Books Brasil Books

Novidades

[News]Caixa Ninho se despede do Rio de Janeiro neste fim de semana deixando saudades

 Caixa Ninho se despede do Rio de Janeiro neste fim de semana 

deixando saudades 


Espetáculo inédito do Eranos Círculo de Arte acontece 

no sábado e  domingo - Sesc Tijuca

 

Vídeo: https://youtu.be/UW5LkGOu5Yo 



(crédito da foto:Alexandre Brum)


O Eranos Círculo de Arte faz as últimas apresentações do espetáculo Caixa Ninho no Rio de Janeiro neste fim de semana. A participação das crianças da primeira infância (1 a 6 anos), que ficaram imersas entre as 700 caixas de papelão, em cima do palco, foi o grande diferencial nesta primeira temporada. Anote: sábado às 16h e domingo as duas últimas sessões, 11h e 16h, no Sesc Tijuca. 



A atriz Sandra Coelho conta que esta primeira vez no Rio de Janeiro em uma temporada foi frutífera e está deixando um gosto de quero mais. “Encontramos no palco a energia e a receptividade das crianças com o contexto criado, que é presente em todas as infâncias e aqui foi mais acentuado por conta do período das férias. No ambiente intimista vários encontros aconteceram. Os pequenos não foram ali somente para assistir, mas para participar de experiências como o nascimento e os voos que a peça propiciam. E agora as crianças retornam para as escolas e a gente retorna para Santa Catarina, mas as construções permanecem no inconsciente coletivo de todos”, diz. 

Quem tem filho sabe: caixas de papelão sempre foram objetos de grande fascínio pelas crianças da primeira infância e não à toa. Com elas, é possível brincar com os pequenos dando formas diferentes, além de ser uma oportunidade única de entrar no mundo lúdico da criança, estimulando a imaginação e a criatividade. E foi pesquisando mais a fundo este objeto de desejo infantil, que o coletivo Eranos Círculo de Arte, companhia de Itajaí – Santa Catarina, chegou à ideia do espetáculo Caixa Ninho, 

Com expertise de trabalhos para a primeira infância, o grupo apresenta o conceito de protagonismo infantil: “onde as crianças estão no centro de todo o processo de criação das obras, até a participação efetiva durante as apresentações – os pequenos podem interagir de forma espontânea e sentir-se parte integrante do espetáculo (eles podem falar, atuar, ajudar a atriz na condução do roteiro, além de abrir a construção de um diálogo) – , o que os torna parte do espaço estético e criativo da peça. E com Caixa Ninho, o grupo continua a se aprofundar nesta esfera”, explica a atriz Sandra Coelho, que também é autora e pesquisadora da obra junto com o diretor Leandro Maman, e compartilha o palco com a musicista Hedra Rockenbach autora da ambientação sonora realizada ao vivo.


Para aproximar-se deste universo de 1 a 6 anos de idade, o Eranos apostou na vivência das relações que vem desenvolvendo em pesquisa prática, realizando oficinas com crianças de escolas públicas de Itajaí (SC) através de propostas sensoriais, jogos e principalmente a observação de suas relações lúdicas com o espaço, norteando a pesquisa para a construção dramatúrgica.

 Caixa Ninho é um acontecimento teatral para a primeira infância, onde as crianças são convidadas a entrar num universo de caixas de papelão - um cenário intimista, lúdico e modular - um espaço compartilhado de relação e construção em que tudo é possível. Neste mundo de caixas, crianças e adultos encontram um ninho e presenciam os primeiros voos de uma caixa passarinho. A atriz Sandra fica junto as caixas e estabelece este vínculo de construção e acolhimento. “A relação que as crianças estabelecem com as caixas – compreendidas aqui como brinquedos não estruturados, ou seja, não possuem uma funcionalidade específica -, foi o ponto de partida para a criação da peça” - completa a atriz.


(foto: Alexandre Brum)

Desde o início da pandemia a companhia investiga o uso de caixas de papelão e teatro de animação, assim como suas relações de jogo na composição teatral para a infância. A intenção é continuar esta pesquisa, dessa vez de maneira presencial em Caixa Ninho. O cenário da peça é composto por um grande número de caixas de papelão, em uma ideia de construção cenográfica fluída, onde a criança que participa do espetáculo possa interagir fisicamente, tornando-se também protagonista na relação e composição do espaço cênico e do jogo dramatúrgico, com mediação e condução da atriz.



SOBRE ERANOS CÍRCULO DE ARTE - http://eranos.com.br/ 

Fundado em 2009 por Sandra Coelho e pelo diretor Leandro Maman, Eranos Círculo de Arte é um coletivo de artistas de Itajaí/SC que produz e pesquisa arte e suas interfaces entre o teatro, artes visuais, audiovisual e literatura. A companhia investe também em processos criativos com linguagem onírica e traz como eixo recorrente em seus trabalhos o uso de aparatos multimídia. 

Desde o seu início, a companhia desenvolveu mais de 30 criações entre espetáculos, performances e exposoções, e participou de reconhecidos festivais como FIL RJ – Festival de Intercâmbio de Linguagens (2021, 2019 e 2016), Festlambe – Festival Internacional de Teatro Lambe-lambe de Valparaíso (2016), no Chile; Festival Novo Olhar – Jundiaí (2018), FILO – Festival Internacional de Londrina (2016), FITA – Festival Internacional de Teatro de Animação (2016), XII Feverestival – Festival Internacional de Teatro de Campinas (2016) e Festival Internacional de Teatro de Rua de Porto Alegre (2014) entre outros. Além de prêmios como o Iberescena (2017), Elisabete Anderle (2017, 2019 e 2020), Myriam Muniz (2015), Arte como Respiro - Itaú Cultural (2020), FUNARTE Respirarte (2020).

A partir de 2014, o grupo passou a investigar sobre o uso de tecnologias digitais para a primeira infância. Para o grupo, o teatro é uma maneira de democratizar o acesso à cultura, além de contribuir para a formação de plateia, trazendo desde cedo a experiência da fruição artística.



FICHA TÉCNICA 

Sandra Coelho e Leandro Maman – PESQUISA E AUTORIA 

Sandra Coelho – ATUAÇÃO

Hedra Rockenbach -  AMBIENTAÇÃO SONORA

Leandro Marman – DIREÇÃO GERAL E CONFECÇÃO DE BONECOS

Adriano Guimarães -  SUPERVISÃO ARTÍSTICA

Luiz André Cherubini -  ASSESSORIA DE ANIMAÇÃO 

Diego de Medeiros Pereira – ASSESSORIA PEDAGÓGICA



SERVIÇO:

Caixa Ninho – Eranos Círculo de Arte

ÚLTIMA SEMANA

Temporada: 02 a 31 de julho de 2022

Dias e horários: Sábados às 16h e domingos às 11h e 16h

Local: Sesc Tijuca. Teatro 01

Ingressos: Grátis (PCG), R$ 2 (Credencial Plena), R$ 5 (meia entrada) e R$ 10 (inteira)

Endereço: Rua Barão de Mesquita, 539 - Tijuca

Horário de funcionamento da bilheteria: Terça a domingo, de 9h às 17h

Classificação indicativa: Livre

Duração: 40min

Lotação: 60 lugares

Gênero: Infantil (primeira infância - 1 a 6 anos)

Nenhum comentário