Books Brasil Books

Novidades

[News]Bauhouse atinge 1 milhão de plays no Spotify com “Whole Lotta Groove”

 

Bauhouse atinge 1 milhão de plays no Spotify com “Whole Lotta Groove”

Chegar ao marco de 1 milhão de plays no Spotify não é para qualquer artista, muito menos para qualquer pessoa. Construindo uma trajetória impressionante no cenário eletrônico, o DJ e produtor Bauhouse acaba de conquistar esse marco na carreira com a track “Whole Lotta Groove”, coroando tal feito com performance realizada na última sexta-feira (25) em um dos maiores clubs do Brasil, o D-EDGE, localizado em São Paulo.

“Para mim, bater 1 milhão de plays no spotify é um sonho sendo realizado. Desde que comecei a produzir com 13 anos, nunca imaginei que conseguiria chegar ao ponto de ter pessoas ouvindo minhas músicas no Spotify e gostando delas, muito menos chegar a 1 milhão de plays em uma faixa minha (nesse caso, a “Whole Lotta Groove”). Então finalmente estar realizando esse sonho é com certeza um marco na minha carreira que me deixa extremamente feliz e grato a todo mundo que me ajudou a realizar isso”, comenta Bauhouse.

“Tocar na D-EDGE também era um sonho que não imaginava que iria realizar tão cedo na minha carreira, ainda não consegui processar o fato que vou poder tocar na pista principal de um dos clubs mais renomados da cena brasileira, onde vários DJs e produtores que tenho como referência e idolatro já tiveram a oportunidade de se apresentar", finaliza o artista.

O jovem paulistano Agustin Giangaspero, de apenas 20 anos, possui uma carreira musical incrível, além de ser DJ e produtor. Seu nome artístico Bauhouse surgiu a partir da escola de arte alemã “Bauhaus”, contando assim com muitas referências da cena eletrônica europeia e alguns estilos como house, techno, boogie e rap.

Bauhouse revela que 2022 será um ano de muita música, festas e projetos que ele tem em mente, como, por exemplo, abrir uma gravadora. Já no dia 8 de abril ele fará seu próximo lançamento chamado “Love Letter To Techno”, um EP de quatro músicas no qual explora um lado mais techno, fugindo um pouco do som que costuma fazer, se forçando a abrir o horizonte e explorar novas sonoridades.

Nenhum comentário