Books Brasil Books

Novidades

[News] Luan Santana se consagra ao implantar evento em Goiânia

 Luan Santana se consagra ao implantar evento em Goiânia



Ao lembrar de início de carreira, cantor se emociona no "Luan CIty Festival" e dedica projeto à mãe Marizete Santana


Com shows de Murilo Huff, Diego e Victor Hugo, Matheus Fernandes e do próprio dono da festa, Luan Santana lançou o seu LUAN CITY FESTIVAL, ontem (24/7), no estacionamento do Serra Dourada, em Goiânia. Emocionado, o cantor relembrou o início de carreira e dedicou à mãe, Marizete Santana, a grandiosidade do projeto. Na plateia, também tocados pelo momento, a irmã Bruna e o pai Amarildo. A noiva Izadora Cunha fez coro aos grandes hits do artista. O primeiro show começou às 16h30, sob comando de Matheus Fernandes, que agitou a galera com músicas como "Balanço da Rede", "Coração Cachorro" e "Baby me atende". Matheus também chamou no palco o fenômeno português David Carreira, que cantou "Saturno". Na sequência, Diego e Victor Hugo deram o tom romântico ao evento, acompanhados da plateia em sucessos como "Facas", "Desbloqueado" e Assume a Gente", a parceria com João Bosco e Gabriel. Por volta das 21h, Murilo Huff assumiu o comando do palco, interpretando "Dois Enganados", cantando clássicos sertanejos e fazendo homenagem a Marilia Mendonça. 


O anfitrião Luan Santana encerrou o festival e, por mais de duas horas, presenteou os fãs com um o repertório especial. Das atuais: "Erro Planejado”, “Perigo Noturno”, “Cigana”, “Seu Doutor” e “Morena". Grandes sucessos como “Quando a bad bater”, “Choque Térmico”, "Sorria”, "Ilha", com destaque para os hits "Meteoro", "Amar não é Pecado", "Sinais", "Acordando o Prédio", "Vingança"  e "Escreve aí". Apaixonado pelos "modões", o cantor ainda reviveu clássicos sertanejos, como "Convite de Casamento”, “Dois Corações e Uma História”, “Boate Azul” e “Vai pro Inferno”. No final, ele chamou Murilo Huff, Diego e Victor Hugo. Juntos levaram o público ao delírio cantando músicas de seus ídolos Chitãozinho e Xororó, Zezé Di Camargo e Luciano, Leonardo e Daniel.


O cenário foi um show à parte do LUAN CITY FESTIVAL, com jogos de luzes e efeitos especiais, inspirado na Nova York dos anos 20. 


“ Estou realizado. Foi o maior show da minha vida nesses quinze anos, foi um marco na minha carreira. O ‘Luan City Festival’ foi mais do que um festival, mais do que um show em Goiânia, o momento em que eu cheguei no local e vi a estrutura, olhei pra cima e vi essa imensidão que dá a sensação de estarmos em Nova York ou Las Vegas. Passou um filme na minha cabeça, foi um dia muito marcante. O público fez parte de um momento muito especial pra mim. E como forma de agradecimento por todos esses anos de alegria e de amor que meus fãs me deram, eu dedico tudo isso para vocês. Eu dedico a minha mãe Marizete Santana, que fez meu primeiro cenário com uma cortina de lycra e eu criei uns efeitos, ao começo de tudo a ela minha mãe, Marizete.”, afirma Luan Santana.

Nenhum comentário