Novidades

[News] Cópia restaurada de A MELHOR JUVENTUDE, longa dirigido por Marco Tulio Giordana, inédito no circuito brasileiro, estreia nos cinemas em duas partes

A MELHOR JUVENTUDE estreou nos cinemas italianos em 2003, ano em que ganhou o prêmio da Mostra Um Certo Olhar, em Cannes. A grande repercussão levou o filme de seis horas para os cinemas, com exibição em duas partes. Após, estreou como série em vários países, incluindo o Brasil. O lançamento da cópia restaurada (o filme não foi lançado comercialmente no Brasil), terá exibição em duas partes, respectivamente nos dias 16 e 23 de janeiro.  

Premiado internacionalmente mais de 30 vezes, A MELHOR JUVENTUDE segue a trajetória dos irmãos Nicola e Matteo Carati, que dividem os mesmos sonhos, esperanças, leituras e amizades até o dia em que conhecem Giorgia, uma garota com distúrbios psíquicos. Nicola começa a militar no movimento estudantil e mais tarde se torna um psiquiatra, enquanto Matteo abandona os estudos e entra na polícia.

O percurso dos dois e do resto da família é apresentado paralelamente a acontecimentos importantes da história da Itália: a inundação de Florença, a luta contra a máfia, os grandes jogos de futebol da seleção nacional. O título do filme evoca uma antologia de poemas de Pier Paolo Pasolini e uma antiga canção italiana.

A MELHOR JUVENTUDE fez parte da seleção da 27ª Mostra Internacional de Cinema e do recente Festa do Cinema Italiano.

Marco Tulio Giordana nasceu em Milão em 1950 e iniciou sua carreira no cinema em 1977, como assistente de produção de "Força Itália!", de Roberto Faenza. Dois anos depois, estreou na direção com "Maledetti Vi Ameró", com o qual ganhou o Leopardo de Ouro, em Locarno (Suíça). Dirigiu 19 filmes, entre eles "Os Cem Passos" (2000), "La Cadutta degli Angeli Ribelli" (1981), "Notti e Nebbie" (1983), "Appuntamento a Liverpool" (1991) e "Pasolini, Um Crime Italiano" (1995).

A MELHOR JUVENTUDE

La Meglio Gioventù | The Best of Youth

Itália, 2003, 16 anos

Parte 1: 187 min

Parte 2: 185 min

Direção: Marco Tullio Giordana

Roteiro: Sandro Petraglia e Stefano Rulli

Fotografia: Roberto Forza

Produtor: Angelo Barbagallo

Edição: Roberto Missiroli

Direção de arte: Jörg Baumgarten e Tony Reading

Distribuição: Arteplex Filmes

Sinopse:

Quarenta anos da história italiana contada através da vida de dois irmãos, um psiquiatra que viaja o mundo e um idealista que se alista na polícia com a esperança de consertar alguns dos erros do planeta.

Prêmios:

Melhor Filme da Mostra Um Certo Olhar / Festival de Cannes

Melhor direção, roteiro e especial do júri no Globo de Ouro Italiano

Prêmio do público no Festival Internacional de Rotterdam

Melhor filme estrangeiro pela Associação Argentina de Críticos de Cinema

Prêmio do público no Bastia Italian Film Festival

Melhor filme, roteiro e elenco Chlotrudis Awards

Melhor filme, direção, roteiro, produção e edição de som no David di Donatello Awards

Prêmio do público no Denver International Film Festival

Melhor ator, atriz coadjuvante, direção, figurino e produção no Golden Ciak Awards

Vencedor do Grand Prix de l'UCC

Melhor filme no Italian Film Festival USA

Melhor direção, roteiro, produção, ator, atriz, som e edição no Italian National Syndicate of Film Journalists 

Prêmio NBR - melhor filme estrangeiro no National Board of Review, USA

Prêmio NYFCO – melhor filme do ano do New York Film Critics, Online

Prêmio do público de melhor ficção no Palm Springs International Film Festival

Prêmio do público no Santa Barbara International Film Festival

Melhor diretor no Seattle International Film Festival


Nenhum comentário