Novidades

[News] Miranda traz todo o encanto da MPB no novo single "Universo"

Terceiro single da carreira que sai pela Warner Music Brasil, explora o espalho e o amor e chega acompanhado de clipe inédito, dirigido por Pedro Tófani, e ambientando em um cinema de São Paulo

Depois de lançar “Eu Não” – terceiro lugar no chart 50 Viral do Spotify, conquistar ouvidos admirados Brasil afora, reforçar todo seu talento e estilo em “Agora”, faixas de estreia da cantora Miranda no mercado fonográfico, em 2018, e ser eleita como artista “aposta” pelo programa Só Toca Top (Rede Globo), a jovem cantora coloca voz na suave e compassada “Universo”, música autoral, de melodia ritmada e, mais uma vez, autobiográfica, que reforça o estilo da artista, firmando o trabalho na MPB, vertente reforçada ultimamente por jovens talentos que revivem o estilo musical no país.
“‘Universo’ é uma música que eu sempre quis escrever e não sabia como. Foi um processo de composição divertido, eu sou apaixonada pelo universo: planetas, coisas do céu, estrelas e por aí vai, e eu sempre quis uma música que falasse disso”, comenta Miranda que escreveu a faixa em 2016, colocando na composição não apenas elementos do espaço, mas, também, frases que refletem o amor. “Eu gosto muito de falar de amor, então, ‘Universo’, mais do que nunca, é de amor, mas, não só amor de um casal, o amor na forma mais pura e simples, entre familiares e amigos”.
Uma verdadeira carta de apresentação de Miranda ao público, “Universo” representa uma boa parte do que a artista é e quer mostrar para o mundo. E para celebrar este lançamento continuado da história da carioca, a faixa chega acompanhada de clipe inédito, gravado em São Paulo e dirigido por Pedro Tófani, responsável por assinar os recentes trabalhos de Jão (“Imaturo” e “Eu Vou Morrer Sozinho”) e pela UFO Produções. “Além de ser muito criativo, Pedro fez de tudo para que eu me sentisse superconfortável desde a finalização do roteiro até a gravação do clipe em si”.

Clique e assista agora ao clipe de “Universo”:

“Gravar foi divertido. Fizemos o registro em uma sala de cinema e dos meus sonhos era entrar em uma sala de cinema vazia, então, já começou de uma maneira ótima”, diverte-se a cantora.
Toda a ambientação e roteiro do registro foram assinadas por Tófani, “eu adorei a ideia, amo filmes e o roteiro conseguiu expressar muito bem o jeito que eu levo as coisas para a minha vida. Sempre tento ver tudo de maneiras diferentes e tento me expressar, ajudar e viver sempre mudando meus pontos de vista e o clipe, de certa forma, mostra isso”.
O novo single promete seguir os caminhos de sucesso percorridos pelos lançamentos anteriores. Ao todo, o vídeo de “Eu Não” já acumulou quase 2 milhões de views no YouTube e ultrapassou a marca de 4 milhões de streams no Spotify. “Agora”, registra mais de 100 mil plays na plataforma digital.


Sobre Miranda:

“Queria namorar você e partir seu coração só para ganhar uma música”, com este comentário de um amigo próximo, Miranda começa a escrever sua história na música. Cantora, compositora e multi-instrumentista carioca, Aline Loureiro de Miranda, 22 anos, fez sua estreia na música há sete anos, quando integrava uma banda, chamada Júlia Sabe, e já participava de saraus e eventos da faculdade.
A rotina do dia a dia, as conversas com os amigos, família e namorado, ou até mesmo o olhar alheio na rua, a cor do vestido da moça que trabalha no xerox da faculdade, o espaço, a natureza e perguntas que ninguém sabe responder, preenchem as linhas da artista. Ela fala de tudo, mas, principalmente do amor e suas mais variadas formas. Para acompanhar, Miranda toca violão, ukelele e escaleta, instrumentos que preenchem os espaços de voz com o melhor das batidas indie, folk e MPB. Autodidata, Miranda cursa Teoria e Produção Musical na faculdade.
“Pra mim, a música é uma forma de comunicação emotiva. É algo que passa uma ideia e te faz sentir o que está sendo ouvido. A música é uma parte de mim, é minha forma favorita de me expressar, de botar pra fora qualquer coisa que eu esteja passando ou sentindo”. Autobiográfico, seu trabalho traz muito de seus ídolos: a dedicação e entrega às composições. Miranda sempre escreveu muito, poesias e textos soltos, chegou a dividi-los com o mundo em um blog, mas, para ela, só os textos não pareciam satisfazê-la, não eram coloridos o suficiente, conta a cantora que vê cores em tudo e as associa com todos os seus acontecimentos e fases.


Clique e ouça agora "Universo" na plataforma digital de sua preferência:

Nenhum comentário