29 janeiro 2017

[Resenha] Escândalo de cetim

Sinopse:
Irmã do meio entre a três proprietárias de um refinado ateliê de Londres, Sophia Noirot tem um talento inato para desenhar chapéus luxuosos e um dom notável para planos infalíveis. A loura de olhos azuis e jeito inocente é na verdade uma raposa, capaz de vender areia a beduínos. Assim, quando a ingênua lady Clara Fairfax, a cliente mais importante da Maison Noirot, é seduzida por um lorde mal-intencionado diante de toda a alta sociedade londrina, Sophia é a pessoa mais indicada para reverter a situação.

Nessa tarefa, ela terá o auxílio do irmão cabeça-dura de lady Clara, o conde de Longmore. Alto, musculoso e sem um pingo de sutileza, Longmore não poderia ser mais diferente de Sophia. Se a jovem modista ilude as damas para conseguir vesti-las, ele as seduz com o intuito de despi-las. Unidos para salvar lady Clara da desonra, esses charmosos trapaceiros podem dar início a uma escandalosa história de amor... se sobreviverem um ao outro.

Em Escândalo de Cetim, segundo livro da série As Modistas, Loretta Chase nos presenteia com um dos casais mais deliciosos já descritos. Além de terem uma inegável química, Sophia e Longmore são divertidos como o rodopiar de uma valsa e sensuais como um corpete bem desenhado.


O que eu achei? 

A continuação da série As modistas está de volta e com ela vamos adentrar na vida da irmã de Marcelline: Sophia, assim como conheceremos o conde Longmore, um amável sedutor. Preparadxs para família Noir?

Clara ex pretendente do cunhado de Sophia acaba de cometer o erro de se encantar com um homem que quer apenas o dote de sua família, este homem é falido e sem escrúpulos. 
Sophia é irmã de Marcelline e assim como sua irmã trabalha como modista, enquanto Harry Longmore está tendo problemas por sua irmã Clara ter cedido aos encantos de um interesseiro. 
Sophia se une Harry para arrumar um com partido para Clara,lembrando que Clara é a melhor cliente das irmãs modistas, em meio a esta confusão as irmãs Noir terão ainda que encarar uma rival do passado.
Depois de muita conversa e de Sopia convencer Harry que poderá ajudá- lo, eles se unem em projetos paralelos. Mas o que eles não poderiam contar é que Clara fugisse sem deixar vestígios de onde poderia ir.

Como uma verdadeira Noir, Sophia elabora um plano urgente e perspicaz onde deverá viajar com Harry e um rapaz que trabalha para ela em seu ateliê. Durante o trajeto para descobrir onde Clara foi parar, decidem começar a perguntar se alguém viu a carruagem dela ou sua empregada, logo conseguem uma pista promissora.
Quando cai uma chuva forte os três viajantes terão que arrumar um lugar para passar a noite; após se hospedarem e cada um ir pro seu quarto destinado haverá um imprevisto que obrigará o lorde Harry Longmore a salvá- la. Logo, estão se beijando e Longmore se encanta com a forma com que Sophia se entrega à ele.

Após muitas buscas e literalmente irem correndo atrás de Clara, Harry e Sophia a encontram totalmente desolada e sentindo-se humilhada, já que fugiu de seu noivo, aquele com quem foi vista indecentemente aos beijos e com um pedaço de pele exposta. Sophia não tem ideia de como poderá "limpar"  a honra de Clara, mas certamente se dedicará a fazê- lo.
Durante a noite após encontrarem Clara e estarem todos hospedados, Sophia é atacada por 4 homens embriagados, mesmo batendo, rebatendo e esmurrando, ainda assim ela não consegue se livrar deles; até que Harry aparece distribuindo solavancos nos 4 homens. Enquanto retira Sophia dali, sente-se incrivelmente atraído por ela e a beija, espontaneamente envolvida pela luxúria entrega sua virgindade à ele. Detalhe: uma das melhores cenas sexuais que já li, rica em detalhes e suave como deveria ser.

Ao voltarem para casa, Harry e Sophia não conseguem disfarçar a tração, mas como Sophia já criou um plano ardiloso para fazer com que o tal noivo de Clara desista do casamento, logo terá que deixar seu romance para depois.
Eles criam uma personagem onde Sophia se tornará uma mulher muito influente e rica, envolvendo o noivo de Clara. Com uma facilidade em interagir e "costurar" a história dos personagens, mais uma vez Loretta encanta, envolve o leitor na costura da família Noir.
Com um final maravilhoso, certamente deixou um gostinho de quero mais para mim, que já estou ansiosa para sequência da história das irmãs Noir.

Resenha 1º livro:Sedução da Seda

2 comentários

  1. Miga amei sua resenha e super li essas irmãs. Gostei muito e amo livros de época. Faz mais resenhas sobre esse gênero?
    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então não gosto muito de romances de época, mas essa série... só Deus

      Excluir