Novidades

[Crítica] O Matemático

 

Sinopse:

Cambridge, EUA, 1942. Stan Ulam é um talentoso matemático judeu polonês de 30 anos, um bon vivant bonito que é rápido com uma piada. A vida de Stan se complica quando ele perde sua bolsa em Harvard, mas seu melhor amigo, o gênio húngaro Johnny von Neumann, rapidamente lhe oferece um emprego misterioso que o leva ao Novo México. Stan se muda para Los Alamos com Françoise, uma mulher francesa que ele conhece e se casa após um romance turbulento. Cercado por jovens cientistas imigrantes excêntricos e carismáticos, Stan começa um trabalho ultrassecreto em uma bomba nuclear que pode explodir o mundo inteiro. Enquanto tenta desesperadamente ajudar sua irmã a fugir da Polônia ocupada pelos nazistas, Stan se junta a Johnny para criar o primeiro computador que dá origem à era digital, enquanto a Europa explode em chamas.

                        O quê eu achei?

Stanislaw Ulam era um imigrante polonês que lecionava matemática em Harvard.Ele aceita um convite para trabalhar no Manhattan Project, no estado do Novo México,no projeto que desenvolveria bombas para serem usadas pelos Estados Unidos na Segunda Guerra Mundial.A maior parte de seus amigos também eram cientistas imigrantes europeus,inclusive seu melhor amigo,o húngaro Johnny von Neumann.

O filme conta a história do trabalho de desenvolvimento da bomba de hidrogênio e de como o relacionamento de Stan com sua esposa,a francesa Françoise e sua filha,Claire,se tornou conturbado graças ao ressentimento que ele sentia por ter contribuído nas mortes de milhares de pessoas,especialmente após os bombardeios de Hiroshima e Nagasaki.

Ulam morreu em 1984 de infarto e é lembrado até hoje por ter sido um dos cientistas que tornaram possível o desenvolvimento da bomba de hidrogênio e por outras descobertas,como a espiral de Ulam,que permite a visualização de números primos em gráficos.

"O Matemático" é um interessante retrato de Stanislaw e de outros cientistas que contribuíram para o desenvolvimento da bomba de hidrogênio.


                        Trailer:





Nenhum comentário