Novidades

[Crítica] SPACE JAM: UM NOVO LEGADO

 

Sinopse:

Em Space Jam: Um Novo Legado, a inteligência artificial, Al G (Dom Cheadle) sequestra o filho de Lebron James e envia o lendário jogador dos Los Angeles Lakers para uma realidade paralela, onde vivem apenas os personagens de desenho animado da Warner Bros. Para resgatar o seu filho, ele precisará vencer uma partida épica de basquete contra superversões digitais das maiores estrelas da história da NBA e da WNBA. Para essa dura missão, King James terá a ajuda de Pernalonga, Patolino, Lola Bunny, dentre outros personagens.


       

                                 O quê eu achei?

O primeiro Space Jam não foi um filme que marcou minha infância; eu só o tinha assistido uma vez há muito tempo (ele vai completar 25 anos em novembro)e não lembrava praticamente nada, tanto que tive de reassisti-lo antes da sequência para relembrar.O original é bem divertido e felizmente, esse não fica atrás.

O diretor Malcolm M.Lee já tinha feito algumas comédias como Viagem das Garotas e Amigos Indiscretos e agora se viu na responsabilidade de repaginar o clássico ao mesmo tempo que o apresenta para a nova geração.

Sempre houve quem dissesse que Michael Jordan não era carismático, era muito robótico pois repetia as falas mecanicamente e só tinha uma expressão facial, algo que eu discordo. Nesse novo, o mais famoso jogador de basquete do mundo,LeBron James-como si mesmo-tem que resgatar das mãos da maligna inteligência artificial Al G Rhythm (Don Cheadle, o Máquina de Combate do MCU) e recrutar os Looney Tunes, que estavam isolados em outros lugares; apenas o Pernalonga permanecia no local de origem. 

Os efeitos especiais estão um deleite para os olhos e aposto que levam ao menos uma indicação ao Oscar ano que vem. Há tantas referências ao mundo das animações-inclusive para quem foi criança nos anos 70 e 80, com animações como Tutubarão e Corrida Maluca entre os figurantes. Até mesmo personagens icônicos da Warner como King Kong e Harry Potter aparecem! 

Space Jam:Um Novo Legado cumpre sua premissa e vai agradar tantos os fãs antigos pelo resgate da nostalgia quanto aos novos fãs. E tem uma participação especial no final-não é o Michael Jordan mas é especial!Super recomendo!

Não sei se vai ter mais continuações mas caso tenham,espero que mantenham esse nível!


                             Trailer:





Nenhum comentário