24 agosto 2016

[Crítica] Pets - A Vida Secreta dos Bichos

Sinopse:
Max é um cachorro que mora em um apartamento de Manhattan. Quando sua querida dona traz para casa um novo cão chamado Duke, Max não gosta nada, já que seus privilégios parecem ter acabado. Mas logo eles vão ter que pôr as divergências de lado quando um incidente coloca os dois na mira da carrocinha. Enquanto tentam fugir, os animais da vizinhança se reúnem para o resgate e uma gangue de bichos que moram nos esgotos se mete no caminho da dupla.
O que eu achei:
Quem tem, já teve, ou quer ter um bichinho de estimação sabe ou imagina como dói ter que deixa-los sozinhos quando saímos de casa e a alegria que é ser recepcionado na volta por esses seres de puro amor. Mas, o que será que eles aprontam nesse meio tempo? Eles não podem ficar o tempo inteiro parados em frente a porta nos esperando voltar, ou podem?!
Em Pets - A vida secreta dos bichos somos apresentados a Max um cachorrinho que ama a sua vida e sua melhor amiga, que também é sua dona, e todo dia quando ela sai para o trabalho ele fica completamente desolado e fica boa parte do dia em frente a porta esperando ansiosamente seu retorno mesmo que para isso ele tenha que deixar de lado seus amigos, como Gigi(um cadela muito chique), Chloe(uma gata gorda que se acha muito superior aos cachorros), Mel(um pug, que só por isso já ganhou meu coração), e muitos outros, como um periquito, um porquinho da índia perdido, um cachorro salsicha, e por aí vai.
Porém, em uma noite, ao chegar em casa a dona de Max não está só, traz com ela um imenso vira-lata chamado Duke que agora será o novo irmão de Max, que obviamente não gosta nada da ideia. Já na primeira noite Duke se mostra muito chato, além de roupar a atenção, também rouba sua caminha e o obriga a dormir no chão frio, então no dia seguinte Max implora desesperadamente a sua dona que se livre de Duke, mas é claro que ela não o entende e acha que seus latidos incessantes mostram felicidade pelo novo amigo, mas Duke sabe quais eram as intenções de Max e a guerra entre os dois começa.
Nesta guerra um tenta sabotar o outro o tempo inteiro, eles só não esperavam que fossem se encrencar tanto a ponto de serem perseguidos pela carrocinha e a única forma de escapar fosse se aliando a turma barra pesada, que incluem um coelho, um porco, um crocodilo, e vários bichos inusitados, que vive no esgoto e odeia os humanos e seus animaizinhos de estimação, e eles não conseguem fingir que não são pets por muito tempo.
Enquanto Max e Duke se unem para fugir da carrocinha e da gangue do esgoto, Gigi, a cadelinha completamente fissurada em Max, nota a sua falta e reúne a turma inteira de amigos, mais uma águia sinistra para tentar encontrar e salvar o grande amor de sua vida.
Pets é daqueles filmes infantis que agradam a todas as idades e gerações, principalmente aos apaixonados por animais. É um filme que tem muito a acrescentar, fala sobre irmandade, como em muitas vezes somo tão egoístas quando é fácil compartilhar, amizade, amigos que se ajudam independente da situação, e sobre uma das mais sinceras formas de amor, que só um bichinho de estimação é capaz de proporcionar. E como era de se esperar de um filme dos mesmos criadores de Meu Malvado Favorito é um filme para rir do começo ao fim e tem tudo para virar a nova febre da criançada.
Obs: Antes do início do filme tem um curta metragem mega fofo e divertido dos Minions(surtei, sim, claro, ou com certeza?!)
Obs²: Falando em coisa mega fofa e divertida não percam a cena pós créditos, vale muito a pena ficar mais um pouquinho sentado no cinema!
Pets- A vida Secreta dos Bichos estreia esta quinta (25/08) no Brasil!

Trailer:


Um comentário

  1. Nossa,tem cara de filmão. Vou ver com certeza!

    http://torradaseca1.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir