12 maio 2017

[Resenha] Tudo ou Nada

Jake Taylor e Amy Briggs planejaram passar toda a vida juntos. Porém a traumática perda do melhor amigo de infância de Jake, durante a passagem para o Ensino Médio, despertou reações em cadeia, virando suas vidas de cabeça para baixo. Separados por milhares de quilômetros enquanto buscavam a realização de seus sonhos na faculdade, Jake e Amy encontram seus próprios caminhos em diferentes direções. Enquanto Jake vive suas fantasias de jogar basquete na faculdade pela Universidade de Louisville, Amy começa a descobrir o formidável chamado que existe dentro de si e aguça os sentidos por sua nova paixão. Jake perde o foco no seu relacionamento íntimo com Deus, depois desperta e percebe que precisa realizar drásticas mudanças para voltar ao caminho certo, além de outras coisas que merecem prioridade em sua vida. Enquanto concluir a faculdade paira no futuro e suas vidas parecem um loop de giros e reviravoltas, há uma coisa que os prende: o passado que têm em comum. Quando o sonho de estarem juntos parece impossível, eles são desafiados à mais bela questão de suas vidas: Eu estou disposto a sacrificar tudo e a confiar em Deus?
O que eu Achei:
Um ano e meio após o último livro, e Jake teve a chance de brilhar em seu time de basquete quando seu rival Nate torce o tornozelo e ele ao substitui-lo leve seu time a vitória do campeonato. Mas como toda estrela ele fica cercado por inveja principalmente com a volta de Nate que quer seu posto de astro de volta e está disposto a tudo para tornar isso realidade.

Mesmo com sua vida toda encaminhada seus pensamentos estavam a quase 150km de distancia, na direção de sua caminhonete. Seus planos ao voltar eram ir a igreja e surpreender seu pastor com seu retorno e cumprimentar a cada um ali com um abraço e um belo sorriso. E claro seus pensamentos vão até Amy e seu coração se enche de amor e ele pede a Deus que abra o coração dela para recebe-lo de volta.

Amy estava namorando Steve, mas percebemos que seu relacionamento não caminha bem, os planos de Amy eram muito diferentes dos de Steve, e seus pensamentos se voltam para Deus para que Ele a dê uma direção e um caminho para o futuro que combine com os ideais dela, para que ela supere o passado e consiga construir um belo futuro.

As inquietações dos jovens Jake e Amy são apresentadas e os dois buscam na igreja e em suas fés as respostas aos conflitos que vivem, sem realizarem os sonhos de estarem juntos. Jake se pergunta se chegou a hora de seguir em frente, mesmo em seu consciente desejando um reencontro com Amy, mas estariam os dois preparados para tal reencontro? Estariam preparados para recomeçar e se modificarem diante de Deus? Seria esta a confirmação de Deus em suas vidas? Bom isso só lendo até a última página para descobrir.

3 comentários

  1. Tenho lido algumas resenhas dos primeiros livros, e não simpatizei com o personagem Jake.
    Erros todos cometem, mas mesmo assim essa história não me convenceu muito.
    Talvez eu esteja enganada. Já que não li o livro...
    Bem, se eu tiver uma oportunidade, vou ler sim. Mas não me interessei muito.

    ResponderExcluir
  2. Tenho lido algumas resenhas dos primeiros livros, e não simpatizei com o personagem Jake.
    Erros todos cometem, mas mesmo assim essa história não me convenceu muito.
    Talvez eu esteja enganada. Já que não li o livro...
    Bem, se eu tiver uma oportunidade, vou ler sim. Mas não me interessei muito.

    ResponderExcluir
  3. Oi Mayara,
    Parece que nessa trajetória além de autoconhecimento Jake vai precisar fortalecer sua fé. Não chega a ser um enredo que me atraia mas com certeza deve trazer algum ensinamento.
    Beijos

    ResponderExcluir