Novidades

[Programação] Filmes em Destaque no Canal Brasil de 26 de agosto a 01 de setembro

MOTORRAD (2018) (92’)


Horário: Segunda, dia 26, às 19h25

Direção: Vicente Amorim
Classificação: 16 anos

Sinopse: Um dos grandes desejos de Hugo (Guilherme Prates) é fazer parte do grupo de motocross do irmão mais velho, Ricardo (Emilio Dantas). Decidido, ele rouba algumas peças para montar sua moto. Quando consegue o feito, ele encontra com a turma do irmão em uma cachoeira remota. O passeio prometia um cenário paradisíaco, mas acaba ganhando tonalidades de tragédia. Depois de conhecerem Paula (Carla Salles), quatro motoqueiros usando trajes negros da cabeça aos pés, silenciosos, macabros, violentos e de identidade desconhecida começam a perseguir os viajantes sem qualquer razão.
 
MEU TIO E O JOELHO DE PORCO (2017) (76’) 
 

Horário: Terça, dia 27, às 20h

Direção: Rafael Terpins
Classificação: 12 anos

Sinopse: Tico Terpins foi uma das figuras mais emblemáticas do rock paulistano nas décadas de 1970 e 1980. Com um tom irreverente, o baixista e compositor misturou a sonoridade punk, em alta na época, com referências tropicalistas, sempre adicionando um toque de humor escrachado às músicas. Ídolo para muitos, para o cineasta Rafael Terpins ele era, antes de tudo, um tio querido e principal referência familiar após a morte de seu pai. Quase 20 anos depois de seu falecimento – ele foi vítima de um infarto fulminante –, o músico ganha uma homenagem pelas câmeras do sobrinho, em um documentário biográfico leve e cômico, tal qual o protagonista.
 
AQUALOUCOS (2017) (72’) 
 

Horário: Quarta, dia 28, às 20h

INÉDITO E EXCLUSIVO 

Direção:
Victor Ribeiro
Classificação: 10 anos

Sinopse: As piscinas do finado Clube de Regatas do Tietê, às margens do famoso rio que corta a cidade de São Paulo, eventualmente transformavam-se em um picadeiro nada convencional. Os palhaços vestiam-se de trajes de banho, faziam estripulias nos trampolins e, em vez de jogar água na plateia com uma jocosa margarida de bolso, molhavam o público de forma bem mais intensa a cada queda sem jeito nas águas. Os Aqualoucos, como ficaram conhecidos os trapalhões dos saltos, destemidos artistas de uma mistura de esporte e comédia, são tema do documentário de Victor Ribeiro exibido como parte da programação da Mostra Internacional de Cinema de São Paulo.
 
HOUVE UMA VEZ DOIS VERÕES (2002) (75’)
 

Horário: Quinta, dia 29, às 17h20

Direção: Jorge Furtado
Classificação: 14 anos

Sinopse: Chico (André Arteche) é um jovem ingênuo que acredita que um dia encontrará o grande amor de sua vida. Roza (Ana Maria Mainieri) é uma jovem que só pensa em conseguir dinheiro suficiente para realizar sua sonhada viagem para a Austrália. Eles se encontram por acaso e, juntos, vivem uma intensa paixão. Porém várias reviravoltas do destino ainda irão influir no relacionamento deles.

AQUARIUS (2016) (145’) 



Horário: Sexta, dia 30, às 23h10

Direção: Kleber Mendonça Filho
Classificação: 16 anos

Sinopse: Clara (Sonia Braga) tem 65 anos, é jornalista aposentada, viúva e mãe de três adultos. Ela mora em um apartamento localizado na Av. Boa Viagem, no Recife, onde criou seus filhos e viveu boa parte de sua vida. Interessada em construir um novo prédio no espaço, os responsáveis por uma construtora conseguiram adquirir quase todos os apartamentos do prédio, menos o dela. Por mais que tenha deixado bem claro que não pretende vendê-lo, Clara sofre todo tipo de assédio e ameaça para que mude de ideia.

A SOMBRA DO PAI (2019) (92’) 
 

Horário: Sábado, dia 31, às 20h55

Direção: Gabriela Amaral Almeida
Classificação: 16 anos

Sinopse: Dalva (Nina Medeiros) é uma criança de origem humilde cuja infância não é marcada pela despreocupação característica dessa fase da vida. Após perder a mãe, ela vive com o pai, Jorge (Julio Machado), um homem ausente pela labuta diária nos canteiros de obras, e a tia, Cristina (Luciana Paes), uma mulher que vive entre idas e vindas de um relacionamento conturbado, adepta de simpatias nada usuais para trazer o amado de volta. Influenciada pela tia, a menina passa a acreditar possuir poderes sobrenaturais e tenta trazer a mãe de volta a vida. Em meio a esta atmosfera pouco adequada para a criação infantil, Jorge sofre um acidente no trabalho que transforma a dinâmica desta família em um ambiente ainda mais assustador.

BERENICE PROCURA (2018) (88’) 
 

Horário: Domingo, dia 01, às 22h30

Direção: Allan Fiterman
Classificação: 14 anos

Sinopse: Berenice (Claudia Abreu) herdou um táxi do pai e encontrou, rodando pelas ruas do Rio de Janeiro, uma forma de sair da monotonia do casamento com Domingos (Eduardo Moscovis), um jornalista rude no trato com ela e com o filho, Tiago (Caio Manhente). Entre uma corrida e outra, a motorista se depara com o mistério do assassinato de Isabelle (Valentina Sampaio), uma cantora trans que se apresenta em shows performáticos em boates alternativas do submundo de Copacabana. A artista foi achada morta na orla do bairro e as pistas encontradas pela polícia estão levando a poucas e imprecisas conclusões. Curiosa para saber o verdadeiro autor do crime e com tempo suficiente nas mãos para brincar de detetive, a taxista começa a vasculhar vestígios do homicídio. 


 






Nenhum comentário