Novidades

[News] Dia dos Namorados: impactos da pandemia e repercussão nas redes sociais


O Dia dos Namorados de 2020 entrou para a lista de datas comemorativas que foram impactadas diretamente pela pandemia. Se haverá celebrações, troca de presentes, como comprá-los, como tornar o dia especial sem necessariamente ter passeios, viagens ou novas experiências. Tudo isso está em questionamento pelos internautas e, claro, pelas marcas anunciantes.  

Levantamento da STILINGUE - plataforma líder nacional de Inteligência Artificial (IA) para o idioma Português - com mais de 295 mil conteúdos a respeito da data coletados nas mídias sociais entre os dias 1 e 5 de junho, apontam que as mulheres seguem como o público mais ativo, representando 72% do volume total; enquanto homens 27%. 

Sobre as marcas, as top 10 mais influentes ligadas ao tema foram: Rommanel, O  Boticário, Pernambucanas, Hering, Netshoes, Vivara, Casa de Mineira, Renner, Moda Colmeia e Companhia das Letras. 

Se em 2019, o top 10 era composto exclusivamente por marcas representantes dos segmentos Moda e Varejo (Dakota, Anita Shoes, Capodarte, DeMillus, DuLoren, Renner, Dafiti, Havan e shopping Anália Franco), neste ano destaque para ascensão de marcas e empreendimentos de pequeno e médio porte com apelo local, como Casa da Mineira (louçaria e decoração) e Moda Colmeia (moda feminina para regiões norte e nordeste). E, também, da aparição de uma editora de livros, a Companhia das Letras. 

Preferências entre Moda, Eletrônicos e Experiências  

Reflexos de um período mais introspectivo e de isolamento social, mulheres apontam pijamas de frio, peças de lingerie, shorts, body, calça, vestidos e até mesmo biquínis como desejos de consumo. Calçados como sapatos de salto e coturnos surgem em tom nostálgico e com o futuro desejo de frequentar eventos. Destaque ainda para a marca Pandora com acessórios como pulseira e anel.  

Já o público masculino apontou objetos mais específicos como ‘Boné da Lacoste’, ‘chinelo da Oakley’, chapéu de palha, capa de chuva e, também, chuteira e colete. 

Comum aos dois, sem margem para erro na hora de presentear, encontram-se ‘casaco da Nike’, chapéu, óculos escuros, moletom, suéter e shoulder bag. 

Dentro de eletrônicos, o queridinho do público feminino é um celular novo, seja ele da marca Apple - mais especificamente da cor lilás -, Xiaomi ou Samsung - desde que a câmera seja boa. Notebooks, fones de ouvido e até mesmo uma unidade do jogo The Sims também são citados. Já os homens preferem os consoles Xbox e Playstation, games como Valorant, Fifa, Free Fire e Animal Crossing. Em comum aos dois grupos, cabo para iPhone, caixa de som JBL, iPad, Nintendo Switch e celular Galaxy S. 

Mas, se o seu mozão estiver buscando experiências e presentes não físicos para compartilhar pós-isolamento, saiba que para mulheres os shows do  Gusttavo Lima, Armandinho e BTS podem agradar. Viagens para fazenda ou praia, massagens relaxantes e até mesmo uma sessão de limpeza de pele são novas opções. Para os homens, os shows podem ser online mesmo ou até corridinhas na praia. 

Marcas e seus produtos mais mencionados por gênero 

Na lembrança das mulheres temos: fondue da Cacau Show, anel da Vivara, pulseira da Pandora, Coleção da Manu Gavassi (BBB20) para C&A, MacBook e iPhone da Apple, Produtos da The Body Shope roupas da Farm. 

Já na dos homens: camiseta do Flamengo, nova coleção do Felipe Prior (BBB 20), produtos da Dell e iPhone. 

Para todos, destaque para alguns e-commerces como Magazine Luiza, Casas Bahia e Centauro. 





Nenhum comentário