22 setembro 2017

[Música] Johnny Hooker + Liniker + Almério no Rock in Rio



Então, eu não estava planejando fazer matéria sobre o Rock in Rio - até porque eu não fui nem vou dia nenhuma! Mas é impossível manter-se quieto, indiferente e impassível ao show do Johnny Hooker no Palco Sunset, no último Domingo (17), com as participações de Linikier e os Caramelows, e de Almério.

Numa mistura de repertórios, Johnny Hooker chegou já chutando as portas e derrubando tudo com a faixa Intro, do seu novo álbum, Coração (2017), seguida de Touro, uma de suas faixas mais forte. Corpo Fechado vei logo em seguida, com participação virtual de Gabi Amarantos. Alma Sebosa veio logo na sequência, e com uma pegada mais pesada na guitarra chegou Amor Marginal.

Logo chega Liniker com seus hits, dueto com Hooker e depois, Almério... mas eu não vou falar das músicas. Não diretamente. O show foi além disso; foi além do entreterimento. Do inicio ao fim, o trio mandou uma mensagem clara, sem medo, sem medidas, a plenos pulmões para quem quisesse ouvir - e também para quem não quisesse! AMAR SEM TEMER.

O show foi um manifesto de amor, aceitação e respeito mútuo, absolutamente emocionante do início ao fim; uma performance política, uma manifestação de força contra a opressão e o preconceito. Foi impossível não se arrepiar com esse show - isso eu assistindo pela TV, imagina estando lá! A união entre artistas e público foi tão grande; a conexão foi tão forte que era quase palpável. Nascia, naquele palco, de uma vez por todas, vozes poderosas que guiarão essa geração na luta por aceitação e respeito, seja por cor da pele, credo ou sexualidade. Um show de orgulhos: de ser quem somos e de ter artistas desse porte nessa luta diária.

Se você não assistiu, procure por todos os sites que puder e assista! Valerá cada segundo.



Nenhum comentário

Postar um comentário