Novidades

[News] Carnaval Filmes com dois longas na seção Panorama do Festival de Berlim 2019



Fundada e dirigida pelos experientes produtores João Vieira Jr. e Nara Aragão, a Carnaval Filmes tem foco em conteúdo original e cinema autoral. Em parceria com mentes criativas, tem entre seus recentes lançamentos os documentários: Estou me guardando para quando o carnaval chegar, de Macelo Gomes e Casa, de Letícia Simões, além do longa de ficção Greta, de Armando Praça e da série infantil de animação Bia Desenha, para a TV Brasil.

Em 2019 a Carnaval filmará a série Chão de Estrelas, de Hilton Lacerda, para o Canal Brasil, e desenvolve o projeto de série de animação Dó Ré Mi Fadas, além da série de ficção De volta para Casa.


Os longas Vestido branco, véu e grinalda, de Marcelo Gomes, e Fim de Festa, de Hilton Lacerda, são os próximos lançamentos da Carnaval Filmes.


JOÃO VIEIRA JR.

João Vieira Jr. tem trabalhado com importantes diretores e roteiristas do cinema brasileiro, como Hilton Lacerda, Marcelo Gomes, Karim Aïnouz, Cao Guimarães, Letícia Simões, Adelina Pontual, Armando Praça e Lírio Ferreira. É produtor dos longas Cinema, Aspirinas e Urubus (Cannes – 2005), Viajo Porque Preciso, Volto Porque Te Amo (Veneza – 2009), Era uma vez eu, Verônica (Toronto – 2012), Tatuagem(Gramado – 2013), O Homem das Multidões (Berlim – 2014) e Joaquim(Berlim – 2017). Assina também a produção executiva dos filmes O Céu de Suely(Veneza – 2006) eBaixio das Bestas (Rotterdam – 2007).

Produziu para TV as séries ficcionais Fim do Mundoe Lama dos Dias(Canal Brasil).

Além de Greta, longa de estreia de Armando Praça e Estou me Guardando para quando o Carnaval chegar, de Marcelo Gomes, ambos selecionados para a mostra Panorama do Festival de Berlim 2019, prepara o lançamento do documentário Casa, de Letícia Simões eo lançamentodos longas Fim de Festa, de Hilton Lacerda e Vestido Branco, Véu e Grinaldade Marcelo Gomes.

É membro do Conselho Consultivo do Audiovisual de Pernambuco.



NARA ARAGÃO

Nara Aragão foi produtora Executiva do documentário KFZ-1348(Mostra Internacional de São Paulo – 2007), de Marcelo Pedroso e Gabriel Mascaro e dos longas de ficção Viajo porque preciso, volto porque te amo(Veneza – 2009), de Marcelo Gomes e Karim Aïnouz, Era uma vez eu, Verônica(Toronto – 2012), de Marcelo Gomes e Tatuagem(Gramado – 2013), de Hilton Lacerda.

Para TV, recentemente assumiu a produção executiva da série de ficção Fim do Mundo (canal Brasil – 2016), dirigida por Hilton Lacerda para o Canal Brasil e produziu a série de animação infantil Bia Desenha, para a Rede Brasileira de TVs Públicas. Atualmente desenvolve o projeto de série infantil de animação Dó Ré Mi Fadas, como Roteirista e Produtora.

Fundou a Carnaval Filmes junto a João Vieira Jr. e juntos, produziram Greta, longa de estreia de Armando Praça e Estou me Guardando para quando o Carnaval chegar, de Marcelo Gomes, ambos selecionados para a mostra Panorama do Festival de Berlim 2019, preparam o lançamento do documentário Casa, de Letícia Simões eo lançamentodos longas Fim de Festa, de Hilton Lacerda e Vestido Branco, Véu e Grinaldade Marcelo Gomes.


GRETA

Pedro, um enfermeiro homossexual de 70 anos, fervoroso fã de Greta Garbo, precisa liberar uma vaga no hospital onde trabalha para Daniela, sua melhor amiga. Para salvar Daniela, ele decide ajudar Jean, um jovem que acaba de ser hospitalizado e algemado por ter cometido um crime. Pedro o ajuda a fugir e esconde-o em sua própria casa até que ele se recupere e nesse período, eles se envolvem afetiva e sexualmente. Essa relação será essencial para que Pedro sobreviva à perda de Daniela, mas também cause mudanças surpreendentes em si mesmo e no modo como ele lida com a solidão

Armando Praça| Greta

Armando Praça é cineasta, sociólogo e faz parte da nova geração de realizadores cearenses. Seu cinema prima pela intensidade da dramaturgia e, sobretudo, na sólida construção do roteiro com enfoque para a trama e personagens. Dentre seus trabalhos premiados têm-se os curtas e médias-metragens: A Mulher Biônica, O Amor do Palhaço,Origem: Destinoe Parque de Diversões. Seus filmes já circularam no Festival Internacional Clermont-Ferrand, no Latino Americano em Toulouse, Mecal e Barcelona e em mais de 30 festivais nacionais e internacionais. Acumula prêmios de melhor filme, direção e roteiro. Trabalhou com importantes diretores brasileiros como Marcelo Gomes, Sérgio Rezende, Ivo Lopes Araújo, dentre outros. Atualmente dirige seus dois longas-metragens: Gretae Fortaleza Hotel.



Roteiro e direção:Armando Praça

Produzido por:João Vieira Jr., Nara Aragão e Armando Praça

Produtores Executivos:Maurício Macêdo e João Vieira Jr.

Diretor de fotografia: Ivo Lopes Araújo


Elenco:  Marco Nanini, Denise Weinberg, Démick Lopes, Gretta Sttar



ESTOU ME GUARDANDO PARA QUANDO O CARNAVAL CHEGAR

A cidade de Toritama é um microcosmo do capitalismo implacável. A cada ano, mais de 20 milhões de jeans são produzidos em fábricas de fundo de quintal.  Os locais trabalham sem parar, orgulhosos de serem os donos do seu próprio tempo. Durante o Carnaval - o único momento de lazer do ano -, eles transgridem a lógica da acumulação de bens, vendem seus pertences sem arrependimentos e fogem para as praias em busca de uma felicidade efêmera. Quando chega a Quarta-feira de Cinzas, um novo ciclo de trabalho começa.



Marcelo Gomes|  Estou Me Guardando Para Quando O Carnaval Chega

O primeiro filme de Marcelo Gomes, Cinema, Aspirinas e Urubus, teve sua estreia no festival de Cannes, em 2005, onde ganhou o prêmio da Educação Nacional da França. O filme participou de 80 festivais ao redor do mundo e recebeu 52 prêmios, entre eles, o de melhor filme nos festivais de Guadalajara, no México, e na Mostra Internacional de Cinema em São Paulo.

Em codireção com Karim Ainouz, dirigiu o filme Viajo porque preciso, volto porque te amo. O longa foi vencedor de diversos prêmios, entre eles o de melhor direção e e melhor fotografia no Festival do Rio | 2009 e melhor filme, segundo a crítica no festival latino americano de Havana, também em 2009.

Em 2012, lançou o filme Era uma vez eu, Verônica, que participou, dentre outros, dos seguintes festivais: San Sebastián (Espanha, 2012); 48º Chicago International Film Festival (EUA, 2012) e Toronto International Film Festival – TIFF (2012).

Em 2014, finalizou o longa  O Homem das Multidões, em codireção com Cao Guimarães. O projeto foi concebido por Gomes e Guimarães durante uma residência artística na Alemanha, oferecida a Gomes pelo DAAD (Berlin Artists-in-Residence programme).

O filme participou da sessão Panorama do Festival de Berlin de 2014 e recebeu prêmio e festivai como Rio de Janeiro, Guadalajara, México e Toulouse.

Joaquim, de 2017, participou da seleção competitiva do Festival de Berlim e foi premiado em vários festivais como o Latino americano de  Havana, Prêmio Fênix do México e NY (HFFFNY).



Nenhum comentário