Books Brasil Books

Novidades

[News] Alta dos juros, inflação e eleições à vista: como superar os obstáculos econômicos de 2022 e terminar o ano ‘no verde’?

 Alta dos juros, inflação e eleições à vista: como superar os obstáculos econômicos de 2022 e terminar o ano ‘no verde’?



Especialista analisa cenário e dá dicas para empresas passarem pelo 2º semestre com orçamento positivo


 

Diante do atual cenário econômico e da leve recuperação do mercado após o período de restrições sanitárias devido a pandemia, é de fundamental importância analisar o orçamento geral da empresa, reavaliando despesas e aproveitando oportunidades para atingir os principais objetivos da instituição. Com a chegada do segundo semestre de 2022, muitos empreendimentos optam por realinhar estratégias e diretrizes para curto ou longo prazo.


Para o especialista contábil e CEO da ConsulFis Contabilidade, Ricardo Santos, uma boa gestão financeira deve ser rotina numa empresa e para isso acontecer algumas estratégias primordiais devem ser traçadas para acompanhamento e diagnóstico da situação contábil do empreendimento. Dessa forma, as instituições devem estar atentas ao planejamento para vendas, gestão de lucros e bens, controle das dívidas e retorno financeiro através de investimentos.


“É recomendado que as empresas se preparem para um período, que geralmente é anual, mas nada impede de ser semestral ou trimestral. Para realizarem o planejamento estratégico, definindo como será sua atuação frente ao mercado, por exemplo. Caso as metas definidas no primeiro semestre não tenham sido alcançadas, é indicado que a empresa reveja seus planos e faça adequações se necessário”, alerta Ricardo Santos.


Esse acompanhamento periódico é feito através de algumas ferramentas de gestão específicas, a principal é o balanço patrimonial que reúne informações de todos os ativos e passivos do negócio, ou seja, bens, dívidas, recursos e investimentos. Ricardo Santos alerta que é de suma importância que seja organizado por um especialista, pois a organização e leitura dos resultados impacta diretamente nas diretrizes que serão aplicadas na empresa.


“Os dados do balanço periódico ajudam a analisar através dos números a realidade da empresa e auxiliar na tomada de decisão. A contabilidade consultiva pode auxiliar o empresário nas definições de metas, na criação de uma estratégia eficiente e que traga lucros para a empresa. Através dos registros contábeis é possível ter um diagnóstico da situação patrimonial”, alerta o especialista contábil e CEO da ConsulFis Contabilidade, Ricardo Santos.


Para o especialista, outro ponto de atenção para as finanças da empresa nesta reta final do ano são os períodos festivos. Normalmente, eles apresentam uma fase de aumento de vendas, cumprimento de obrigações específicas, novas possibilidades de empregos, tendências de novos produtos e serviços. Por isso, Ricardo alerta que o empresário deverá fazer uma análise se os recursos financeiros são suficientes para suprir as necessidades do planejamento estratégico para este período.


“As datas comemorativas concentradas no segundo semestre abrem uma possibilidade de aumento das vendas. Além disso, devido ao pagamento do décimo terceiro salário é injetado um volume considerável de dinheiro no mercado. Por isso, as empresas precisam avaliar as necessidades de investimento em marketing ou se precisa captar capital de giro para pagamento de obrigações, como por exemplo, décimo terceiro salário”, destaca o especialista contábil e CEO da ConsulFis Contabilidade, Ricardo Santos.


O especialista pontua ainda que a  chegada do verão aquece a economia local e as visitações turísticas são uma ótima oportunidade para impulsionar as vendas, serviços e demais atividades econômicas. De modo geral, o principal ponto para fechar o ano com o orçamento positivo é conhecer as métricas da empresa, analisar as finanças e definir metas para a atuação, principalmente, nas datas e épocas em que a procura por presentes, roupas, entre outros itens, é intensificada.

Nenhum comentário