10 outubro 2018

[Evento] 42º Mostra Internacional de Cinema SP

De 18 a 31 de outubro, acontece a tradicional Mostra Internacional de Cinema em São Paulo.

A Mostra internacional de cinema SP, é um dos maiores e mais importantes eventos de audiovisual do país, em sua 42º edição, a mostra vem com fortes nomes do mercado internacional, e traz para o público um conteúdo riquíssimo e cultural.

Durante duas semanas (18 a 31 de outubro), serão exibidos mais de 300 títulos de variados países e diversas cinematografias. Tendo suas exibições nos mais variados lugares da cidade; uma ótima oportunidade para apreciar não somente as obras exibidas, como as locações onde se passarão as sessões. A edição também contará com sessões gratuitas e ao ar livre.

A seleção faz um apanhado do que o cinema contemporâneo mundial tem produzido, além de apresentar tendências, temáticas, narrativas e estéticas. A 42ª Mostra é composta de seis seções: Apresentações Especiais, Homenagens, Restaurações, Competição Novos Diretores, Mostra Brasil e Perspectiva Internacional. Desde 2017, o evento também apresenta filmes de realidade virtual.

A mostra irá exibir longas que ganharam os prêmios de melhor filme em grandes festivais estrangeiros deste ano. Também irá homenagear o centenário de Nelson Mandela com exibições de quatro obras, entre eles “O Estado contra Mandela”, um documentário feito através do áudio dos julgamentos do líder sul-africano, e complementa com cenas de animações que ilustram esses áudios.

Toda a programação pode ser conferida na página oficial da Mostra ( http://41.mostra.org/br/home/ ).

Na coletiva de imprensa foi mencionado fortemente a importância do projeto para o mercado audiovisual, não apenas visando lucros, mas a disseminação cultural e troca de referencias e conhecimentos. O que foi muito bem pontudo pela mediadora da mesa Renata de Almeida, foi a utilização dos recursos captados pela Lei Rouanet, e a importância de leis de incentivo voltadas para os campos artísticos e culturais.

Segundo Renata, muitas mudanças e melhorias que surgiram no projeto no decorrer dos anos se deve, em boa parte, a Lei Rouanet, que junto com o apoio dos patrocinadores, fez com que os filmes tivessem um maior alcance e acessibilidade de público.

Então vale muito a pena apreciar o trabalho de toda a equipe organizadora da mostra, e incentivar o mercado nacional audiovisual.

Escrito por Stefany Gomes

Nenhum comentário

Postar um comentário