Novidades

[Divulgação] Pulsão, privação e a aceitação

O autor Érik Porge, um dos principais nomes da psicanálise lacaniana na França, estuda a fundo, na obra publicada pela Aller Editora, “A Sublimação, uma erótica para a psicanálise”, a temática da sublimação. Porge traz à tona a discussão sobre esse conceito, que, apesar de ter desaparecido dos seminários de Lacan em determinado momento, segue como chave fundamental para a compreensão do processo de análise do sujeito.

Porge parte de sua obra anterior, “O arrebatamento de Lacan: Marguerite Duras ao pé da letra” (Aller editora/2019) e faz uma construção coesa sobre a sublimação enquanto advinda do processo analítico e sobre sua atualidade. O autor consegue diferenciar o conceito em pauta do de sinthoma.

Baseado em fortes argumentos teóricos, o psicanalista afirma que só é possível falar de sublimação pelo viés dos conceitos de pulsão e de fantasia. E assim, por capítulos sedutores à leitura, Porge nos guia além do quadro da fantasia e faz advir o desejo e o impulso aí sobrepostos. Em seguida, avança apresentando o quadrângulo de Klein para então analisar a sublimação na teoria de Jacques Lacan sobre o nó borromeano.

“A Sublimação, uma erótica para a psicanálise” é um livro que ultrapassa tudo o que já foi publicado sobre sublimação em português. Érik Porge tem a coragem de analisar até o âmago a importância desse conceito no processo analítico, diferenciando-a do desejo do analista, mas deixando clara a relação entre eles. O autor segue apontando a intersecção da sublimação com a psicanálise em extensão e com toda a elaboração da própria teoria psicanalítica.

Ficha Técnica:
ISBN: 978-85-94347-30-5
Formato: Brochura – 14x21cm
Peso: 259g
Páginas: 224 páginas
Editora: Aller Editora
Edição: 1ª/2019
Gênero: psicanálise, sublimação, Lacan

Sobre o autor: Érik Porge é um dos principais nomes da psicanálise lacaniana na França. Esteve presente nos seminários de Jacques Lacan e faz parte da primeira escola de psicanálise deste, a Escola Freudiana de Paris, até a sua dissolução. Hoje é membro da Associação de Psicanálise Encore e diretor da revista Essaim. É psicanalista em Paris, mantém seu trabalho de elaboração da teoria psicanalítica e já conta com a publicação de vários livros.

Sobre a editora: Formada pelas psicanalistas Fernanda Zacharewicz e Gisela Armando junto com o jornalista e publisher Omar Souza, a Aller Editora oferece em seu catálogo obras que se debruçam sobre os temas cruciais da teoria e da prática clínica, desde seus fundamentos até os novos debates sobre questões da atualidade e suas repercussões sobre o sujeito contemporâneo. Inspirada na palavra francesa Aller, que significa ir, a casa editorial convida leitores, atuantes na área de Psicanálise ou não, a percorrerem caminhos que cruzam fronteiras a embarcarem nessa aventura que é ler como movimento.


Nenhum comentário