Novidades

[Crítica]Sobre o Amor Somente para Adultos

 

Sinopse:
O filme se passa em Moscou no verão. A cidade vive sua vida, algo acontece aqui todos os dias. Pessoas que têm pressa em seus negócios importantes e também não se esquecem da aquisição de novos conhecimentos e habilidades. Para isso, cada pessoa pode realizar os cursos, palestras e treinamentos necessários sobre o tema de interesse. E o tema desse filme é o amor. Personagens - pessoas comuns, perdidas em Moscou, cada um dos quais tem sua própria história de amor

                           O quê eu achei?

Vou começar dizendo que esse foi o melhor filme russo que já vi na vida!

Quando eu li os membros do elenco,eu esperava encontrar apenas nomes desconhecidos mas para a minha surpresa, John Malkovich estava entre eles.Fiquei me perguntando se ele iria falar em russo mas ele fala em inglês mesmo.

Malkovich interpreta um palestrante falando sobre relacionamentos em Moscou e fala em inglês mesmo com a plateia mas há tradução simultânea para o russo enquanto ele fala.Começam 5 histórias:

A primeira é sobre uma jovem solteira, que não transa há tempos. Mesmo ela sendo bonita e sendo paquerada por vários homens,ela os rejeita por influência da mãe conservadora e repressora, que lhe dizia na adolescência que nenhum homem presta.A filha vê uma imagem da falecida mãe toda vez que se encontra com um cara.Ela precisa se livrar dessa influência para se arriscar em um relacionamento sério.

A segunda é sobre uma mulher que não consegue satisfazer sexualmente o marido e eles apelam para uma estratégia inusitada:swing, a troca de casais. Rende momentos hilários que você terá que ver para conferir!

 A terceira história é de uma menina desesperada para perder a virgindade e ela tenta de tudo, desde marcar encontros em aplicativos até um pedido desesperado para um vizinho garanhão.

A quarta história é a de uma mulher que sequestra Nikita, o ator mais famoso do país, porque quer gerar um filho com o esperma dele. Descobrimos que o marido dela era a favor do plano porque ele era feio e eles queriam gerar um filho perfeito.A única ressalva que tenho em relação à esse filme é que há um momento um tanto homofóbico quando o ator alega não ser perfeito porque é gay.

A quinta história conta sobre a vida do próprio palestrante-vemos a hipocrisia quando vemos alegando-o ser fiel em seu casamento mas depois é descoberto que ele tem uma amante. Mas antes que ele crie a ooragem para confessar seu caso extraconjugal,sua esposa admite que tem um encontro marcado com um homem mais jovem.

Um ponto forte é que alguns personagens aparecem como figurantes nas outras histórias.Recomendo para renovar sua fé no amor!



                                                  Trailer:





Nenhum comentário