09 novembro 2018

[News] Música cabo-verdiana Tcheca se apresenta no Manuche-sábado, dia 10 de novembro

O músico cabo-verdiano Tcheka vem pela segunda vez ao Brasil e traz ao Manouche neste sábado, dia 10/11, o show de seu quinto disco, “Boka Kafé”, lançado em 2017, com músicas solo que mostram sua forma inimitável e domínio do violão e vocais inconfundíveis, produzido pelo pianista português Mário Laginha.
Este show vem estreitar ainda mais os laços do músico (nascido Manuel Lopes Andrade) com o Brasil – ele já se apresentou em São Paulo, no Rio, Bahia e Recife. O cantor Lenine, aliás, produziu em 2007 no Rio, o terceiro álbum do cabo-verdiano, intitulado “Lonji”.  Os dois se conheceram em Cabo Verde, no Kriol Jazz Festival, onde tocaram juntos e vão se encontrar novamente no show que fazem juntos no Barreto-Fasano em SP (dias 06 e 07) e, antes do show no Manouche, Tcheka se apresenta também na Mostra de Cantautores em Belo Horizonte (08/11)
Nascido em 1973, em Ribeira da Barca, uma aldeia remota na ilha de Santiago, Cabo Verde, Tcheka criou um estilo único e requintado de composição, interpretação e performance que o tem levado aos melhores festivais e salas de música do mundo, mostrando sua investigação profunda da voz e guitarra.
Sua música resiste a qualquer categorização: faz referência a vários gêneros do Cabo Verde (batuku, funaná, tabanka, coladera) e é também um cruzamento do pop brasileiro e africano, folk, jazz, blues e rock, feito sempre com muita personalidade. Sua abordagem quase orquestral do violão é notável, repleta de ritmo, linhas de baixo robustas, melodias delicadamente diferenciadas, tudo criando um palco para sua voz seca, ligeiramente rouca e profundamente emotiva.
No repertório, Tcheka promete intercalar músicas como a eloqüente “Dzem Kma Sim”, “Barquinho” e a rítmica “Santa”’ com um apanhado de outras canções.  “Quero levar ao meu público (e a muitos dos que não me conhecem ainda) um show dinâmico, dentro do meu estilo de tocar guitarra. Minhas composições refletem as experiências no dia a dia de um país cheio de alegria e ao mesmo tempo, de tristeza. Gostaria de poder engajar as pessoas, pela minha perspectiva, em questões sociais, políticas e ambientais”, reflete Tckeka.



Serviço
Show: - Tcheka – “Boka Kafé”
Data: 10 de novembro, sábado, a partir das 21h
Local: Clube Manouche/Casa Camolese (Rua Jardim Botânico, 983, Jardim Botânico, Tel: 3514-8200)
Ingressos: R$ 90,00 (inteira), R$ 70,00 (com 1 kg de alimento não perecível) e R$ 40,00 (meia) www.eventim.com.br
Classificação: 18 anos
Estacionamento no local (tarifado)


Nenhum comentário

Postar um comentário