Novidades

[News] Especialista Bruno Mariano Dias derruba mitos sobre o day trade

Os day traders são investidores do mercado de ações mais agressivos, que dedicam o seu tempo a acompanhar a volatilidade diária do mercado, auxiliados por gráficos com escala de 1 a 15 minutos no máximo. Mas será que esta modalidade de investimento, que requer a mesma disciplina e planejamento indispensáveis em qualquer operação no mercado, realmente vale a pena?

O day trader Bruno Dias é um especialista no assunto e releva quais são os pré requisitos básicos para ser bem sucedido nesta modalidade de investimentos: “para operar day trade é preciso ter considerável conhecimento técnico, que costuma vir com experiência de mercado. Nestas modalidade trabalhamos com operações rápidas e com alto grau de alavancagem, por isso, há grandes riscos envolvidos, tanto de perdas como de ganhos. O day trader precisa dedicar tempo para o mercado,  sendo esta a questão fundamental no day trade, além de saber trabalhar sob pressão e desenvolver uma boa estratégia para controle de riscos”.  

Mitos e verdades
Muitos investidores em potencial vão a fóruns de internet para disporem de mais informações sobre esta modalidade de operação, e encontram diversas opiniões, tanto favoráveis como desfavoráveis ao day trade. Dadas as divergências de informações, muitos mitos foram criados em torno deste tipo de operação: "Um dos mitos mais comuns é que operações de day trade só são lucrativas para a corretora, considerando o fluxo de compra e venda diário. No entanto, aqueles investidores que operaram sem disciplina e sem conhecimento técnico irão de fato ter lucros muito pequenos, ou até mesmo prejuízo. Logo a questão não é o day trade, e sim o despreparo pessoal para atuar nesta modalidade de investimento”.

Tempo
Outro mito associado ao day trade é que se trata de uma operação estressante, pois seria preciso ficar várias horas em frente ao computador operando o dia todo. “Isto é outro mito. Ficar o dia todo na frente do PC não lhe trará resultados. A forma mais recomendada de operar day trade é uma metodologia em que se tenha de operar poucas vezes, apenas acompanhando a volatilidade ocorrida durante o pregão, que é conseguida, na maioria das vezes, nas primeiras duas horas de pregão”.

Apesar disto, Bruno Dias aponta que o quesito tempo é um fator fundamental para o day trade: “Operar no seu trabalho, se este te exige muita atenção às atividades, ou em um ambiente que seja suscetível a interrupções frequentes não é nem de longe uma boa ideia. Para ser bem sucedido, é necessário reservar um período do dia para operar, geralmente na abertura do pregão”.

Swing Traders
Outro mito recorrente entre os swing traders, é que só se consegue ganhar na alta. Segundo Bruno isto não é verdadeiro: "o day trader pode operar vendido sem custos adicionais. No caso do swing trade, o aluguel de ações é útil para operações na ponta vendedora, sempre tendo cuidado com as taxas cobradas pela corretora”.

Controle de Riscos
Bruno aponta que é preciso montar estratégias conscientes em relação aos riscos, para não cair em uma cilada: “eu sempre recomendo supor que o operador conseguirá variações de 1% a 2% aproximadamente, além de ter em mente os custos que estão implícitos na operação e a questão de uma possível alavancagem sem juros concedida pelas corretoras, potencializando o ganho”.

Outro mito é o risco da operação que seria alto em operações diários. Segundo o especialista, na verdade, esta é relativamente é menos arriscada em relação aos investimentos de maior duração.


Day Trading vale a pena?
Para Bruno Dias, a relação "lucro x custo" atinge o patamar desejado quando o montante a ser operado é maior que os R$ 20 mil: “Sim, o day trade vale a pena, e eu digo isto porque vivo do day trading. No entanto, tirando a situação de trades iniciais, quando se está começando a aprender a “operar pequeno” a fim de ganhar experiência, montantes abaixo de 20 mil reais já não trazem tanta rentabilidade e lucro”.

Vantagens do day trade
Bruno aponta as principais vantagens: "a possibilidade de alavancagem sem juros e a relativa independência em relação à tendência primária e secundária do mercado são algumas vantagens do day trade, além de encerrar o dia tranquilo, pois um day trader nunca encerra o dia posicionado, o que é garantia de uma boa noite de sono”.


Nenhum comentário