04 fevereiro 2018

[News] Primeiras impressões de Carbono Alterado

No futuro, a sociedade se acostumou à prática da troca de corpos: após armazenar a consciência de uma pessoa, ela pode ser transferida a outra "capa", podendo viver várias vidas. O mercenário Takeshi Kovacs (Joel Kinnaman) acorda após 250 anos em outro corpo. Além de se adaptar a esta situação e à nova sociedade, ele é contratado por um homem riquíssimo para descobrir o autor de seu próprio assassinato. Tak conta com a ajuda de uma policial mexicana, um ex-militar tentando ajudar sua filha e um robô equipado com inteligência artificial. 

O que eu achei?
Kovacs é despertado após 250 anos para descobrir o assassino de Brancoft, um homem milionário que sabe que foi assassinado e quer saber quem o fez. Muito louco não é mesmo? Mas como isso é possível?
Aí é que surge a ideia principal do seriado... imagine você que ao morrer poderia depois voltar, mas não no seu próprio corpo, mas numa nova "capa". Se morrer de doença ou velhice é só salvar sua "história" numa cartucho e vir num novo corpo. 

O roteiro é bom e muito bem desenvolvido, digno de uma ficção científica, efeitos especiais maravilhosos e com destaques inciais para Joel Kinnaman e James Purefoy. 
As cenas de luta e as mortes são bastante detalhistas e um destaque por não pouparem nos nus presentes nos episódios. a Nudez não é desnecessária e tem um motivo para acontecer.

Ainda estou no 3º episódio e muito em breve venho aqui contar o que achei da temporada completa, até lá deixo essa indicação de mais uma série. 
Link de Carbono alterado no Nettflix: Aqui!



Nenhum comentário

Postar um comentário