Novidades

[Nerds & Geeks] A revista MAD não será cancelada; apenas passará a republicar material vintage


Quem reconhece o icônico rosto do Alfred Neuman,levante a mão.O personagem surgiu nos anos 60, após uma carta sem nome e sem endereço com uma imagem do garoto da capa, ir parar na redação.
Ontem, estavam circulando boatos de que a revista iria parar de ser publicada. 
Hoje, a editora Allie Goertz postou em seu perfil no Twitter que não será exatamente assim:
-Tem havido uma série de demonstrações de gentileza em relação ao rumor de que a revista MAD estaria sendo cancelada mas a MAD ainda não fechou as portas. Após as próximas duas grandes edições serem lançadas,a MAD vai começar a publicar edições bimensais com conteúdo vintage e capas novas.
Embora não haverá nenhum material novo após a edição 10, a revista MAD não irá acabar. Eu acho profundamente triste saber que não haverá mais conteúdo inédito mas sabendo que a história se repete, não tenho dúvida de que o conteúdo antigo será altamente (se não tragicamente) relevante.


Criada há 67 anos,em 1952, pelos editores William Gaines e Harvey Kurtzman, a MAD é uma publicação satírica conhecida por tratar com humor eventos atuais da política e da cultura. Revelou cartunistas como Sérgio Aragonés, por tirinhas como os espiões da tirinha Spy vs Spy,a série Respostas cretinas para perguntas imbecis,uma série de tirinhas em que alguém fazia uma pergunta de resposta óbvia e recebia uma resposta engraçada sacaneando-o. 

Celebridades como ¨Weird¨ Al Yankovic, conhecido por criar paródias de músicas e Chris Miller,diretor dos filmes da LEGO,expressaram sua indignação com a notícia do fim da publicação como a conhecíamos:

-Eu era um estagiário na revista MAD em 1994.Eu não tinha um apartamento em NY então mantinha meus pertences nos arquivos, pegava minha mochila para apoiar a cabeça e descansava no sofã por 3 meses.Na sala dos escritores eles tinham um conjunto de bateria para tocar quando alguém fazia piada ruins.Uma ótima sacada.
   Chris Miller.

-Estou profundamente triste que após 67 anos,a revista MAD deixará de publicar conteúdo inédito.Não posso começar a descrever o impacto que ela teve em mim quando eu era criança-é o motivo pelo qual eu fiquei estranho.Adeus à uma das maiores instituições americanas de todos os tempos.
¨Weird¨ Al Yankovic. 

  A editora Ellie Goertz também declarou que as capas continuarão a parodiar atualidades dos EUA e do mundo todo e ainda terá as célebres artes dobráveis de Al Jaffee, uma das marcas registradas da publicação e que livros, compilações, etc, continuarão a serem lançados. 

  Tendo lido várias edições da MAD-tanto americanas quanto brasileiras, eu me sinto triste com essa notícias mas ao mesmo tempo me sinto aliviada por saber que pelo menos o conteúdo clássico será disponibilizado. 
Alguns especiais que eles lançaram nos últimos tempos:


¨O presidente sem cérebro¨ é o termo usado para descrever Trump. Entre situações controversas como seu desejo de construir o muro para separar os Estados Unidos do México e as acusações de assédio, o atual presidente é feito de gato e sapato nesse especial.


Para todos aqueles que amam Cartoon Network, esse especial é um prato cheio! De super-heróis, parques aquáticos...

               

Spy vs Spy:Fight to the finish mostras as estrelas das tirinhas e da animação do Cartoon Network nos melhores momentos da história da espionagem!

E se você nunca tiver lido a MAD, não sabe o que está perdendo! 



Nenhum comentário