08 agosto 2017

[Evento] Ensaio aberto de Minha Mãe é Uma Peça



Nesse domingo, dia 6 de agosto de 2017, eu e Bruna Brezolini fomos no Teatro Bradesco, localizado no Shopping Village Mall, na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio de Janeiro. Não foi uma apresentação da icônica peça, foi um ensaio aberto, o que significa que poderia ser interrompido a qualquer momento sem aviso. Imagino que a maioria de vocês já esteja familiarizado com o trabalho do Paulo Gustavo e sabem o quão talentoso ele é. Nós o consideramos um dos melhores comediantes do país.

Nas palavras da Bruna: falar de qualquer trabalho dele é extremamente fácil, pois tudo o que ele faz é com maestria e com muito talento! Minha mãe é uma peça foi um marco em sua carreira, e finalmente ele voltou a nos honrar com esse show nos palcos. Fico feliz pela oportunidade de conferir a sua atuação impecável, que fica ainda melhor a cada ano, fazendo a personagem Dona Hermínia.Ela é uma dona de casa comum, que tem sonhos e muitas frustrações, mas acima de tudo, ama seus filhos. Mas como qualquer família, eles tem seus desentendimentos e tentam resolver tudo com muito amor! A peça é solo, só ele no palco não passa nem perto de ser entediante! Os outros personagens (Marcelina, Juliano e Carlos Alberto, tia Zélia, Soraia e o rapaz do teatro)interagem com a dona Hermínia através de ´´vozes´´ ao fundo ou subentendidas pelo telefone.Enfim, como não se identificar com as tiradas cômicas, as situações do cotidiano que se encaixam perfeitamente com o que vivenciamos, nos fazendo rir intensamente?

E eu acrescento: esse lance do PG de brincar com nossos problemas do dia-a-dia é o que torna a peça tão interessante, pois sentimos empatia e nos reconhecemos naquelas situações. Quem, assim como Dona Hermínia, nunca se sentiu incapaz de seguir seus sonhos (no caso dela, de atriz)sobrecarregado de coisas para fazer e que não era bom o suficiente para agradar alguém Nos divertimos tanto que a hora passa rapidinho, quando acabou eu fiquei com aquela sensação de ´´ mas já?´´ Sou a favor dele criar um espetáculo mais longo! Nos dez minutos finais, abriu-se uma sessão especial de fotos para a imprensa.

Curiosidades: a personagem foi inspirada na mãe do personagem, a verdadeira Dona Hermínia. E ele é daqui de Niterói!
  


Escrito por Bruna Brezolini e Clara Monnerat
   

Nenhum comentário

Postar um comentário