Novidades

[News] Centro em Concerto, do SESC Carmo


A região central de São Paulo reserva curiosidades para quem faz trajetos por ruas, avenidas e praças históricas. Um concerto no meio da tarde pode ser uma delas. O projeto Centro em Concerto é realizado mensalmente pelo Sesc Carmo em igrejas tombadas  e espaços alternativos da região central, com o objetivo de democratizar o acesso à música erudita e evidenciar o patrimônio histórico de São Paulo.
No próximo 9 de abril, terça-feira, das 13 às 14 horas, na Igreja Nossa Senhora da Boa Morte, será apresentado concerto com o Quarteto de Cordas Romanov. O Quarteto de Cordas Romanov, formado pelos músicos russos Alexey Chashnikov, Tatiana Vinogradova (violinos), Simeon Grinberg (viola) e o brasileiro Rodrigo Andrade Silveira (violoncelo), segue atento à tradição das cordas russas, expandindo seu primoroso repertório a cada novo ano.
Seus integrantes, além de pertencer à Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo e de se voltarem para formação de novos talentos brasileiros, vem acumulando experiência como camaristas com repertório bem abrangente, e formado por compositores de todas as nacionalidades percorrendo períodos do clássico ao contemporâneo.

Sobre a Igreja da Boa Morte -
Fundada em 1810 pela Irmandade dos homens pardos (mestiços), tendo como principal característica admitir todas as pessoas, sem distinção, sua arquitetura é representante do barroco paulista.
De construção modesta, em taipa de pilão, possui em seu interior a capela-mor com tribunas e altar com imagem da Nossa Senhora da Boa Morte, além das talhas em estilos rococó e neoclássico. Sua construção foi tombada pelo Condephaat em 1974.  Passou por uma restauração de três anos e foi reaberta ao culto no dia 12 de julho de 2009. O precioso trabalho de restauração devolveu o esplendor da Igreja, tornando-a uma bela referência artística e cultural para a cidade da São Paulo. 
Para roteiro
Projeto Centro em Concerto - Dia 9 de abril, terça, das 13 às 14h. Na Igreja da Boa Morte, na rua do Carmo, 202 – Centro, tel. (11) 3111-7000. Livre. Grátis. Sem retirada de ingressos. A apresentação é gratuita e recomendada para todos os públicos.  Livre. Grátis - Sem retirada de ingressos.



Nenhum comentário