Novidades

[Crítica] Entre a Foice e o Martelo



Sinopse: Imagine uma realidade em que o super-ser mais poderoso do mundo não cresce em Smallville, Kansas – ou mesmo na América. Superman: Entre a Foice e o Martelo é um conto vívido da paranoia da Guerra Fria, que revela como a nave que transportava o bebê – que mais tarde seria conhecido como Superman – cai no meio da União Soviética dos anos 1950.

Criado em um coletivo, o bebê cresce e se torna um símbolo para o povo soviético, e o mundo muda drasticamente do que conhecemos – trazendo o Kryptoniano em conflito com Batman, Lex Luthor e muitos outros.

O que achei? A nova animação da DC, lançada em 25 de fevereiro deste ano, foi baseada na HQ escrita por Mark Millar e desenhada por Dave Johnson. A HQ foi lançada em 2003 e faz parte do selo Elseworlds. Entre a Foice e o Martelo foi dirigida por Sam Liu e conta com as dublagens de Jason Isaacs, Amy Acker, Diedrich Bader, Sasha Roiz e Tara Strong.

A história se passa em uma realidade alternativa, onde o Superman foi criado na União Soviética e se tornou o garoto-propaganda do regime ditatorial de Stalin em meio à Guerra Fria, mudando o curso da história do século XX.

A animação retrata esse embate entre EUA e União Soviética de forma maniqueísta, refletindo a mentalidade da época. Às vezes, a animação pende para o lado do capitalismo americano, mostrando os EUA como o salvador do mundo livre e tecendo críticas ao socialismo soviético, mas é o esperado de uma animação feita por um estúdio americano.

Nessa história alternativa, Lex Luthor é quem tenta impedir que o comunismo se alastre para o resto do mundo, Mulher-Maravilha é o braço direito do Superman quando este toma o controle da União Soviética e Batman é um oponente/terrorista que quer derrubar o Superman para liberar o povo soviético de um governo totalitário que controla as pessoas através de lavagem cerebral.

Sam Liu conseguiu resumir bem a história da HQ dentro da duração padrão dos longas animados da DC. A história é bem equilibrada e os personagens são complexos e profundos e Lois Lane, Batman e Mulher Maravilha conseguem complementar os personagens Lex Luthor e Superman em relação às causas que defendem e o que estão dispostos a fazer por essas causas. 
Trailer:


Escrito por Michelle Araújo Silva



Nenhum comentário