[Programação] Teatro de 12 a 18 de março - Reino Literário Br

Recentes

Home Top Ad

Anuncio aqui

12 março 2019

[Programação] Teatro de 12 a 18 de março

Confira a programação de teatro da semana:

                    Teatro da Gávea:
Missa para Clarice-Um espetáculo sobre o homem e seu Deus,sextas e sábados às 21h e domingos às 20h, até 31 de março. 80 a inteira e 40 a meia.


A matéria prima do espetáculo é a obra de Clarice Lispector, e o público se surpreende com a forma teatral como os textos são apresentados. Como numa missa, a todo momento o público é chamado a participar. A iluminação de Fernanda Mantovani, a direção de arte de Analu Prestes, e a música de Henryk Gorecki (1933 – 2010) se juntam para transformar o espetáculo de Wotzik num ritual cênico e religioso que nos faz pensar divertidamente nossa vida. Um encontro que medite, como quis Clarice. Missa Para Clarice é uma missa como jamais se viu. Reflexivo e divertido, é um espetáculo comovente, onde um Arauto e duas Beatas claricianas fazem do espaço do teatro um Templo de Reflexão. “Um espetáculo popular, um culto, que fala dessa ideia inteligente que o ser humano teve de criar dois sistemas extraordinários para suportar a realidade, o sistema religioso e a arte.”, comenta Wotzik.

O pequenino grão de areia,sábados e domingos às 17h, até 31 de março. 60 a inteira e 30 a meia.

O Grão Sonhador se apaixona por uma estrela do céu. Todos os outros grãos tentam convencê-lo de que é impossível este namoro, mas ele não desanima e conta com a ajuda de todos, até que a natureza resolve intervir nesse amor.
O objetivo do projeto é levar às crianças a importância dos sentimentos, a necessidade da perseverança para se alcançar um objetivo e o quanto precisamos da ajuda do próximo.
De maneira sutil e delicada, o autor utiliza-se do universo lúdico da natureza para explicitar um amor – aparentemente – impossível, mostrando ao universo infantil a importância que a natureza e o meio-ambiente têm, abordando os seres vivos, a água, a preservação e a ecologia.
A mensagem do texto é: Nunca desista de um grande sonho, mesmo que você seja um pequenino grão de areia.

Tem uma mulher na nossa cama, segundas-feiras às 21h, até 8 de abril. 60 a inteira e 30 a meia.

Uma comédia sobre um casal, Sandro e Ludimila, que dormem bêbados e ao acordar se deparam com uma mulher desconhecida na cama. Os dois não se lembram de nada e a partir daí discutem a relação do casamento que passa pela crise dos 7 anos, enquanto tentam entender e lembrar o que se passou durante a noite.

Numa discussão hilária sobre o relacionamento cotidiano de um casal, eles tentam desvendar o mistério de quem é essa mulher…

Na cama, terças às 21h, até 16 de abril. 40 a inteira e 20 a meia.

Em um quarto de motel, Bruno e Daniela, dois estranhos, dividem lençóis e confidências. Aos poucos, a intimidade do casal extrapola o sexo e aquela relação de uma única noite passa a ser uma possibilidade.


O bosque soturno, quartas às 21h, até 17 de abril.40 a inteira e 20 a meia.

Em uma cabana no meio da floresta, dois irmãos de personalidades completamente divergentes se reencontram – a convite da irmã, Betty – para esvaziar um imóvel alugado, desocupado há pouco pelo inquilino. Numa noite chuvosa, ambos iniciam um acerto de contas emocional e denso que envolve o passado familiar, trazendo à tona diversas questões sobre a relação dos dois.


O lago dos cisnes,sábados e domingos às 17h, até 21 de abril. 70 a inteira e 35 a meia.

O Lago dos Cisnes conta a história de Odette, uma princesa transformada em cisne por Rothbart, um feiticeiro perverso que desejava com ela se casar e possuir o seu reino. Condenada permanecer como cisne, Odette só pode ter seu feitiço quebrado até encontrar quem lhe jure amor eterno. Composto originalmente por Piotr Ilitch Tchaikovsky em 1876 em Paris, por encomenda do Teatro Bolshoi de Moscou. O Lago dos Cisnes é o balé mais montado mundialmente.


Os homens querem casar e as mulheres querem sexo 2, quintas às 21h, até 28 de março.70, valor único.

Se em “Os Homens Querem Casar e As Mulheres Querem Sexo”, Jonas (Carlo Simões) entra em crise após ser abandonado no altar pela terceira vez e se desespera por constatar que é apenas usado sexualmente pelas moças, agora duas revelações mudam sua vida. Ele encontra Deus (Drika Matos) e descobre que, além de mulher, o Divino é cearense. É quando Deus propõe a Jonas passar a sentir tudo que as mulheres sentem para entender, enfim, a visão feminina sobre o universo masculino. “Além de atender a um pedido do público para que a peça ganhasse sequência, esta continuação tem muito do amor que sinto pelo mundo feminino e pelas nordestinas, em especial pelas cearenses. Já namorei quatro e acho que o humor das nordestinas está relacionado diretamente à inteligência”, relata Carlo.


Allan Kardec-Um olhar para a eternidade, quintas às 18h, com data indeterminada para sair de cartaz, 70 a inteira e 35 a meia.

Inspirada no livro homônimo de Kardec, a peça “O livro dos espíritos – A saga de Kardec” é uma adaptação de passagens específicas de vida do educador, escritor e tradutor francês Hippolyte León Denizard Rivail, no século XIX, desde o momento em que é apresentado a experiências mediúnicas, abordando as sessões de mesas girantes, suas pesquisas, o amadurecimento de sua fé, o contato como Espírito da Verdade e as dificuldades pelas quais passou na época, até a decisão de publicar o seu primeiro livro sobre a Doutrina Espírita, chamado “O livro dos espíritos”, sob o pseudônimo de Allan Kardec.


A bela e a fera, sábados e domingos às 16h, até 7 de abril. 60 a inteira.

Na narrativa, um príncipe egoísta é amaldiçoado por uma feiticeira que o transforma em uma fera horrível. O encanto só poderá ser desfeito se ele encontrar o amor verdadeiro. Eis que, em um dia, Maurice, morador de um vilarejo distante que estava fugindo de lobos famintos, decide abrigar-se no castelo ao encontrar a porta aberta. Recebido com grande entusiasmo por objetos encantados que andam e falam, ele se sente acolhido e protegido. No entanto, é surpreendido pela pavorosa Fera, que o faz prisioneiro por ter invadido seu castelo.
Bela, filha de Maurice, fica sabendo do corrido e vai até o castelo se oferecer para ficar presa para sempre no lugar de seu pai. A Fera aceita prontamente a troca e liberta Maurice, que retorna desamparado para casa. Mas, para surpresa de Bela, a Fera não a torna prisioneira e a trata como uma princesa, oferecendo um quarto e um convite para jantar. O que antes parecia ser o fim de uma camponesa se revela uma amizade comovente, apaixonante e transformadora, a ponto de quebrar o feitiço e trazer de volta um príncipe generoso e amável.


Operação bariátrica-de 13 de março a 10 de abril, quartas às 21h, 70 a inteira.

O espetáculo é destinado a todos aqueles que gostam de humor e querem dar risadas mais deliciosas que um pavê de chocolate, e é claro, para pessoas que pensam em fazer cirurgia bariátrica ou que convivam com pessoas que passaram ou pensam em passar por esse procedimento.
Preparem-se para saber como era o mundo de dois gordos, que passavam sufoco ao ter que enfrentar escadas caracóis, roletas de ônibus e banheiros de avião, e que depois de não terem sucesso com dietas milagrosas, finalmente optaram pela cirurgia bariátrica.
Depois da cirurgia,… novos hábitos, alimentação saudável, exercícios físicos, saúde em dia, as pazes com a balança, facilidade pra comprar roupas, a auto estima nas alturas,…porém com a eterna dúvida,…será que vão se manter magros pra sempre???…

Independente de qualquer coisa, alimentar-se de bom humor é sempre a melhor dieta!


 Minha vida daria um bolero, sextas e sábados às 21h e domingos às 20h, de 8 de março a 28 de abril. 90 a inteira e 45 a meia.

Quando começa a peça, está indo ao ar a última edição do programa “Minha Vida Daria Um Bolero”. Neste dia, Diana expõe, ao vivo, o relacionamento que mantém há 20 anos com Orlando. Porém, eles nunca se viram. Só conversam por e-mail, mensagens de celular e principalmente pelo programa de rádio. Mas agora, após a última edição, pela primeira vez, terão um encontro presencial, numa prometida aula de dança. As ondas da rádio Mundo criam a relação entre os personagens. Diana é uma mulher que nunca se casou, acredita no amor, mas nunca arriscou. Orlando é um homem que sempre quis casar, porém com dificuldades de manter as relações. Na medida em que o tempo passa, durante o programa, os personagens vão ajudando um ao outro, aprendendo e descobrindo o caminho do amor.

Chapeuzinho vermelho e o lobonzinho,sábados e domingos às 18:30h, até 5 de maio, 60 a inteira e 30 a meia.

Com roteiro adaptado de um dos maiores clássicos de todos os tempos, o espetáculo teatral infantil “CHAPEUZINHO VERMELHO E O LOBONZINHO” traz uma releitura contemporânea, que despertará interesse das crianças pela abordagem de temas relacionados à preservação do meio ambiente, respeito ao próximo, aos animais, noções de cidadania e tecnologia, tudo de uma forma lúdica e bem humorada.

“Trazer um lobo bonzinho e comprometido com o meio ambiente só reforça a importância de ações e atitudes positivas para as crianças. Não poderíamos deixar passar a oportunidade de mudar a trajetória do lobo mau trazendo mensagens de bom comportamento e cidadania”, situam as roteiristas e diretoras Ana Ferguson e Solange Bighetti.

Malévola, sábados, domingos e feriados às 17h, até 26 de maio.60 a inteira e 30 a meia.

A história original do conto de fadas ‘A Bela Adormecida’, do escritor francês Charles Perrault, é velha conhecida do grande público: uma princesa é enfeitiçada por uma bruxa cruel e dormirá para sempre, até que um príncipe a acorde com um beijo. Nos dias de hoje situações assim parecem fora da nossa realidade, e são! Por que só um príncipe pode salvar a donzela? Por que a bruxa precisa ser má? Por que um Rei não pode ser frágil e chorar por sua filha? Novos tempos, novos conceitos!
Com texto e direção de Carla Reis e canções de Bruno Camurati, o espetáculo é uma releitura moderna do famoso conto, e traz muita magia, música e humor, para recontar essa história onde os conceitos de amor verdadeiro, família, amizade e final feliz serão renovados e atualizados.


                            Teatro Bradesco
Um dia na Broadway, dias 15 e 16, sexta e sábado ás 21h e domingo, dia 17, às 19h. De 50 a 200 reais.

Um casal de brasileiros viaja para Nova York com os filhos para comemorar o aniversário de casamento na cidade que nunca dorme, onde se conheceram. Na chegada, a família se perde em um dos pontos turísticos da cidade, a Central Station. Percorrendo a Times Square para o reencontro, a família visita  os maiores musicais da Broadway, como West Side History, Grease, Mamma Mia, Chicago, Les Miserables e muito mais!
O musical “Um Dia Na Broadway” é uma produção brasileira Black & Red e é dirigida pelo italiano Billy Bond e produzido por Andrea Oliveira.


O mágico de Oz, sábado, dia 16 às 16h e domingo, dia 17, às 15h. De 60 a 120 reais.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Bottom Ad

Responsive Ads Here

Pages