Novidades

[News]Ator Bruno Goya retorna com Falcão na segunda temporada de Aruanas, que estreia na Globoplay no dia 25 de novembro (5ªf)

 Ator Bruno Goya retorna com Falcão na segunda temporada de Aruanas, que estreia na Globoplay no dia 25 de novembro (5ªf) 

Ator está no set de filmagem da série Cangaço Novo, da O2 para a Amazon Prime Vídeo

 



Bruno Goya. Crédito: Rafael Augusto 

“Sou apaixonado por Falcão. Ele ajudou para que eu me preocupasse mais com o meio ambiente. Falcão está vindo muito mais forte nesta segunda temporada e estou muito feliz com o crescimento dele na série.”

Bruno Goya é ator premiado no cinema e no teatro que vem se destacando também em séries, como em Aruanas, que estreia sua segunda temporada no dia 25 de novembro (5ªf), na plataforma de streaming Globoplay. Como Falcão, homem de confiança da ONG, está na linha de frente com o planejamento das ações que dá suporte às ativistas, vividas pelas atrizes Débora Falabella, Taís Araújo e Leandra Leal. Na nova temporada, Falcão ajuda a estagiária Clara (Thainá Duarte) a superar o trauma com o ex-namorado e se envolve com a moça. 




Bruno Goya na série “Aruanas” (Globoplay)

Sobre a personagem, Bruno comenta: “Sou apaixonado por Falcão. Ele ajudou para que eu me preocupasse mais com o meio ambiente. Falcão está vindo muito mais forte nesta segunda temporada e estou muito feliz com o crescimento dele na série.” Sobre a série e a parceria com o elenco, reflete: “Participar de Aruanas é uma honra para mim. Desde a primeira temporada criamos laços fortes entre o elenco, tanto que viramos amigos e essa amizade ajudou muito no desenvolvimento da série. A segunda temporada tá linda e nossos laços só aumentaram.”

No elenco de Cangaço Novo, produção da O2 para a Amazon Prime Vídeo, Bruno embarcou esta semana para Cabaceiras, na Paraíba, para as filmagens da série e oito capítulos. No ensaio com o elenco, o ator reencontrou com bons e velhos amigos, como Luiz Carlos Vasconcelos e Hermila Guedes. “Estou muito feliz por estar nesse projeto tão grande da Amazon e da O2. Sempre tive vontade de trabalhar com a O2 e eles são incríveis. A série tá sendo feita com muita energia. Tenho absoluta certeza que vamos fazer um lindo trabalho”, declara empolgado o ator. 



Bruno Goya na supersérie “Onde Nascem Os Fortes” (Globo)

Com a trajetória iniciada no teatro em 2013, em Caruaru, a estreia na montagem de "Barrela" (Plínio Marcos) e Bruno não parou mais de trabalhar. Já são cinco espetáculos teatrais e mais de 20 trabalhos de audiovisual. Podemos destacar as séries de TV, como “Onde Nascem os Fortes” (2017/2018, José Luiz Villamarim) e “Aruanas” (2018, Carlos Manga Jr e Estela Renner), ambas de Rede Globo. Além de “Fim do Mundo” (2015, Hilton Lacerda e Lírio Ferreira), produção do Canal Brasil. No cinema, curtas e longas-metragens, bem como trabalhos com diretores da cena cinematográfica da Paraíba e de Pernambuco, como podemos destacar o longa “Aquarius” (2015, Kleber Mendonça Filho).

Com musicalidade latente, toca Zabumba e dança Forró e, ainda pode ser visto com habilidades esportivas, quando entra em campo para jogar futebol, basquete ou handebol.

Bruno Goya é um artista surpreendente, repleto de capacidades e bom humor.

Fotos para a imprensa (divulgação e bastidores): https://drive.google.com/drive/folders/12tMMHtTU-030nsL0ln_MGm57idBiHX_n?usp=sharing

Descrição Falcão (Bruno Goya):

Diretor de logística da Aruana, cuida do planejamento das ações que dá suporte às ativistas. Ajuda Clara (Thainá Duarte) a superar o trauma com o ex-namorado e se envolve com a garota.

Bruno Goya na apresentação do elenco de Aruanas (nova temporada)https://gshow.globo.com/series/aruanas/noticia/aruanas-conheca-os-personagens-da-nova-serie-original-globoplay.ghtml

Materiais para a imprensa (fotos divulgação e bastidores): https://drive.google.com/drive/folders/12tMMHtTU-030nsL0ln_MGm57idBiHX_n?usp=sharing

Trabalhos Bruno Goya:

Televisão/Streaming: supersérie “Onde Nascem Os Fortes”, direção do José Villamarin (Globo, 2018); “Aruanas”, de Carlos Manga Jr (Globoplay/ Globo, 2018); “Giga”, de Taciano Valério (Canal Lume Channel, 2016); série “Fãtásticos”, de André Pinto e Henrique Spencer (2015); minissérie “Fim do Mundo”, de Hilton Lacerda e Lírio Ferreira (Canal Brasil, 2015); série “Vida Bandida”, de Marcelo Paes de Carvalho (2014).

CinemaLongas-metragens: “Pequenos Guerreiros”, de Bárbara Caryri (2019); “Aquarius”, de Kleber Mendonça Filho (2015); Légua tirana, de Marcos Carvalho e Diogo Pontes (2018); Paterno, de Marcelo Lordeiro (2017); A tese de Bia, de Taciano Valério (2021); Depois da farsa, de Cristiano Burlan, Dellani Lima, Frederico Machado e Taciano Valerio (2018).

Curtas-metragens: Dual, de Márcio Araújo (2019); Vendo, de João Vigo; Sonhos, de Chico Lacerda (2020); O gato, de Taciano Valerio (2017);  “Repulsa”, de Eduardo Morotó (2017); “Aponta pra Fé”, de Kaline Almeida (2017); “Sob o Delírio de Agosto”, de Carlos Kamara (2016); “Um Brinde”, de João Vigo (2016); “O Dia da Santa”, de Cássio Hazzin (2015); “Ausência”, de Uhélio Gonçalves (2015); “Só Sinto Amor”, de Marcelo Paes de Carvalho (2014); “Minha Geladeira Pensa que é um Freezer”, de Pablo Polo (2014); “João Heleno dos Britos”, de Neco Tabosa (2013).

Mídias digitais:

FB: @bruno.goya.37

Instagram: @bruno_goya

Reel: https://www.agentesefala.com.br/brunogoya 

Mais informações escritório: www.agentesefala.com.br

Nenhum comentário