08 janeiro 2019

[News] ¨Cafarnaum¨ e ¨Se a rua Beale falasse¨ da Sony Pictures, ganham data de estreia


Dois filmes da Sony Pictures ganham data de estreia nos cinemas.  “Cafarnaum”, de Nadine Labaki, estreia na próxima quinta-feira, 17 de janeiro. O longa foi selecionado para a short list de Melhor Filme Estrangeiro no Oscar 2019 e foi indicado a Melhor Filme Estrangeiro no Globo de Ouro 2019. “Cafarnaum” também conquistou o Prêmio do Júri no Festival de Cannes 2018 e o prêmio do Público de Melhor Ficção Internacional na 42ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo.  O filme conta a história de Zain um menino de 12 anos que resolve processar seus pais por lhe dar a vida.
“Se a Rua Beale Falasse”, de Barry Jenkins, estreia dia 07 de fevereiro. Regina King conquistou o prêmio de Melhor Atriz Coadjuvante pelo longa no Globo de Ouro 2019. O filme é baseado no livro de James Baldwin e é a primeira obra do diretor Barry Jenkins depois de “Moonlight”, vencedor do Oscar de melhor filme, em 2017. “Se a Rua Beale Falasse” é ambientado no Harlem dos anos 70 e conta a história de um amor atemporal e da força de uma família afro-americana narrada por uma jovem de 19 anos.
“Cafarnaum” será lançado no Espaço Itaú Augusta São Paulo, Espaço Itaú Botafogo Rio de Janeiro, Estação Net Ipanema, Espaço Itaú Brasilia e Espaço Itaú Porto Alegre. Já “Se a Rua Beale Falasse” vai estrear no Espaço Itaú Frei Caneca São Paulo, Espaço Itaú Pompéia, Espaço Botafogo Rio de Janeiro, Espaço Itaú Brasilia e Espaço Itaú Glauber Rocha Salvador.


Sinopse ”Cafarnaum”: Zain é um menino de 12 anos que se comporta como adulto devido ao sofrimento que passou: fugiu dos pais abusivos, foi morar nas ruas, cuidou da refugiada Rahil e de seu bebê e foi preso por um crime violento. O garoto, então, decide entrar nos tribunais com um processo contra seus pais, acusando-os do “crime” de lhe dar a vida.


Sinopse “Se A Rua Beale Falasse”: Primeira obra do diretor Barry Jenkins depois de Moonlight, vencedor do Oscar de melhor filme, em 2017. Ambientada no Harlem dos anos 70, é a história de um amor atemporal e da força de uma família afro-americana contada por uma jovem de 19 anos. Tish relembra vividamente a paixão, o respeito e a confiança que uniram ela o artista Alonzo Hunt, conhecido pelo apelido de Fonny. Amigos de infância, tornaram-se um casal, já têm um bebê e estão noivos, mas seus planos são sabotados quando Fonny é preso por um crime que não cometeu. Baseado no livro de James Baldwin.


Nenhum comentário

Postar um comentário