Novidades

[Programação] Filmes em Destaque no Canal Brasil de 18 a 24 de Março

DIVINAS DIVAS (2017) (110’)


Horário: Segunda, dia 18 às 18:10
Direção: Leandra Leal
Classificação: 14 anos

Sinopse: A coprodução do Canal Brasil, eleita pelo público do Festival do Rio como melhor documentário, resgata a história da primeira geração de artistas travestis a fazer sucesso na agitada cena cultural do Rio de Janeiro. Aos 17 anos, Leandra Leal fazia pesquisa para viver nova personagem e descobriu uma história familiar ainda inédita. Seu avô foi pioneiro ao abrir o próprio palco, o Teatro Rival, há mais de cinco décadas para um show protagonizado por homens vestidos de mulher. Rogéria, Valéria, Jane Di Castro, Camille K, Fujika de Halliday, Eloína, Marquesa e Brigitte de Búzios marcaram época com um espetáculo transgressor, quebrando paradigmas e enfrentando o regime militar. Em sua estreia na direção, a atriz traz o reencontro das Divinas Divas, em um filme repleto de histórias deliciosas sobre a carreira dessas icônicas artistas da contracultura.
 

HIJOS DE LA REVOLUCIÓN (2018)(96’) 


 

Horário: Terça, dia 19, às 19h

INÉDITO E EXCLUSIVO

Direção:
Luciana Sérvulo da Cunha
Classificação: Livre

Sinopse: O documentário de Luciana Sérvulo da Cunha aborda as recentes mudanças migratórias em direção a uma abertura política promovidas por Raúl Castro – simbolizadas pela visita do ex-presidente norte-americano Barack Obama –, a partir de depoimentos de pais e filhos que viveram realidades distintas na ilha. O longa-metragem escolhe o viés cultural para permear discussões profundas, como a proteção da arte cubana, a dificuldade dos mais jovens em serem acolhidos pelo mercado, a possibilidade de conhecer novos países e a diferença de visão de jovens que não possuem nenhum tipo de elo com uma revolução da qual só ouviram falar.
 

TORQUATO NETO – TODAS AS HORAS DO FIM (2018) (87’) 


Horário: Quarta, dia 20, às 20h

INÉDITO e EXCLUSIVO

Direção:
Marcus Fernando e Eduardo Ades
Classificação: 12 anos

Sinopse: Documentário sobre a trajetória de vida do poeta, cineasta, compositor e jornalista Torquato Neto. O longa-metragem acompanha da infância do artista em Teresina, sua cidade natal, até seu aniversário de 28, quando tirou sua própria vida após deixar colaborações indeléveis em movimentos artísticos como a Tropicália. O ator Jesuíta Barbosa dá vida a poemas e outros escritos de Torquato.


A GLÓRIA E A GRAÇA (2017) (93’)
 


Horário: Quinta, dia 21, às 20:20

Direção: Flávio R. Tambellini
Classificação: 14 anos

Sinopse: Quando descobre que tem um aneurisma fatal, Graça (Sandra Corveloni) precisa, mais do que deixar sua vida em ordem, deixar os filhos – Papoula (Sofia Marques), de 15 anos, e Moreno (Vicente Demori), de oito – amparados. Ela entra, então, em contato com Luis Carlos, o irmão com quem não fala há 15 anos. Só que Luis Carlos agora é Glória (Carolina Ferraz).
 


O NÓ DO DIABO (2018) (128’)
 


Horário: Sexta, dia 22 às 0:15
Direção: Gabriel Martins, Ramon Porto Mota, Ian Abé e Jhésus Tribuzi
Classificação: 16 anos

Sinopse: Idealizado inicialmente como uma série de televisão, o longa-metragem de terror “O Nó do Diabo” (2018) retrata através de cinco contos completamente distintos e, ao mesmo tempo, interligados, a história da escravidão no Brasil e seus reflexos na sociedade.


CARANDIRU (2003) (146’)



Horário: Sábado, dia 23, às 23:30
Direção: Héctor Babenco
Classificação: 16 anos

Sinopse: Um médico (Luiz Carlos Vasconcelos) se oferece para realizar um trabalho de prevenção a AIDS no maior presídio da América Latina, o Carandiru. Lá ele convive com a realidade dos cárceres, que inclui violência, superlotação das celas e instalações precárias. Porém, apesar de todos os problemas, o médico logo percebe que os prisioneiros não são figuras demoníacas, existindo dentro da prisão solidariedade, organização e uma grande vontade de viver.
 

FERRUGEM (2018) (99’)


Horário: Domingo, dia 24, à 18:25
Direção: Aly Muritiba
Classificação: 14 anos

Sinopse: Tati (Tifanny Dopke) é uma adolescente comum e, assim como as demais amigas de sua idade, adora compartilhar sua rotina nas redes sociais. Em uma viagem com os colegas da classe, ela começa um flerte com Renet (Giovanni de Lorenzi), um menino reservado, filho de Davi (Enrique Diaz), um dos professores do colégio em que estuda. Após o primeiro e esperado beijo com o rapaz, a jovem percebe ter perdido o celular e, mesmo após esforços coletivos, não o recupera. Alguém, no entanto, encontrou o aparelho e divulgou um vídeo íntimo da jovem gravado com o ex-namorado. Rapidamente, sem qualquer pista de como tudo ocorreu, a protagonista percebe que todos os discentes do lugar assistiram à filmagem, começando uma onda de bullying espalhada com a costumeira velocidade dos conteúdos na grande rede.


Nenhum comentário