08 maio 2018

[Resenha] Um Sedutor Sem Coração

Sinopse: Devon Ravenel, o libertino mais maliciosamente charmoso de Londres, acabou de herdar um condado. Só que a nova posição de poder traz muitas responsabilidades indesejadas – e algumas surpresas.A propriedade está afundada em dívidas e as três inocentes irmãs mais novas do antigo conde ainda estão ocupando a casa. Junto com elas vive Kathleen, a bela e jovem viúva, dona de uma inteligência e uma determinação que só se comparam às do próprio Devon.Assim que o conhece, Kathleen percebe que não deve confiar em um cafajeste como ele. Mas a ardente atração que logo nasce entre os dois éimpossível de negar.Ao perceber que está sucumbindo à sedução habilmente orquestrada por Devon, ela se vê diante de um dilema: será que deve entregar o coração ao homem mais perigoso que já conheceu?Um sedutor sem coração inaugura a coleção Os Ravenels com uma narrativa elegante, romântica e voluptuosa que fará você prender o fôlego até o final.

O que eu achei?
Eu não sou muito fã de romance de época, confesso, mas estou testando gêneros diferentes e o que gosto e não gosto nesse mundo da literatura, por isso decidi me arriscar com Um Sedutor sem Coração da Lisa Kleypas, uma das grandes autoras do gênero, e já posso dizer que gostei bastante e apesar de ser de época não tem nada de chata ou sem noção como alguns outros que já li, a história flui bem e não deixa nenhum ponto sem nó.

Quando Devon Ravenel herda o título de conde seu estilo de vida tranquila e noturna, recheada de bebedeiras e mulheres lindas em Londres, sofre um grande abalo, pois além de lidar com casa e terreno completamente arruinados ele também terá que lidar com a viúva do antigo conde, Kathleen, que tem um temperamento bem parecido com o dele, ou seja, eles baterão muito de frente.
O legal desse livro é que o casal não acontece do nada, a relação entre eles vai sendo construído aos poucos, em cada briga pelo melhor destino para a casa e seus empregados, cada um vai cedendo um pouco e quando se dão conta eles já estão irremediavelmente apaixonados.

Com essa construção toda o livro te prende do começo ao fim, cada cena já te deixa ligada na próxima, assim começa um círculo vicioso delicioso, e bem diferente do que estamos acostumados a ler nos outros livros do gênero, a paixão do casal é linda de ver, e como eles se encaixam através da mudança brusca na vida dos dois é simplesmente inspirador demais.

Então, se você assim como eu não tem o hábito, ou nunca leu, romance de época, pode se jogar nesse, ele é tão bom que ao término já estava adicionando outros livros da autora na minha wishlist, e procurando saber mais sobre as técnicas de escrita que ela utiliza em comparação com o que vemos no mercado, esse livro é daquele que continua mesmo depois que passamos a ultima página.



Por Mayara Cardoso

Um comentário

  1. Esse livro é um dos próximos de minha lista. Gosto muito da autora.

    https://paragostardeler1.blogspot.com.br
    https://paragostardelerbrasil.blogspot.com.br

    ResponderExcluir