOCLIPE

 

 

Não há nada mais “Sentimental” do que reviver suas “Referências”, principalmente, se a data escolhida para isso é o dia universal do #TBT, não é mesmo? E aí, conseguiu entender as dicas e descobrir qual o próximo lançamento do MAR ABERTO? Isso mesmo, Thiago Mart e Gabriela Luz trazem a poesia de Los Hermanos com uma cara totalmente nova para todos os aplicativos de música. Ouça e baixe aqui: https://umusicbrazil.lnk.to/Sentimental .

 

Além do áudio, disponível em todos os aplicativos de música, “Sentimental” também ganhou um vídeo caseiro e íntimo, que transporta quem está assistindo diretamente para a casa dos artistas. Assista aqui: https://youtu.be/a22n5lhIaH8 .

 

“Sentimental” é o quarto lançamento do projeto que une as principais referências musicais do M A R e as canções que marcaram sua trajetória para o estilo único de fazer música do duo. Os versos “Quem é mais sentimental que eu? Eu disse e nem assim se pôde evitar” ganham nova vida e prometem encantar de uma forma totalmente nova os fãs de Los Hermanos e ganhar o coração dos que vão conhecer a música por essa releitura.

 

Quando eu tinha meus 22 anos, fiz uma viagem para o interior de São Paulo e fiquei compondo muito tempo na casa do meu irmão. E uma das bandas que eu mais ouvi nesse processo foi Los Hermanos. A música que mais ouvi deles foi ‘Sentimental’, porque me tocava profundamente em algo que eu estava vivendo no momento, um relacionamento em vias de acabar. Então, senti que essa canção conectava comigo profundamente. Ela me ajudou não somente a entender o processo de finalização desse relacionamento como também a compor outras músicas que tivessem uma correlação com esse sentimento ou não. Foi uma propulsão para que eu fizesse novas canções. Eu adorava tanto aquilo que queria fazer algo do tipo. Até hoje, a música faz muito sentido, me toca e me leva para aquele movimento tão valioso da minha vida”, conta Thiago Mart.

 


 

O GRUPO RENASCER PRAISE APRESENTA EM TODAS AS PLATAFORMAS DIGITAIS O SINGLE E VIDEOCLIPE DE “DEUS AGIU”

 

 

O grupo Renascer Praise acaba de apresentar o single “Deus agiu”. Ouça e baixe aqui: https://umusicbrazil.lnk.to/DeusAgiuPR . Na noite de ontem (20), o grupo promoveu um show solidário, no Estádio Allianz Parque, em São Paulo, que contou com a participação especial de outros artistas, como Ton Carfi, Kemuel, Gabriel Guedes, Casa Worsip e Mariana Valadão.

 

“A música ‘Deus Agiu’ segue o padrão de louvores em adoração que o Renascer Praise vive e faz há muitos anos. Nós, como grupo, aliás como família, temos em Deus e em nossos líderes o verdadeiro sentimento de uma aliança e direção que vem do altar. Este louvor retrata um sentimento de Cristo, o de não se curvar ao inimigo invisível e declarar profeticamente numa canção que Deus nunca está indiferente ao clamor. Ele responde, age e trabalha por aqueles que nele esperam”, disse Léo Marxx.

 

Em setembro do ano passado, o grupo promoveu um grande evento, no Renascer Arena, em São Paulo, SP, que recebeu mais de 6 mil pessoas. O evento teve transmissão ao vivo em todas as redes sociais do grupo e em todas as igrejas do Renascer, no Brasil e no exterior. Na ocasião, o grupo apresentou as canções do álbum “Hosana”, lançado no dia 6 de setembro em todas as plataformas digitais. Ouça aqui: https://umusicbrazil.lnk.to/RPXXI .

 

Criado no início da década de 90, o Renascer Praise conta com cantores, instrumentistas, orquestra sinfônica e coral de apoio. Ao longo de sua jornada, lançou 21 CDs inéditos, 14 DVDs, uma regravação em espanhol e uma coletânea.

 

Liderado pela Bispa Sonia Hernandes, o Renascer Praise já levou multidões à adoração nos Estados Unidos e em alguns países da Europa e do continente africano. No Brasil, participou de todas as edições da Marcha para Jesus – maior evento cristão do mundo – e foi o primeiro ministério de louvor a gravar um DVD a céu aberto em Israel. Intitulado “Ressurreição”, o projeto foi gravado no ano de 2000, em Bete-Seã, uma das cidades mais antigas da Terra Santa. Em 2013, o grupo retornou a Israel para participar da primeira Marcha para Jesus da Terra Santa e para gravar, às margens do Mar da Galileia, o CD e DVD “Canto de Sião”. O grupo também já se apresentou em grandes patrimônios históricos brasileiros, como o Museu do Ipiranga, o Theatro Municipal do Rio de Janeiro e o Teatro Amazonas. Além disso, já lotou o Citibank Hall, o extinto Olympia, o Teatro Elis Regina, o Ginásio do Ibirapuera e o Estádio do Pacaembu, onde formou um coral de 12 mil vozes.

 

O Renascer Praise influenciou a música evangélica tradicional brasileira ao agregar diversos ritmos musicais, desde o rock até o axé, e ao introduzir ministrações em cada música.

 

Ao longo de suas duas décadas de história, acumulou indicações e premiações nos principais festivais de música gospel, além de ter conquistado diversos Discos de Ouro e de Platina. Em 2014, foi indicado ao Grammy Latino, na categoria “Melhor Álbum de Música Cristã em Língua Portuguesa”.

 


 

OUÇA “SALMO 17”, NOVA CANÇÃO DE VINICIUS BARREIRAS

 

 

Chega hoje às plataformas digitais o single “Salmo 17”, de Vinicius Barreiras. O artista produziu a canção, durante a quarentena, exclusivamente para o selo Astronauta. Com direção artística de Leonardo Rivera, a faixa foi composta, interpretada, tocada, gravada, mixada e masterizada pelo artista em sua casa, em São Caetano do Sul (SP). Ouça e baixe aqui: https://umusicbrazil.lnk.to/Salmo17PR .

 

No último dia 14, o cantor apresentou a canção folk “No espelho” (https://umusicbrazil.lnk.to/NoEspelhoPR), que foi produzida pelo artista exclusivamente para o selo em época de quarentena.

 

Vinicius já foi vocalista da banda paulistana Zé de Albuquerque (SP). O cantor, compositor, violonista, jornalista e ator agora resolve agora voar solo pelo mesmo selo que lançou sua ex-banda, no ano passado. Os primeiros singles desta nova jornada surgiram em meio à pandemia e fazem refletir por suas letras e a execução crua e forte. Suas diversas influências vão de Jorge Aragão, Zeca Pagodinho e Cartola a – pasmem! – quase todas as duplas sertanejas dos anos noventa. Mas considera influências diretas mesmo joias como Gonzaguinha, Legião Urbana e Raul Seixas.

 

Sua última experiência numa banda foi com a Zé de Albuquerque, lançada em 2019, pelo selo Astronauta e cujo único álbum pode ser conferido nas plataformas de streaming.

Nenhum comentário