Novidades

[Críitca] Milagre na caverna

 

Sinopse:

Um time de futebol juvenil tailandês está preso em uma caverna enquanto equipes de resgate lutam para salvá-los.






                      O quê eu achei?

Baseado no resgate da caverna de Tham Luang,que ocorreu entre junho e julho de 2018,dentro do Parque Florestal Tham Luang – Khun Nam Nang Non, perto da vila de Pong Pha, no norte da Tailândia,abaixo de Doi Nang Non, uma cordilheira na fronteira com Mianmar,o longa de Tom Waller conta a história da batalha para resgatar os membros e o técnico dos Javalis Selvagem,um time de futebol juvenil composto por 12 jogadores entre 11-16 anos e seu técnico de 25,que ficaram presos na caverna por duas semanas.

As filmagens aconteceram no próprio local do incidente e o mais interessante é que a maioria do elenco são as pessoas reais que participaram da operação interpretando a si mesmas.O foco é mais em dois personagens:o fabricante de bombas hidráulicas que empresta seu equipamento para drenar a água da caverna-e foi mais de um bilhão de litros drenados-e o mergulhador irlandês que nada com cada uma das vítimas para fora da caverna.

Foi a maior operação de resgate internacional dos últimos tempos e alguns fatores atrapalharam como fortes correntezas,níveis da água que subiam,questões burocráticas,etc e envolveu mais de 10.000 pessoas,incluindo mais de 100 mergulhadores,dezenas de trabalhadores de resgate,representantes de cerca de 100 agências governamentais,900 policiais e 2.000 soldados.

No final,todos os jogadores e o técnico foram resgatados com vida.O filme é dedicado à memória de Saman Kunan,um oficial SEAL da Marinha tailandesa que morreu asfixiado enquanto retornava à uma base na caverna depois de entregar os cilindros de mergulho ao grupo aprisionado.

Apesar do título,O milagre na caverna não é tão emocionante quanto filmes do gênero costumam ser mas prende a atenção do espectador durante a maior parte do tempo.

                      Trailer:





Nenhum comentário