06 setembro 2017

[Resenha] Não era você que eu esperava


Nesta graphic novel autobiográfica, Fabien Toulmé fala com emoção, humor e humildade sobre um encontro inesperado de um pai com sua filha que possui Síndrome de Down.
O casal enfrenta o nascimento de uma criança especial. É como uma tempestade inesperada, um furacão. Quando a menina nasce com a síndrome, até então não diagnosticada, a vida de Fabien desmorona. Indo da fúria à rejeição, da aceitação ao amor, o autor fala sobre a descoberta de como é ser diferente.


O que eu achei?

Fabien é um homem normal que leva a sua vida normal, mas desde que era bem jovem nutria uma verdadeira aversão com a trissomia 21 ou simplesmente, síndrome de Down. Na verdade nem mesmo Fabien sabia de onde e como surgiu este seu problema com a síndrome.

Fabien conhece Patrícia e se apaixona por ela, larga tudo para poder viver no Brasil, terra natal dela. Passa- se algum tempo e Patricicia engravida de Louise, uma menina saudável e "normal"; mas quando ela engravida pela segunda vez Fabien volta a repensar na possibilidade de ter uma filha "doente".
Depois de algumas ultrassonografias os médicos informam que estava tudo bem e seu filho é "normal" e saudável.

Fabien fica feliz de ter certeza que sua filha está bem e decide voltar para França com sua família. Assim que chegam em terras francesas ele decide procurar logo um médico que garantisse de fato que sua filha seria saudável, e mais uma vez foram informados que sua filha era um bebê normal.


Enquanto isso Fabien tenta se ajeitar e já havia arrumado um emprego e se estabilizado numa casa na periferia de Paris. Tudo ia bem na vida de Fabien e sua família até o dia do nascimento de Julia, quando enfim ele terá certeza que todos seus receios estavam certos: Julia era portadora da trissomia 21 e a partir daí sua vida vira de cabeça para baixo.

Fabien e sua família terão que conviver com todas dificuldades que uma criança portadora da síndrome sofre, desde a idas a fonoaudiólogos e médicos específicos para tratá-la. Mas sua maior dificuldade será entender como poderá amar uma filha que tem tudo aquilo que ele sempre teve pavor, medo de enfrentar.

O livro é sutil e relata as dificuldades de um pai em se encontrar com sua filha síndrome de ddown, o amor obviamente irá superar tudo, mas de que forma Fabien será capaz de fazê-lo?

Você irá se emocionar com essa HQ que promete ser inesquecível!

Nenhum comentário

Postar um comentário