28 setembro 2018

[News] Coprodução da Paris Entretenimento, ¨Aldo-Mais forte que o mundo¨, é indicado ao Emmy


Com coprodução da Paris Entretenimento, Black Filmes e Globo Filmes, a série ‘Aldo - Mais Forte Que o Mundo’, está entre os indicados ao Emmy Internacional 2018. A lista foi divulgada na manhã da última quinta-feira, pela Academia Internacional das Artes e Ciências Televisiva. Exibida na TV Globo, a série conta a história do lutador de MMA José Aldo e sua vida de superações até se consagrar como o primeiro Campeão Peso Pena do UFC. De família pobre, o lutador amazonense, vítima de violência doméstica, deixa sua casa rumo ao Rio de Janeiro para, então, ganhar o mundo. Até se tornar um campeão, José Aldo precisa acertar suas contas com seu passado e superar seus traumas. A série, de quatro episódios estreou em 3 de janeiro de 2017 e foi inspirada no filme homônimo, lançado em 2016.
A cerimônia de premiação acontecerá em Nova York, em 19 de novembro. ’Aldo – Mais Forte Que O Mundo’ concorre com a trama japonesa, Kurara: The Dazzling Life of Hokusai's Daughter, do longa do Reino Unido, Man in an Orange Shirt, e da produção alemã, Toter Winkel.

              SOBRE A PARIS ENTRETENIMENTO:
A PARIS ENTRETENIMENTO foi fundada em 2014 e, dois anos depois de coproduzir grandes sucessos de bilheteria como os três filmes da franquia Até que a Sorte nos Separe e Mais Forte Que o Mundo - A História do José Aldo, assinou sua primeira produção solo em 2015: Carrossel – O Filme, que alcançou 2,7 milhões de espectadores, tonando-se com o quarto filme nacional mais visto do ano. Entre 2016 e 2017, lançou sete filmes no circuito comercial que, juntos, somam 19,3 milhões de ingressos vendidos: Carrossel – O Filme, Um Namorado Para Minha Mulher, Carrossel 2, Internet – O Filme, Meus 15 Anos, D.P.A. – Detetives do Prédio Azul, além de Nada a Perder, distribuído pela Paris Filmes, que é o filme brasileiro de maior bilheteria na história do cinema, neste momento com 11.7 milhões de ingressos vendidos. Depois de se consolidar como a produtora que mais lançou filmes próprios no Brasil desde 2016, com dez filmes exibidos em circuito comercial, que somam quase 20 milhões de ingressos vendidos, a PARIS ENTRETENIMENTO projeta para 2018 um crescimento de 100% em espectadores.
O ano começou aquecido, com outros seis filmes, dos mais variados gêneros, já em produção: O Doutrinador, um filme de super-herois que estreia em setembro; as comédias Minha Irmã e Eu, com Ingrid Guimarães e Tatá Werneck, e Dois Mais Dois; além do infanto-juvenil Adeus Inocência, que junta Maísa Silva e Larissa Manoela no elenco; o infantil Detetives Do Prédio Azul 2, Tudo Bem no Natal Que Vem, previsto para as férias de fim de ano, e Meu Nome É Gal, cinebiografia da cantora Gal Costa.


Nenhum comentário

Postar um comentário