Novidades

[News]Maneva lança o clássico "O Vento" em versão reggae. Fãs podem conferir o filme inédito no YouTube.




MANEVA lança o clássico “O vento” em versão reggae. Fãs podem conferir o filme inédito no YouTube






Um dos clássicos da famosa banda carioca Los Hermanos recebeu uma versão especial para entrar no álbum “Tudo Vira Reggae”. “O vento” é o mais novo lançamento do MANEVA, que também chega hoje em vídeo inédito no canal oficial da banda, no YouTube. Assista agora: https://youtu.be/z4tFed0AOC4 .



Escrita pelo multi-instrumentista Rodrigo Amarante e lançada pelo quarteto carioca em 2005 no álbum “4”, “O vento” agora também integra a discografia da banda paulista. Ouça e baixe aqui: https://umusicbrazil.lnk.to/OVento .



A canção se destaca pela belíssima harmonia e também pela composição cheia de sentimento, características valiosas para o MANEVA. “Atemporal, essa é a palavra. É uma canção de uma profundidade extrema, que toca a alma. Você pode ouvir ‘O vento’ daqui a 10 anos e ela ainda terá algo novo pra te mostrar. Somos fãs declarados de Los Hermanos”, diz Tales de Polli, vocalista do MANEVA.



Na Estância Alto da Serra (SP), o MANEVA soltou a voz para a interpretação primorosa da faixa, revelando a entrega total dos integrantes Tales de Polli (voz e violão), Felipe Sousa (guitarra), Fernando Gato (baixo), Diego Andrade (percussão) e Fabinho Araújo (bateria).



Tudo Vira Reggae” é uma celebração ao Dia Internacional do Reggae e que chegou ao mercado em 1º de julho pelas plataformas de distribuição digital via Universal Music. A produção musical é assinada por Thiago Stancev e a direção do filme é de Julio Loureiro. Ouça e baixe aqui: https://umusicbrazil.lnk.to/ManevaTudoViraReggae .




O décimo álbum de carreira do MANEVA conta com as faixas “Epitáfio”, “O vento”, “Péssimo negócio”, “Te devoro”, “Evidências”, “Metamorfose ambulante”, “Anunciação”, “Na rua, na chuva, na fazenda” e o medley de “À francesa” e “Noite do prazer”.



Imagens oficiais em:


(crédito para Leonardo Rocha)

PR/Universal

Nenhum comentário