14 dezembro 2017

[News] Retrospectiva Comic-Con por Clara Monnerat


E aí, pessoal! Estou de volta. Fiquei alguns dias fora por causa da Comic-Com, só acessava a Internet pelo celular. Foram 4 dias intensos e estou cheia de novidades para contar então senta aí que lá vem textão.

Dia 1-quinta, 7 de dezembro
Acordei bem cedo, 5:30 da manhã porque precisava estar no aeroporto às 7:10 porque o voo é nacional e as companhias aéreas pedem para chegar com duas horas de antecedência. Embarquei, a viagem foi tranquila, quarenta minutos que passam rápido, encontrei minha amiga que dividiria a casa comigo e pegamos um Uber até a casa que alugamos. Fomos recebidos por nossos anfitriões, um casal amável e como a casa fica bem perto do São Paulo Expo, tivemos tempo de deixar nossas coisas e ir andando. Na quinta e na sexta, o evento abriu ao meio-dia. Eu já estava com minha credencial mas minha amiga não então ela foi para a fila para pegar e entrei por outra fila. 
Eu tinha marcado com um grupo de meninas que cada uma iria de uma princesa da Disney\ Pixar e faríamos um ensaio com uma fotógrafa. Encontrei as garotas que faziam a Kida (daquele desenho Atlântida) e a Merida, de Valente. Elas me ajudaram a colocar o vestido da Bela (versão live-action com Emma Watson) e encontramos as outras. Haviam as clássicas, Cinderela, Aurora, Ariel (a única que faltava das clássicas era a Branca de Neve porque a garota não pôde ir) e as mais novas como a Megara do Hércules, Esmeralda do Corcunda de Notre Dame, Mulan (havia duas versões, uma guerreira e a outra quando ela vai para a casamenteira) ,Jasmine, Pocahontas, Elsa e Anna de Frozen, Rapunzel de Enrolados e Tiana, de A princesa e o sapo.Imagine a nossa surpresa quando a equipe da rede Telecine pediu para tirar fotos e gravar um vídeo conosco!Fomos para a sala de imprensa deles, tiramos uma foto no estúdio e pediram para gravarmos um vídeo com a Leia começando a caminhar e as outras seguindo atrás dela em duplas. Fomos parar no Stories no Instagram do Telecine!
Após isso, circulei um pouco e tirei foto com quem pediu, depois fui para o camarim cosplay para tirar o vestido e colocar minha roupa normal de volta. A blusa que estava no primeiro dia era de Jurassic Park. Fui em alguns estandes, tirei foto, passei na Riachuelo e peguei uma fila de 1 hora para entrar. Tinham várias coleções novas lindas, especialmente as do Nickelodeon, com estampas de desenhos que marcaram a infância de muita gente, como Rugrats, O laboratório de Dexter, A vaca e o frango, Du, Dudu e Edu, etc.Uma que me chamou a atenção em especial foi a do Senhor dos Anéis, tinha uma estampa da Sociedade do Anel que gostei e comprei (40 minutos na fila para pagar) depois fui no Artists Alley, a parte onde ficam os quadrinhistas. Organizados por estandes, eles exibem seus prints, portfólios, cards, buttons e vendem. A maioria tem um preço razoável mas vi um artista no Chiaroscuro Stuidos que vendia alguns em dólar e era de 100 para cima. Peguei os autógrafos de Jim Calafiore em Megalopolis, Bernard Chang em Batman e Bernard Chang em 30 dias de noite. Vi o estande da editora Intrínseca, teve o lançamento do livro ´´A ordem vermelha:Filhos da degradação´´ do Felipe Castilho e voltei para casa. 
Eu com o vestido amarelo em baixo

Dia 2-sexta, 8 de dezembro:

Cheguei por volta de 11 horas na fila, entrei e fui correndo no Artists Alley pegar autógrafo do Arthur Adams. Tive que enfrentar uma fila de cerca de meia hora. Ele é um quadrinhista conhecido por desenhar X-Men, Godzilla, MonkeyMan, Quarteto Fantástico, entre outros. Adams autografou meu exemplar de X-Men Pacto Letal, me deu algumas dicas de se inserir no mundo da edição de HQs e tirei uma foto com ele. Fui correndo para o auditório Cinemark porque queria ver o painel de Maze Runner (que seria dentro do painel da Fox. Quando cheguei, a homenagem à Fernanda Montenegro já tinha acabado e infelizmente não cheguei a vê-la. Assisti o painel de 55 anos do Homem-Aranha, em que a história do super-herói foi contada e depois teve o da Globo, que contou com a presença de Tatá Werneck, Marina Ruy Barbosa e Bruna Marquezine que falaram sobre a nova novela da Globo, Deus salve o rei, que estreia em janeiro e será a primeira novela da emissora passada na Idade Média. Quando o painel da Fox finalmente começou, tiveram algumas atrações antes de Maze Runner: trailer da animação do touro Ferdinando, dirigido pelo orgulho nacional Carlos Saldanha, diretor de A era do gelo e presença das dubladoras Maisa Silva e Thalita Carata. Teve o primeiro trailer de Alita:anjo de combate, filme baseado no mangá Battle Angel Alita, dirigido por Robert Rodriguez (Um drink no inferno) e John Landau (produtor de Titanic), que estavam presentes e falaram um pouco sobre o desafio de adaptar um mangá para a tela. Em seguida, Dylan O´Brien que interpreta Thomas, o protagonista de Maze Runner, bateu um papo com o público sobre o terceiro longa e a platéia teve a honra de poder assistir os primeiros 11 minutos com exclusividade. A última exibição do painel foi sobre Os novos mutantes. Primeiro, passaram o trailer, que já havia sido postado no YouTube e os atores Henry Zaga e Alice Braga (ambos brasileiros) que interpretam Mancha Solar e a Doutora Cecília Reyes, respectivamente, participaram do painel, juntamente com o diretor Josh Boone, o roteirista Knate Lee e o quadrinhista Bill Sinkiewicz, criador do personagem Urso Místico. Um garoto pediu pra tirar foto comigo (eu estava de 10 Doutor, com o sobretudo marrom do David Tennant), saí do auditório e fui dar uma volta nos estandes, não comprei nada nesse dia, apenas tirei fotos e voltei. 
Eu com a Gail Simone. Esse pôster da Mulher-Maravilha era entregue a todo mundo que pegasse o autógrafo dela.

Dia 3-sábado, 10 de dezembro:
Acordei 5:30 (isso porque estava hospedada em frente ao local, se estivesse mais longe, teria que ter acordado mais cedo para conseguir lugar!) e fui para a fila do auditório Cinemark. Fiquei esperando até 9h quando as portas foram abertas, entramos no auditório, recebemos alguns cards de brindes na cadeira e tivemos que esperar até 11h, quando a animação da Disney Pixar começou. Em 2014 foi Operação Big Hero, em 2015 O bom dinossauro, em 2016 Moana e agora o ótimo Viva-a vida é uma festa, sobre um menino mexicano que encara uma aventura durante o festival do Dia dos Mortos. Após a animação acabar, Borgo apareceu e o tão aguardado painel de Star Wars começou. BB-8 apareceu e ´´contou´´ que haveriam alguns teasers inéditos. O aviso de desligar celulares foi dado (sob pena de expulsão do auditório) e o primeiro teaser exclusivo da CCXP foi um recado do diretor Rian Johnson e do elenco para o público brasileiro, seguido de uma homenagem à falecida Carrie Fisher e por último, um vídeo das locações do episódio VIII e do elenco falando de como eles parecem uma família.Obs: o elenco não pôde vir porque a data da premiere de Los Angeles coincidiu com a da CCXP.
 Após os aplausos e um intervalo de meia hora,o painel da Marvel começou. Em primeiro lugar, houve uma exibição do trailer final de Vingadores:Guerra Infinita (que já estava no YouTube mas teve uma cena apenas para quem estava no evento, que mostra Os Guardiões da Galáxia encontrando Thor) e logo após,um feito que me deixou impressionada: um bate-papo com o presidente da Marvel, Kevin Feige. Ele mostrou algumas novidades, como os primeiros 11 minutos de Pantera Negra, falou o que está por vir no universo cinematográfico da Marvel e convidou a pessoa que tinha chegado em primeiro lugar na fila para ir na premiere de Pantera Negra em Los Angeles!O sortudo foi Hugo Gomes. Teve também uma aparição da convidada especial, Danai Gurira, atriz que faz a Michonne em The Walking Dead e que aparecerá como Okoya, a líder das Dora Milaje, o esquadrão feminino de proteção do rei de Wakanda, T´Challa. Ela disse que adora o entusiasmo dos fãs brasileiros e elogiou o país. Antes de o painel acabar, o publico pôde conferir um vídeo de uma ´´entrevista de emprego´´ em que Paul Rudd e Michael Peña fazem um resumo de tudo o que aconteceu no MCU até agora para uma possível candidata ao papel da Vespa Janet Von Dyne, ninguém menos do que Michelle Pfeiffer. Aconteceu do painel da Marvel ser mais épico do que o de Star Wars! Saí do auditório e fui colocar minha fantasia de Batgirl versão anos 60. Quis fazer uma homenagem à Yvonne Craig, falecida em agosto de 2015. Fui no Chiaroscuro Studios, para pegar autógrafo da Gail Simone e ela elogiou meu cosplay e autografou meu exemplar de Megalopolis, uma história do Sexteto Secreto, uma sociedade secreta de super-vilões.Depois de pegar o autógrafo dela, entrei na fila para pegar o do Glenn Fabry e dei uma sorte tremenda porque ela já tinha sido encerrada e só consegui entrar porque o penúltimo desistiu e falou para eu entrar no lugar dele (Deus abençoe esse ser iluminado!) e consegui pegar dele e do Bill Sinkiewicz. Passei na Piticas porque uma amiga tinha pedido para ver se tinha uma blusa da Mulher-Maravilha que ela queria mas que infelizmente, esgotou no segundo dia do evento.Voltei para casa depois de todos esses acontecimentos e me preparar para o último dia.
Eu com um garoto fazendo cosplay de Constantine

Dia 4-domingo, 10 de dezembro:
Acordei, tomei café rapidamente e fui para o São Paulo Expo com a Bia, minha amiga que dividi a casa, fomos para a fila da HBO. A atração da foto de 360 graus de Game of Thrones tinha uma fila de 4 horas (sim, você leu certo, 4 horas!). Entramos na fila uma e pouco da tarde e saímos da atração 4 e pouco da tarde. Durante todo esse tempo, só saí da fila uma vez para pegar um button dos Simpsons que estavam distribuindo em um estande próximo. Vesti a capa da Sansa Stark e a Bia de Jon Snow e balançamos nossas espadas durante um minuto enquanto a câmera rodava uma volta completa e a montagem de nós lutando contra os White Walkers era feita e enviada para meu e-mail. Após isso, fomos imediatamente ao estande da Warner porque eu estava doida para conseguir uma daquelas bolsa-mochila. Entrei na fila para tirar foto no tridente do Aquaman e ganhar a mochila dele. Imaginem meu desespero quando chego na metade da fila quando vejo que as mochilas acabaram e foram substituídas por pôsteres do jogo Injustice. Quando estava quase chegando a minha vez, para minha imensa surpresa (e alegria!) as mochilas foram repostas. Tirei a foto com o tridente e saí dali feliz com a mochila. Encontrei dois prints de Star Wars caídos no chão e postei no grupo oficial do evento no Facebook para ver se a pessoa que tinha perdido me enviava um mensagem descrevendo as imagens para marcarmos um encontro e eu poder devolver. Encontramos dois amigos nossos e andamos juntos no Artists Alley um pouco depois fui explorar. Precisava passar na Comix e na Panini e comprar dois mangás que um amigo tinha me encomendado. Achei-os e encontrei um exemplar de Hellblazer que vinha procurando há tempos na Comic Hunter. Fui tirar foto no estande da Fox, tirei no de Sobrenatural 4 e no de Hotel Transilvânia. Participei do trenzinho (explico: o terceiro filme de Hotel Transilvânia se passará num cruzeiro e os funcionários estavam fazendo um trenzinho para comemorar). Fizeram uma contagem regressiva quando faltava um minuto para o evento terminar. Me encontrei com minha amiga e voltamos para casa. Fechei o evento com chave de ouro! Peguei todos os autógrafos que queria (dos internacionais consegui todos e dos quadrinhistas nacionais só ficou faltando do Ivan Reis mas pego em outra ocasião). Essa foi a primeira vez desde que vou ao evento, desde sua primeira edição em 2014, que não comprei foto nem autógrafo com nenhum dos atores convidados) porque as que queria conhecer, Rebecca Madder, de Once upon a time e Natalina Tena, de Harry Potter e Game of Thrones, cancelaram. Mas mesmo assim, foi épico!Que venha 2018!




Nenhum comentário

Postar um comentário