Novidades

[News]"Matuskela", um álbum que resiste ao tempo

 

CLIQUE AQUI E OUÇA AGORA "MATUSKELA"!Matuskela - Matuskela (lnk.to)

“MATUSKELA”, UM ÁLBUM QUE RESISTE AO TEMPO
 
O álbum da banda brasiliense completa cinco décadas e chega às plataformas digitais

Este álbum que está sendo apresentado nas plataformas digitais pela primeira vez, foi gravado há 50 anos e, até hoje, desperta o interesse do público, inclusive de jovens que nem eram nascidos na época.

Inicialmente, a banda se dedicava a bailes com covers de sucessos do rock. Um encontro com os compositores Clodo Ferreira e Zeca Bahia mudou a história: entraram em festivais e criaram um estilo próprio, já que os compositores eram nordestinos assim como o cantor do grupo, que era pernambucano. Daí surgiu uma mistura que definiu a sonoridade do Matuskela, com a energia de guitarras ousadas e arranjos diferenciados, gerando um impacto contagiante.

Em 1972, defenderam as músicas Placa Luminosa (Clodo e Zeca e Bahia) e Sino, Sinal aberto (Clodo) vencedoras do Festival do CEUB, ganhando os títulos de melhor arranjo e melhor intérprete. Por essa razão, foram convidados para representar Brasília num festival no Teatro João Caetano, no Rio de Janeiro, onde conheceram a nova geração do nordeste inserida na música universitária, fazendo shows com artistas como Fagner e Belchior.

Em seguida, interpretaram a música “Velho Demais” (Clodo e Zeca Bahia) em Goiânia, escolhida como a vencedora no Júri popular.

Como representante de um som um tanto psicodélico e cheio de brasilidade, foram contratados imediatamente por uma gravadora, o que resultou nesse histórico álbum que resiste ao tempo.

Pelo visto, sempre é tempo de Matuskela.

Em breve, terá a reedição do álbum em vinil.

Nenhum comentário