Novidades

[News] Aniversário de Eduardo Coutinho é celebrado no Curta! com estreia de documentário sobre o cineasta



Na semana em que faria 87 anos, o cineasta Eduardo Coutinho, falecido em 2014, será homenageado pelo Curta! com a estreia no canal do documentário “Banquete Coutinho”. O longa dirigido por Josafá Veloso propõe um olhar sobre a obra desse grande mestre do cinema brasileiro, a partir de um encontro filmado em 2012.

A entrevista foi gravada, primeiramente, com o intuito de apoiar a tese de mestrado de Josafá. No entanto, após a morte de Coutinho, acabou tomando proporções maiores. Unido a um vasto material de arquivo, o depoimento do cineasta se tornou um documentário sobre sua obra e suas reflexões. Em 2019, chegou às telas dos cinemas após passar por diversos festivais, e agora estreia na televisão, mantendo acesas as inquietações do entrevistado. “Uma conversa com uma pessoa é decisiva. Ou sai ou não sai. Em dez minutos se resolve isso. Se não sai, não tem filme”, revela o próprio Coutinho em uma das cenas do longa.

“Banquete Coutinho” é um documentário da Heco Produções, viabilizado pelo Curta! através do Fundo Setorial do Audiovisual (FSA). A estreia é na Quarta do Cinema, 13 de maio, às 22h35.

A explosão do rock brasileiro é tema de novo episódio de série apresentada por Nelson Motta

Na década de 1980, o Brasil se despedia de um longo período de ditadura militar. O sentimento de libertação, após décadas de repressão, se refletia na cultura e na música. Nesse clima de renovação, explode o rock brasileiro, e artistas como Cazuza, Renato Russo, Marina Lima e a banda Blitz ganham fama.

Esse momento de nossa música é o tema principal do episódio inédito “A Explosão do Rock Brasileiro”, da série “101 Canções Que Tocaram o Brasil”, apresentada por Nelson Motta. Com direção de Roberto de Oliveira, a produção foi viabilizada pelo Curta! através do Fundo Setorial do Audiovisual. O episódio estreia na Segunda da Música, 11 de maio, às 23h30.

Segunda da Música – 11/05

23h30 – “101 Canções Que Tocaram o Brasil” – Episódio “A Explosão do Rock Brasileiro” 
Com o fim da ditadura no Brasil, a trilha sonora dos anos 1980 é marcada pelo rock. Uma dupla de sucesso é formada por Frejat e Cazuza, no Barão Vermelho. A banda encerra a primeira edição do Rock in Rio, em 1985, com a canção “Pro Dia Nascer Feliz”, como que anunciando um novo tempo. Legião Urbana, Blitz e outros nomes compõem esse rico cenário. Diretor: Roberto de Oliveira. Duração: 26 min. Classificação: Livre. Horários alternativos: 12 de maio, terça, às 03h30 e às 17h30; 13 de maio, quarta, às 11h30; 16 de maio, sábado, às 09h30; 17 de maio, domingo, às 18h.

Terça das Artes – 12/05

23h30 – "Matizes do Brasil” (Série) – Episódio “Rosana Paulino”
A paulistana Rosana Paulino despontou no cenário artístico nos anos 1990 e, até hoje, se distingue como voz singular ao abordar de forma afiada temas sociais, raciais e de gênero. Rosana trabalha com diferentes linguagens, como escultura, instalação, gravura, desenho e outros suportes, sempre evidenciando questões da sociedade brasileira. Neste episódio de “Matizes do Brasil”, a própria artista fala de sua trajetória e de alguns de seus trabalhos mais emblemáticos, como “Parede de Memória” (1994) e “Atlântico Vermelho” (2016). Também ciceroneiam o espectador pelo universo de Rosana a artista Renata Felinto e os curadores Valéria Piccoli e Pedro Nery.  Diretores: Bianca Lenti. Duração: 26 min. Classificação: Livre. Horários alternativos: 13 de maio, quarta-feira, às 03h30 e às 17h30; 14 de maio, quinta-feira, às 11h30; 16 de maio, sábado, às 19h10; 17 de maio, domingo, 09h45.

PROMO: https://youtu.be/x2t5122iiTI
FOTOS EM ALTA: https://drive.google.com/open?id=1WwNLHCJ6w98YVqN5gTuKbN1IXWX9pRMo

Quarta de Cinema – 13/05

22h35 – “Banquete Coutinho” (Documentário)
O documentário propõe um olhar abrangente sobre a obra de Eduardo Coutinho. Teria um dos mestres do cinema brasileiro feito sempre o mesmo filme? A partir de um encontro filmado com o diretor em 2012 e vasto material de arquivo, o filme mantém acesas as inquietações do cineasta, falecido dois anos após a entrevista. Diretor: Josafá Veloso. Duração: 74min. Classificação: Livre. Horários alternativos: 14 de maio, quinta-feira, às 2h35 e 16h35; 15 de maio, sexta-feira, às 10h35; 16 de maio, sábado, às 15h; 17 de maio, domingo, às 21h35.

Quinta do Pensamento – 14/05

22h35 – “Bruta Aventura em Versos” (Documentário)
Ícone da poesia marginal dos anos 1970 no Rio, Ana Cristina Cesar se matou em 1983, aos 31 anos, deixando inúmeros admiradores. Ela criou versos, traduziu poemas e contos, pesquisou sobre cinema e literatura, escreveu artigos, deu aulas e redigiu cartas. Seu estilo, ao mesmo tempo delicado e visceral, influenciou a literatura e a poesia de diversos artistas. A partir da apropriação de sua obra por outros artistas, o documentário procura captar a beleza e a originalidade de sua escrita, seja através da dança de Marcia Rubin, do espetáculo de Paulo José e Ana Kutner ou da poesia de Alice Sant’Anna.  Direção: Letícia Simões. Duração: 74 min. Classificação: Livre. Horários alternativos: 15 de maio, sexta-feira, às 02h35 e às 16h35; 16 de maio, sábado, às 21h30; 17 de maio, domingo, às 12h; 18 de maio, segunda-feira, às 1h30 e 10h35.

Sexta da Sociedade – 15/05

21h35 – “Arquitetura da Destruição” – Parte 1
"Architecture of Doom" mostra a relação de Hitler com a arte. Muito antes de chegar ao poder, o líder nazista sonhou em tornar-se artista, tendo produzido pinturas e  gravuras, que posteriormente foram utilizadas como modelos em obras arquitetônicas. O filme destaca, ainda, a importância da arte na propaganda nazista. Numa época de grave crise, no período entreguerras, a arte moderna foi apresentada como “degenerada”, relacionada ao bolchevismo e aos judeus. Para os nazistas, as obras modernas distorciam os valores humanos e representavam as deformações genéticas existentes na sociedade.  Diretor: Peter Cohen. Duração: 40 min. Classificação: 14 anos. Horários alternativos: 16 de maio, sábado, às 1h35; 17 de maio, domingo, às 16h10; 18 de maio, terça-feira, às 15h45; 19 de maio, terça-feira, às 9h35.

Sobre o Curta!

O canal Curta! é um dos novos canais brasileiros da TV paga que mais aprovou projetos para financiamento pelo Fundo Setorial do audiovisual. Até agora foram financiados, para estreia no CURTA!, mais de 120 longas documentais e 800 episódios de 60 séries, atendendo à grade temática do canal: música, artes cênicas, metacinema, pensamento em humanidades, história política e sociedade.

O Curta! pode ser visto nos canais 56 e 556 da NET e da Claro TV, no canal 75 da Oi TV e no canal 664 da Vivo, oferecido à la carte pela operadora. Siga o Curta! nas redes sociais: www.facebook.com/CanalCurta, https://twitter.com/canalcurta e www.youtube.com/user/canalcurta. Saiba mais em http://www.canalcurta.tv.br.





Nenhum comentário