09 maio 2018

[Resenha] Antes De Tudo Acabar


Sinopse: Deslocado e sem muita perspectiva de vida, ele cuida da mãe alcoólatra enquanto precisa lidar com a paixão platônica pela melhor amiga, Anne, e com os percalços causados por um pai ausente. Acostumado desde sempre a fazer tudo com Anne, ele agora tem de aceitar que ela arrumou um namorado... e justo uma das últimas pessoas que ele gostaria de ver com a amiga. Como se não bastasse, ele também precisa se entender com o pai, que resolveu voltar a procurá-lo com uma surpresa: a filha que teve com a amante. E, em meio a esse turbilhão de acontecimentos, chega Kaori, a nova aluna da turma. Com ela, as coisas começam a mudar na vida de Rafael, e o que era só amizade pode acabar se tornando algo mais. Antes de tudo acabar é a história de um garoto que precisa se encontrar e compreender um mundo que se move mais rápido do que ele consegue acompanhar. Um mundo onde amizades são construídas e desfeitas, amores morrem e nascem e caminhos sofrem desvios inesperados.

O que eu achei?
Antes de tudo acabar foi o primeiro livro do blog com a Editora Planeta a chegar por aqui, então é claro que só por isso ele já tem aquele espaço cativo em nosso coração, mas além disso, o livro se mostra lindo apesar de abordar temas tão tristes, e incrivelmente necessário, pois quanto mais falamos sobre esses problemas, mais fácil identificá-los, tarefa nada simples, alertar e ajudar quem sofre com eles.

Neste livro vamos conhecer Rafael e sua melhor amiga Anne, dois jovens que além de sofrerem bullying no colégio, tem que lidar com barras pesadíssimas em casa. Ele tem a casa nas costas, tem que lidar com todos os afazeres domésticos, com sua mãe alcoólatra e com o péssimo relacionamento que tem com o seu pai, desde que o mesmo fugiu com sua amante. Ela enfrenta toda a ira do pai, que desconta fisicamente nela, toda raiva que sente pela mulher amada ter morrido enquanto dava à luz a filha.

A amizade dos dois é bem bonita e intensa, e é nessa intensidade que Rafael descobre novos sentimentos por Anne, mas como a vida não cansa de bater nesses dois, no mesmo instante da descoberta Anne engata num namoro um tanto abusivo que a priva de várias coisas entre elas a amizade de Rafael, que até então era seu porto seguro, quem sempre estava lá pra ela e vice e versa.
Com esse afastamento acabamos descobrimos algo que Anne não sabe sobre Rafael, que ele sofre com cutting, ele sofre tanto que prefere se cortar pois a dor física é menor do que a dor emocional que sente, assim qualquer alívio é bem vindo. Ele segue nesse caminho até a chegada de Kaori, uma japonesa que chega pra mudar completamente essa história.

O livro nos traz uma história extremamente real, pois por mais que não enxerguemos claramente, alguém perto de nós, ou nós mesmos, sofre com um dos problemas abordado no livro. A leitura é bem leve e reflexiva, é impossível não ficar torcendo pela felicidade dos personagens e ficar com um friozinho na barriga com os rumos que essa história pode tomar.




Por Mayara Cardoso

Nenhum comentário

Postar um comentário