07 março 2017

[Resenha] As Mais Belas Histórias- Vol. 1

Reunindo textos de Andersen, Grimm e Perrault – como A bela adormecida, O gato de botas, A pequena sereia – muito conhecidos do público e outros não tão conhecidos, os volumes 1 e 2 de As mais belas histórias são antologias de uma das formas literárias mais importantes de todos os tempos: os contos de fadas. Nesta edição, oferecemos aos leitores a tradução das versões originais de histórias que nos ajudam a crescer, a superar nossos medos e aflições: o frio que sentimos na barriga, os sustos e a descoberta de saídas que vivenciamos durante a leitura são importantes para nossa formação e compreensão da vida. Talvez seja por isso que, há vários séculos, essas histórias encantem geração após geração no mundo inteiro e tenham recebido tantas versões.

O que eu achei?
Misturando o mágico, o lúdico e o sombrio, experimentamos, lendo os contos desse livro (que reune os Irmãos Grimm, Perrault e Andersen), várias pequenas viagens ricas de ensinamentos e simbolismos, revisitando algumas histórias, em seus conteúdo original, os clássicos que já conhecemos pelas animações da Disney.

Mas para que está acostuma aos contos de fadas da Disney, essas historias surpreenderão (positiva ou negativamente, dependendo do seu apego aos filmes). Aqui vemos a origem das histórias já tão conhecidas, em sua forma original: contos. Algumas não passam de dez páginas (se muito!), sem muitos rodeiros ou firulas desnecessárias, tal qual um conto deve ser. Preciso e direto. Um prato cheio para os amantes dos clássicos.

A tradução das versões desse livro são integrais, ou seja, não forma editadas nem adaptadas; estão como foram criadas originalmente.

Nos contos nos deparamos ora com atmosferas mais sombrias, soturnas, que exploram o lado mais obscuro do ser humano, com personagens aproveitadores, falsos e manipuladores, com características sarcásticas nos seus enredos; ora, contos mais sentimentais, tendendo ao drama romântico, com a utilização de histórias sofridas, usando sempre a pobreza e a esperança como alimento, com personagens sonhadoras, esperançosas e bondosas.

O lúdico e o mágico, estão sempre presenta, é logico. Mas os contos vão além da magia de luzes e raios. São mais subjetivas em alguns momentos, mais folclórico e mitológico, talvez, mesmo com bruxas e fadas.

A edição é linda, com uma diagramação que remete um pouco aos livros antigos, e ao início de cada conto, uma ilustração de página inteira nos apresenta a história que vem a seguir.
Ensinamentos morais estão por toda parte, com pitadas de auto-estima e aceitação, levando o leitor não apenas numa viagem fantástica, mas também num passei de autoconhecimento e aprendizado. Uma leitura rica para toda e qualquer idade.


10 comentários

  1. Oi Irlan,
    Que edição linda, essa capa roxa está maravilhosa. Eu tenho um livro beeeem antigo com os contos dos Irmãos Grimm, Perrault e Andersen. É o tipo de livro que todos devemos ter na estante, seja para ler para crianças, para decorar e até mesmo para fazermos uma leitura descomprometida.
    Aichha Carolina Pereira
    aichha_carolina_p@hotmail.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Aichha. Confesso que primeira vez que tenho contato com esses contos, mas já adorei. E a edição está linda, da capa ao miolo. Vale super a pena.

      Excluir
  2. Gosto muito de contos. Só não sei se gostaria muito desses...
    Sem dúvida alguma a edição está linda.E com toda certeza para todos os amantes do gênero,essa é uma boa surpresa.

    janaina silva
    silvajanaina576@gmail.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Janaina. Os contos são bem legais, dê uma chance que aposto que algums irão te surpreender muito. :)

      Excluir
  3. eu adoro esses "contos de fadas" e essas versões originais muitas são BEM sombrias... muitas vezes sem felizes para sempre
    eu já li diversos dele, mas não conhecia essa coletânea, o problema é descobrir quantos contos eu não tenho em outras edições

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muuuuito sombrias haha mas ainda assim são fascinantes. E esse é o problema das coletâneas, sempre tem um conto diferente (pelo menos) de outras ediçoes

      Excluir
  4. Eu posso dizer que sempre tive muita curiosidade em relação aos verdadeiros lados das histórias de conta de fadas adaptados então quando procurei e me deparei com o lado negro dos contos entendi um pouco o motivo das modificações kkkkk Tenho interesse nesse livro e vou dar mais um procurada sobre ele.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também sempre tive essa curiosidade e também entendi as modificações hahhaaha imagine se as animações fossem fiéis ao originais? Muitos medos e sustos haha
      E procure sim; a edição é linda. Espero que goste

      Excluir
    2. Eu também sempre tive essa curiosidade e também entendi as modificações hahhaaha imagine se as animações fossem fiéis ao originais? Muitos medos e sustos haha
      E procure sim; a edição é linda. Espero que goste

      Excluir