16 setembro 2017

[Teatro] Adaptação teatral nacional de Dançando No Escuro



Para o cinéfilos e fãs da cantora islandesa Björk, o nome Lars Von Trier é bem familiar. Ele e a cantora trabalharam junto no filme Dançando no Escuro (Dancer in the Dark, 2000), onde Lars dirigiu a obra, e Björk criou a trilha sonora e atuou como a protagonista, Selma, demonstrando uma entrega e imersão excepcional em seu primeiro - e último - trabalho como atriz.

A notícia saiu na última Terça-Feira (12) no blog do jornal Folha de São Paulo. De acordo com a página, a adaptação - uma tradução da obra teatral do nova-iorquino Patrick Ellsworth - será feita por Elidia Novaes e terá a direção da atriz Dani Barros (de "Estamira, Beira do Mundo). A direção musical contará com Marcelo Alonso Neves. A atriz Juliane Bodini fará o papel de Selma, a protagonista da história.

Ainda na mesma publicação, foi dito que a iluminação irá acompanhar o drama da perda de visão da protagonista, ou seja, no decorrer do espetáculo, a luz irá gradativamente se apagando, ao passo que Selma vai perdendo a visão; haverá também jogos de sons e momentos de extrema escuridão, onde tudo será descrito por áudio.

Agora a boa notícia para os cariocas! A peça irá estrear no dia 19 de Outubro, no SESC Ginástico. A temporada irá até 19 de Novembro. Ainda não há informações sobre horários, valores e dias de exibição, mas já marquem na agenda e não percam.  E não esqueçam o lenço para as lágrimas - que serão muitas.

Ah, e para quem não conhece a história do filme, segue aqui a sinopse para vocês. A obra é um drama-musical avassalador, diferente de tudo o que você já viu.

Selma Jezkova (Björk) é uma mãe-solteira tcheca que foi morar nos Estados Unidos. Ela tem uma doença hereditária que a faz perder a visão, algo que também deverá acontecer um dia a seu filho Gene (Vladan Kostig), um garoto de doze anos. Entretanto, em virtude de saber que existem médicos nos Estados Unidos que podem operar seu filho isto foi o suficiente para fazê-la imigrar para o país. Ela trabalha muito duro e guarda tudo o que ganha para a cirurgia do filho. Bill (David Morse) e Linda (Cara Seymour), seus vizinhos, juntamente com Kathy (Catherine Deneuve), uma colega de fábrica, a ajudam no que é possível, mas quando Bill se vê em dificuldades financeiras rouba o dinheiro que Selma tinha economizado duramente. Este roubo é o ponto de partida para trágicos acontecimentos.

Nenhum comentário

Postar um comentário