Books Brasil Books

Novidades

[News] Ladrilha, projeto de ocupação da poesia no espaço público, vira livro

 Ladrilha, projeto de ocupação da poesia no espaço público, vira livro



“Mar é sempre beira pra quem tem medo de fundo” é a publicação de estréia da autora Fernanda Moreira, lançada pela editora Crivo, no Rio de Janeiro



Ladrilha, projeto de ocupação poética no espaço público, criado em 2017 pela jornalista e escritora carioca Fernanda Moreira, comemora cinco anos com um novo contorno: ele vira livro. Intitulado “Mar é sempre beira pra quem tem medo de fundo”, o lançamento acontece em 15 de agosto, às 19h, na livraria Janela e contará ainda com uma exposição de ladrilhas. A publicação é feita pela Crivo, editora mineira.


Tudo começou com azulejos espalhados pelo Rio de Janeiro com o objetivo de dialogar com as ruas a partir da palavra e do afeto. Hoje, já são mais de 300 peças coladas na cidade, em São Paulo e em Salvador, todas autorais e ligadas às temáticas feministas, políticas e literárias. O livro reúne alguns dos textos já intervidos nesses espaços e outros inéditos, entre poesia e prosa, escritos entre os períodos de 2012 a 2022.


Fernanda Moreira já ganhou prêmio - o troféu Ujaama, iniciativa do Olodum (Salvador, BA; 2020) em homenagem a 20 mulheres do Brasil e do mundo com iniciativas culturais e também ofereceu oficinas de poesia em espaços como Museu de Arte do Rio de Janeiro, Fundição Progresso, Circo Voador e escolas de ensino público. Para ela, o livro é um desdobramento importante de todo esse percurso e pesquisa em torno da palavra.


“A Ladrilha é um projeto de ocupação: da rua e de mim. É inteiramente autoral e feminino, e nasceu da minha necessidade de criar literatura em uma plataforma que fosse viva, para além do online. A rua é o lugar que escolhi para ser a minha maior vitrine e a minha maior página. O lançamento do livro, em cinco anos de projeto, coroa tudo isso”, celebra Fernanda.


Bianca Ramoneda, jornalista, escritora e atriz, é quem assina o prefácio da publicação de estreia e criou uma relação de amizade e parceria com a autora, desde que conheceu seu trabalho a partir de um muro ocupado, no bairro do Catete, Rio de Janeiro:

“A forma como a Fernanda escreve te leva para um mundo fluido habitado por imagens, sentimentos, emoções, descobertas, solidões e amores. Nos muros expandidos, que são as páginas de um livro, ela ganha espaço para ser extensa e profunda. Seu fôlego como autora vai muito além de suas sínteses poéticas”, reflete Bianca.


“Mar é sempre beira pra quem tem medo de fundo” estará à venda nas principais livrarias do país e também no site da editora Crivo. O convite é para que você se ocupe de si - pela leitura, pela palavra, pelo afeto. Mergulhe.


Lançamento

Livraria Janela

15 de agosto - 19h

R. Maria Angélica, 171 - loja B - Jardim Botânico, Rio de Janeiro

Editora Crivo

http://instagram.com/crivoeditorial | contato@crivoeditorial.com.br

Nenhum comentário