Novidades

[News]Conheça "Origens", nova playlist da Universal Music dedicada à música preta.

 CONHEÇA “ORIGENS”, NOVA PLAYLIST DA UNIVERSAL MUSIC DEDICADA À MÚSICA PRETA

 

Playlist celebra a música preta com clássicos, contemporâneos e novos artistas da cena brasileira

 



 

Celebrando o Dia da Consciência Negra, muitos artistas negros disponibilizaram músicas que abordam questões raciais. A Universal Music Brasil acaba de disponibilizar duas playlists que celebram a música preta com clássicos, contemporâneos e novos artistas da cena brasileira e internacional, com o intuito de dar visibilidade aos novos artistas pretos e também exaltar aqueles que tiveram importante papel na indústria musical. Confira a playlist nacional: https://umusicbrazil.lnk.to/PlaylistOrigensPR .

 

Os fãs podem acompanhar os maiores sucessos de nomes como Léo SantanaRaquelMumuzinho, Agnes Nunes, MC Du Black, Projota, Jojo Maronttinni, Priscila TossanGabily, Ruby, IZRRA, Victor Alves, Mc Zaac, Mc ZaquinTierry, Mr. DanFelipe Araújo e outros.


Na plataforma KWAI, app de criação e compartilhamento de vídeos curtos, ainda serão realizados diferentes challenges com a participação de vários artistas e influenciadores negros. O grande diferencial do KWAI é que a plataforma também é uma rede social onde há a interação com amigos e contatos. Nos desafios, os fãs poderão conferir se seus artistas preferidos conhecem alguns dos maiores sucessos de música preta dos anos 2000, além de participar de desafios de maquiagem ao som de grandes hits que estão na playlist criada especialmente para a ocasião. Confira aqui .
Música Negra Vive (kwai-pro.com)


Nossa plataforma é bastante democrática e sempre buscamos ampliar no aplicativo a diversidade de gêneros musicais. Para nós, é motivo de celebração poder contar com importantes e talentosos artistas nacionais e internacionais de música negra da Universal Music para levar aos usuários conteúdos históricos e lançamentos relevantes”, disse Fabrício Nobre, gerente sênior de conteúdo musical do Kwai.

 


Criado em 2003, o Dia da Consciência Negra é dedicado à reflexão sobre a inserção do negro na sociedade brasileira. A data foi escolhida por coincidir com o dia atribuído à morte de Zumbi dos Palmares, em 1695, um dos maiores líderes negros do Brasil, que lutou pela libertação de seu povo contra o sistema escravista. A data, dentre outras coisas, suscita questões sobre racismo, discriminação, igualdade social, inclusão de negros na sociedade e a cultura afro-brasileira, assim como a promoção de fóruns, debates e outras atividades que valorizam a cultura africana.

Nenhum comentário