Novidades

[News] A diversidade das HQS chega à Caixa Cultural Rio De Janeiro com o Panorama Nona Arte 2019

A CAIXA Cultural Rio de Janeiro apresenta, de 12 a 16 de novembro (de terça-feira a sábado), o “Panorama Nona Arte 2019 – Quadrinhos Impossíveis”. Debates, feira de quadrinhos e oficinas marcam a programação do evento, que reúne alguns dos nomes mais importantes das Histórias em Quadrinhos do país. As atividades acontecem das 14h às 20h, com entrada franca.

A proposta é dar visibilidade à produção nacional com foco no trabalho mais autoral e artístico. Para isso, a equipe de curadores busca apresentar um painel rico e plural da linguagem das HQs como uma expressão artística, em um grande evento dessa arte reconhecida mundialmente, marcada pela diversidade de técnicas, estilos, formatos e abrangência de públicos de todas as idades.

O momento para o Panorama Nona Arte não poderia ser melhor. A produção nacional de quadrinhos vive uma efervescência com autores brasileiros consolidando seus nomes dentro e fora do país, exportando livros e ganhando prêmios internacionais. Junto a isso, as feiras de publicações independentes revelam uma nova geração de autores, com uma produção fora dos modelos convencionais e abordando uma multiplicidade de temas.

O Panorama Nona Arte tem a curadoria do cearense Weaver Lima (CE) e de Fabio Zimbres (RS), que também estarão no evento. Ambos são artistas visuais, pesquisadores e autores de HQs atentos à produção contemporânea. Junto aos dois curadores soma-se a curadoria adjunta da artista visual e arte educadora Mariana Moysés, editora do Fanzine Falafel.

A arte do evento é assinada por Alberto Monteiro (RJ), autor vanguardista de HQs e criador do fanzine AntiUsual - publicação que se tornou referência dentro do circuito brasileiro de quadrinhos underground.

Oficinas
O evento começa com a oficina “Quadrinhos Independentes: da concepção à impressão”, ministrada por Iuri Casaes e Germano Patel do coletivo Oficina do Prelo, nos dias 12 e 13 de novembro (terça e quarta), das 14h às 20h.

Serão abertas duas turmas, com 10 vagas cada. As inscrições são por ordem de chegada. O resultado da atividade será uma publicação com narrativas de todos os participantes que será lançada no sábado (16) na feira de quadrinhos do evento.

Debates
Nos dias 14 e 15 de novembro (quinta e sexta), sempre a partir das 14h, serão realizados seis debates com alguns dos importantes nomes da HQ nacional. Daniel Lafayette (RJ) e Arnaldo Branco (RJ) abrem a programação na quinta-feira (14) com o debate “Je suis le Meme”. Também no primeiro dia, Diego Gerlach (RS) e Paula Puiupo (SP) compõem a mesa “Voadores não identificados” abordando maneiras pessoais e experimentais de produzir quadrinhos para falar do mundo atual. Fechando a programação do primeiro dia, o quadrinista e editor OTA (RJ), reconhecido pelas mais de três décadas em que editou a revista MAD no Brasil, conversa sobre sua vida e obra, mediado pela pesquisadora Ana Simonaci (RJ).

Na sexta (15), Dani Utescher (SP) e André Dahmer (RJ) iniciam com na mesa “Quadrinhos em Revista”, onde irão abordar dois projetos de publicação de HQ’s: Coleção Ugritos e Revista Expressa. Logo depois, Allan Sieber (RS/RJ), Sirlene Barbosa e João Pinheiro (SP) trazem o tema “Não-Ficção”. Encerrando a programação de debates, Aline Lemos (BH) e André Toral (SP) falam sobre produções que apresentam aspectos da cultura brasileira na mesa “Brasil em Quadrinhos”.

Feira de Quadrinhos
Encerrando a programação, uma Feira de Quadrinhos Independentes será realizada no sábado (16), das 14h às 20h.  A feira irá trazer representantes da nova geração, que utilizam as mais diversas técnicas de impressões para produzir criativas publicações em tiragens limitadas. São 30 mesas que apresentam artistas, coletivos, e editoras independentes, locais e nacionais.

O público terá acesso a uma variada produção de publicações que circulam à margem do grande circuito. Uma oportunidade imperdível para conhecer novos quadrinhos e quem os faz.

PROGRAMAÇÃO DE DEBATES:
Dia 14, quinta-feira

Horário: 14:00 às 15:45

Debate 1: Je suis le Meme, com Daniel Lafayette (RJ) e Arnaldo Branco (RJ)

Criando para redes sociais: dois autores conhecidos pela produção para a web discutem as idiossincrasias desse meio, como fazer graça nas redes e sobreviver a isso.

Horário: 16:00 às 17:45

Debate 2: Voadores não identificados, com Diego Gerlach (RS) e Paula Puiupo (SP)

Novas experiências em quadrinhos: uma nova geração de quadrinistas busca explorar os quadrinhos de uma maneira pessoal revitalizando convenções e inventando maneiras de falar do mundo atual.

Horário: 18:00 - 20:00

Debate 3: OTA: Essa é a sua vida com OTA (RJ) e Ana Simonaci (RJ)

Vida e obra do quadrinista e editor Otacílio d’Assunção, o OTA.

Dia 15, sexta-feira

Horário: 14:00 - 15:45

Debate 4: Quadrinhos em revista, com Dani Utescher (SP) e André Dahmer (RJ)

Um panorama da produção nacional através de dois projetos de publicação em quadrinhos: Coleção Ugritos e Revista Expressa.

Horário: 16:00 - 17:45

Debate 5: Não ficção, com Allan Sieber (RS/RJ), Sirlene Barbosa e João Pinheiro (SP)

Aventura, ficção e humor já são bastante reconhecidos como ingredientes das histórias em quadrinhos, mas outra produção, baseada em fatos reais e histórias pessoais, ganha cada vez mais destaque.

Horário: 18:00 - 20:00

Debate 6: Brasil nos quadrinhos, com Aline Lemos (BH) e André Toral (SP)

Quadrinhos que apresentam aspectos da cultura brasileira se utilizando de referências históricas e geográficas para revelar as particularidades de um país marcado pela diversidade.

Serviço:

Panorama Nona Arte 2019 - Quadrinhos Impossíveis

Entrada franca

Local: CAIXA Cultural Rio de Janeiro – Cinema 1 (Endereço:  Avenida Almirante Barroso, 25 - Centro -Metrô e VLT: Estação Carioca)

Informações: (21) 3980-3815

Oficinas: 12 e 13 de novembro (terça e quarta), das 14h às 20h

Debates: 14 e 15 de novembro (quinta e sexta), das 14h às 20h

Feira de Quadrinhos: 16 de novembro (sábado), das 14h às 20h.

Lotação: 78 lugares (mais 3 para cadeirantes);

Classificação indicativa: Livre para todos os públicos

Acesso para pessoas com deficiência

Patrocínio: CAIXA e Governo Federal


Nenhum comentário